História Imagine Jeon Jungkook - Capítulo 2


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Personagens Originais, Rap Monster, Suga, V
Visualizações 321
Palavras 925
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Famí­lia, Festa, Hentai, Romance e Novela, Violência
Avisos: Álcool, Drogas, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Mutilação, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Foto qualquer.

Capítulo 2 - Capítulo 2


Fanfic / Fanfiction Imagine Jeon Jungkook - Capítulo 2 - Capítulo 2

( S/n) On.

- Filha você precisa arranjar um emprego.

-Eu sei, eu sei, mais a minha área estar sendo muito disputada, mais consegui conversar com uma moça, Senhora Jeon, e ela disse que começo a trabalhar mês que vem.

- Que bom. Mas é o seu namorado? já terminou com ele ?

- Aigoo, ainda não.

-Por que ? - disse minha Omma aparecendo na cozinha sentando-se junto a nós

- Não tenho coragem.

- Mais tem coragem de aguenta as surras que ele te dá ! Eu não te criei para apanhar de macho.

- Eu sei - já chorava - mais ele me mata se eu termina.

- Te dou 3 meses para termina com ele.

- Okay, mais vamos festejar que eu conseguir um emprego-disse animada, logo vendo minha mãe arregalar os olhos.

- Ah, que ótima notícia ! - sorriu levantando-se e pegando três taças e vinho.

Bom me chamo ( S/n), tenho 20 anos, e sou fisioterapeuta, bom dês de criança sempre amei pessoas com deficiência, sempre quis ajudar pessoas,em que não podem, ou não conseguem andar a talvez consigam.

Depois de algumas taças de vinho fui me deitar, um pouco tonta, me joguei na cama logo me cobrindo.

Jeon Jungkook On.

Como foi meu dia ? horrível como sempre, acordei depois de uma noite mal sonhada, a odiada fisioterapeuta vem ver como estar minhas pernas, e feliz ou infelizmente, meu membro esta ativo, e pelo menos um sinal.

Depois da odiada fisioterapia me deitei na cama e fiquei vendo filmes, isso foi meu dia. Até chegar a noite, minha dinda sempre amor comigo uma das únicas pessoas em que me alegra.

- Oi meu bebê - me deu um selar na testa, e eu sorrir.

- Aigoo Dinda, já lhe disse que não sou um bebê! - falei sorrindo.

- Coelhinho! você sempre será meu bebê!

- Aigoo Dinda, menos coelhinho.

- Amo vê você sorrindo.

- Não tenho muitos porquês de sorrir.

- Um dia você vai encontrar uma pessoa que vai lhe amar, mais do que eu.

-Eu não sei. - beijou novamente minha testa e saiu do quarto e logo minha Omma entra.

- Olá Omma !

- Um parece que alguém está feliz.

- Talvez um pouco.

- Enfim, a outra fisioterapeuta. Não irá vim mais.

- Devo dizer amém?

- Talvez. - gargalhou- Bom acho que a fisioterapeuta vira mais cedo. Trate de ser comporta !

- Okay, okay - selou minha testa e saiu do quarto, me deixando sozinho em meu quarto, apertei o botão que fica perto da cama fazendo com que a porta se fechasse.

( S/n) On.

Eram quatro da manhã, é meu celular tocava sem parar, como ainda estava sonolenta. Não olhei para tela, só atendi.

- Alô ?

- ( S/n) !

- Senhora Jeon ?

- A mesma, por favor venha na minha casa Jungkook estar se contorcendo de dor, além de estar com febre, por favor.

- Chego em 30 minutos. - desliguei rapidamente colocando uma legg preta junto com uma blusa branca e tênis, amarrei rapidamente meu cabelo com rabo de cavalo pegando algumas papéis e uns prováveis remédios e utensílios que iria ter que usar, abri rapidamente a porta do meu quarto destracando a porta e correndo em direção a casa dos Jeons.

20 minutos depois já estava em frente a casa dos Jeons, sem repara como é a estrutura da casa, entrei correndo para dentro da casa com a permissão de dois seguranças, entrando na casa Senhora Jeon logo diz:

- Venha e por aqui - me levou para um quarto que ficava encima da sala, abri a porta do quarto com pressa, vendo um jovem na cama; a cama estava completamente molhada, além do jovem que estava vermelho e contorcia o tronco enquanto as pernas estavam viradas. Me aproximei do Jovem pegando uns panos molhados que está encima do criado mudo e colocando em colocando rasguei sua blusa colocando panos em seu tronco.

Depois de colocar os panos em seu tronco, comecei a massagear sua pernas esquerda deixando-a reta, fiz igualmente a direita. Depois de deixá-las reta continuei a fazer a massagem em suas pernas e pés, depois um certo tempo fazendo a massagem, tirei os panos de seu corpo que estava em temperatura ambiente, peguei o coberto e o cobri, saindo do quarto acompanhada da senhora Jeon.

- Obrigada, Obrigada mesmo, eu não sei o que deu nele, hoje passei o dia todo fora, e-e não sei se ele tomou os remédios dele direito.

- Posso olhar os horários dele ?

- Claro - abriu uma gaveta pegando uma agenda.

- Nossa - arregalei meus olhos - ele toma muitos remédios, e parece que ele não tomou o remédio de 06:30 e de 12:00, são os remédios em que contém a dor caso tenha alguma convulsão, ou alguma dor por algumas músculos estarem voltando a ser ativos.

- Aigoo, não sei o que seria de mim sem você agora.

- Não diga besteira Senhora, o meu trabalho é esse bom, já são 05:00, quer que fiquei aqui por hoje?

- Poderia ficar pra sempre.

- Você viaja muito ?

- Sim, bom podemos negociar e eu fico aqui, morando é cuidando dele, sem deixar de fazer os exercícios.

- exercícios?

- Sim, para ele voltar a andar precisa de exercícios, massagens para que mais sangue percorra sobre as veias.

- Ou a outra fisioterapeuta nunca fez isso.

- Por isso ele ainda não anda. Mas também tem a questão do psicólogico.

- Entendo, também é psicóloga?

- Sim.

- Meu Deus, mil e uma utilidades. Bom sua proposta foi aceita, hoje mesmo traga suas coisas pra cá.

- Oh, claro. - sorrir indo para cozinha seguindo a senhora que me mostrava a casa.


Notas Finais


Até mais meus [email protected] *-*
Favoritem e comentem *u*


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...