História IMAGINE JIMIN (BTS) " Ice Heart " - Capítulo 3


Escrita por: ~

Postado
Categorias 2NE1, Bangtan Boys (BTS), K.A.R.D
Personagens B.M, Cl, J.Seph, J-hope, Jimin, Jin, Jiwoo, Jungkook, Minji, Park Bom, Personagens Originais, Rap Monster, Sandara Park, Somin, Suga, V
Visualizações 55
Palavras 1.018
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Crossover, Drama (Tragédia), Famí­lia, Harem, Hentai, Policial, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Visual Novel
Avisos: Adultério, Álcool, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Spoilers, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Quem está ansiosa para mais um capítulo levanta a mão 🙋🙋🙋🙋🙋

Capítulo 3 - Three


' _____ '


Sonhos doces, com unicórnios, com garotos lindos e maravilhosos correndo até mim sem camisa... Sonhos desses tipos, eu nunca tive. Para falar a verdade nunca me lembro de sonho algum que tive, e se foram ao certo sonhos. 

O despertador tocou e eu levantei, fui até o banheiro e tomei um banho, escovei meus dentes e vesti uma roupa, um vestido azul marinho liso, coloquei meu amado ALL star branco e prendi meu cabelo, afinal eu teria que parecer uma boa moça, não podem desconfiar de nada se não... Será uma ______ a menos no mundo. Saí do quarto e encontrei B.M no corredor.

- Bom dia pequena! 

- Não estou vendo nada de bom nele.

- Você está tão fofa nessa roupa de menininha...

- Por acaso eu virei homem agora?

- Grossa!!!

- Infantil. AFF, que horas eu tenho que ir para aquela droga de casa?

- Exatamente as.... 8:00. E agora é.... 7:30.

- Puta que pariu Matthew! - Peguei minha bolsa e corri para fora do apartamento sem nem me despedir do meu irmão. Corri o mais rápido que consegui, mas acabei tropeçando em algo na calçada, fechei meus olhos esperando o impacto com o chão, mas não aconteceu. Abri meus olhos e vi que alguém me segurava.

- Cuidado pode se machucar moça. - Era um rapaz de cabelos ruivos, ele tinha um sorriso contagiante,para alguém que está acordado as 7 da manhã ele está muito feliz.

- Eu sei me virar, será que dá para você me soltar?

- Alguém está de mal humor.

- Alguém te perguntou alguma coisas queridinho?

- Podia pelo menos agradecer...

- Não pedi que você me segurasse. - ele soltou um riso nasal.

- Jung Hoseok, muito prazer senhora mal humorada.

- Perguntei seu nome por acaso?

- Okay, okay. Sem estresse valeu?

- Tá agora sai da minha frente que eu estou atrasada.

- Nos vemos por aí senhorita mal humorada.

- Espero que isso não aconteça.

Voltei a correr, depois de algum tempo cheguei em frente a uma mansão ENORME. Alguns guardas correram pedir minha identificação, eu lhes disse que era a nova babá, e eles me deixaram passar, babacas, enfim, dei uma bela caminhada até chegar a porta principal, mas consegui chegar. Olhei aos lados e não tinha campainha, quando ia bater na porta a mesma foi aberta revelando uma senhorinha.

- É a nova babá? - ela perguntou me analisando.

- Sim senhora.

- Entre. 

Ela deu espaço para passar e quando eu adentrei ao local fiquei maravilhada, era incrível, tinha um hall enrome branco, duas escadas uma na esquerda e outra na direita. Um candelabro de cristais acima da da minha cabeça e pinturas renascentista espalhadas pelas paredes. Era encantador. 

- Eu me chamo ______, tenho 22 anos.

- Muito prazer, pode me chamar se senhora Moon, eu sou a governanta da casa dos senhor Park. Irei chamar a senhorinha para lhe conhecer, com licença.  

Assenti e a mulher se retirou, comecei a andar para observar melhor os quadros, os traços eram tão delicados,parecia que se tocasse no papel, ele iria se rasgar. Uma pintura em especial me chamou bastante a atenção, era uma família, um casal com duas crianças, eles parecem estar felizes... Um pigarrear tirou minha atenção dos quadros, me virei e vi uma menininha de cabelos pretos, e com uma cara não muito boa.

- Oii fofinha...

- Não me chame assim eu tenho nome.

- Qual seria seu nome?

- Mina.

- Bem Mina, eu me chamo _____. Prazer.

- Você que é a babá que a Moon contratou?

- Em carne e osso. - Ela me analisou e sorriu perversa.

- Você tem cara de ser aquelas mocinhas tapadas e nerdzinhas.

- Droga, eu não deveria ter vindo com essa roupa... - suspirei.

- Então você não é esse tipo de garota?

- Óbvio que não, mas meu irmão me obrigou a usar isso. - Era verdade, ele disse na noite anterior que se eu não usasse eles iram me descobrir.

- Você tem um irmão?

- Sim! Ele se chama Matthew. Mas gosto de chamar ele de B.M

- Por que? - menininha intrometida ein.

- B.M significa Big Matthew.

- Ele é grande?

- Muito. E... Seu irmão?

- O ChimChim? Ele... É legal.

- Ele te maltrata? - agora fiquei preocupada.

- Não! Ele nunca me fez nada. Mas... Me sinto sozinha. O ChimChim sempre está viajando ou trabalhado até tarde, ele não tempo para mim.

- Foi exatamente por isso que a Senhora Moon me contratou, para ser sua acompanhante. - Ela sorriu, fiquei com dó dela agora, não é do meu forte ser legal com as pessoas mas... Ela é uma criança. Não sou má a esse ponto. - Sabe Mina, vamos nos divertir, o que você quer fazer?

- Esconde Esconde! 

- Certo, eu conto então. 

A garota começou a correr pela casa e eu iniciei a contagem, estava no número 59 até sentir alguém segurando em minha cintura, me virei rapidamente e vi um cara de cabelos azuis na minha frente.

- Que porra é essa?

- Quem é você?

- Quem você pensa que é para segurar assim na minha cintura seu escroto?! - Estava puta da vida com esse cara.

- Escroto? Olha aqui o sua...

- Sua o que?! Tá pedindo para morrer é?! - Ele me olhou meio bravo mas eu estava mil vezes mais, eu já não gosto que me toquem com permissão, imagina sem.

- OPPA! - Mina apareceu nas escadas e correu até o cara dos cabelos azuis.

- Oii pequena como você está?

- Bem! Essa é a _____ minha amiga. - ela sorriu para mim e eu retribui o gesto.

- Amiga é? - ele me analisou da cabeça aos pés. 

- Vamos Mina, eu vou contar de novo, vá se esconder.

- Tá! - novamente a garota saiu correndo.

- Ela está feliz, a tempos não á vejo assim.

- Não pedi sua opinião. Muito menos seu comentário.

- Você é grossa, gostei de você.

- Mas eu não fui com a tua cara então sai.

- Min Yoongi, prazer.

- Não tô nem aí. Vaza. - Ele sorriu e foi em direção a porta.

- Nos vemos por aí babá.

- Espero que isso não aconteça. - ele riu novamente e saiu, voltei a contar e quando cheguei ao 100 fui atrás de Mina, até que eu estava me divertindo...

C

O

N

T

I

N

U

A






Notas Finais


❤️❣️❤️❣️❤️❣️❤️❣️❤️❣️❤️❣️❤️❣️❤️❣️❤️❣️❤️❣️❤️❣️❤️❣️❤️❣️❤️❣️❤️❣️❤️❣️❤️❣️❤️❣️❤️❣️❤️❣️❤️❣️


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...