História Imagine Jimin-Incesto - Capítulo 33


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS), Jay Park
Tags Incesto
Visualizações 129
Palavras 1.282
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Famí­lia, Hentai
Avisos: Adultério, Incesto, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 33 - Os tios da S/n ja sabe de tudo!?


Jimin on. 

Não sei o porque falei que iria levar a Ellen pra ir morar comigo, eu não suporto ela, mas ja que a S/n quer o bem dela eu não posso fazer mais nada...  Hoje eu tenho que falar com meus pais,  acho que eles vão aceitar porque sempre gostaram de crianças,  só vão me chamar de irresponsável e tals... 

Sn: Mas Jimin...  Talvez a Ellen prefira uma casa só pra ela... 

Jm:  Mas o médico mesmo disse que ela não pode se esforçar...  

Ellen: Eu não quero causar confusão entre vocês...  - falou triste e abaxou a cabeça 

Jm: Não ta tendo confusão...  Apenas estamos vendo oque é melhor para você. 

(.....) 

Ficamos conversando por um tempo depois eu e S/n fomos embora, ela parecia está com ciúmes... 

Sn: Jimin... Se a Ellen for morar la em casa não ira alterar em nada no nosso relacionamento né? - falou parando em minha frente

Jm: Claro que não...  Meu compromisso é com meu filho ou filha...  Não com ela - dei um beijo nela e voltamos para casa. 

(.... )

Jm: Mãe, pai... Preciso falar com vocês - os chamei 

Pai: oque você aprontou dessa vez Park Jimin?  -meu pai me conhece muito bem, ja sabe que fiz merda. 

Jm: Um filho

Pai: Jimin você ta louco?  Eu to falando sério

Jm: Eu também

Mãe: Calma... Jimin você vai mesmo ser pai?  Não brinque com esse tipo de coisa. 

JM: infelizmente vou... 

Pai: você é mesmo um irresponsável, UM FILHO, VOCÊ TEM NOÇÃO DOQUE É TER UM FILHO?  - ele disse alterando a voz

Mãe: vamos manter a calma, Jimin quem é a mãe desse filho? É a S/n, deve ser ela, outro dia vi vocês se agarrando - minha mãe falou isso numa calma como se fosse algo muito normal.  Na hora que ela disse isso a S/n estava  na cozinha sentada tomando leite com biscoito, ela arregalou os olhos e minha mãe e meu pai a olhava. 

Sn: tia e-eu... 

Mãe: calma S/n, eu não vou brigar com vocês...  Se vocês se gostam de verdade podem ficar juntos, so não sei se  os seus pais vão aceitar... - okay, minha mãe aceitou de boas, mas meu pai? Deve que vai brigar até ano que vem, e sem contar que ele ja esta bravo pelo fato que eu vou dar um netinho a eles - e eu ja falei com seu pai Jimin, e ele concordo comigo, so ficamos magoados de vocês não falarem nada com a gente

Pai: vocês se gostarem tudo bem, mas vocês podiam ter usado preservativo né?  Sou muito jovem pra ser avô, e sem contar que o pai da S/n vai motar todos nos . 

Jm: obrigado Pai e mãe por aceitarem nosso relacionamento - sorrio - mas o filho não é da S/n ...  

Pai: meu Deus que menino safado, você puxou quem?  Porque eu não sou assim - ele diz fingindo indignação

Mãe: não imagina...  Você não é nada safado

Pai: mas de quem é esse filho, e a S/n?  Aceitou isso?  VOCÊ ACEITOU  ISSO S/N?  

SN: Sim....  Eu amo muito o Jimin e quem ama perdoa 

Mãe: que fofo!  

Pai: tá, mas de quem é esse filho?. 

Jm: da Ellen

Pai: ellen? Ellen?  ....  Não to lembrado 

Jm: Aquela que dormiu aqui aquele vez, que vocês tavan até viajando

Mãe: então foi nesse dia que vocês fizeram esse filho né?  

Jm: Sim - digo meio invergonhado 

Pai: s/n...  Ve se não deixa acontecer o mesmo com você em. 

SN: S-sim... - ela tava mais vermelha que um pimentão

Mãe: então vamos dormir?! 

Jm: antes eu tenho que falar mais uma coisa... 

Pai: iiii... Lá vem, oque é agora? 

Jm: a Ellen pode morar aqui?  O pai dela expulso ela de casa.

Mãe: pode...  Agora que eu e seu pai vamos viajar a casa vai ser sua,  você que manda. 

Pai: mas eu vou logo avisando: seu filho, suas dispesas, você vai ter que arrumar um trabalho,  vou mandar dinheiro so pra algumas contas...  Tipo as da S/n, porque ela sim tem juízo,  ao contrário de você

Jimin: tá.....  

Mãe: eu vou dormir, tchau - ele começa a subir as escadas 

JM: há, antes que eu me esqueça, agora eu posso dormir no quarto da S/n né? 

Mãe: pode... Mas enquanto eu e seu estivermos aqui vocês por favor, não "façam barulho a noite" - ele fez aspas com as mãos

Jm: pode deixar... -me levando vou ate onde S/n esta e a abraço - vamos ser silenciosos né S/n?  - ele não falou nada apenas começou a ficar vermelha igual um pimentão.  Tão fofa, da vontade morder. 

Minha mãe vai pro quarto dormir e eu, S/n e meu pai fomos ver tv. 

(.... ) 

Depois eu fui dormir no quarto da S/n.  

Eu e ela subimos pro quarto dela e meu pai ficou na sala. 

Jm: S/n - falo passando meus braços em volta da cintura dela - agora posso te foder toda noite - eu disse en seu ouvido a fazendo arrepiar. 

Jimin off. 

S/n on. 

Jm: Agora posso te foder toda noite - ele falou em meu ouvido, abraçado a minha cintura.  Isso me fez arrepiar todinha. 

Ele levou seu rosto para bem proximo do meu, ate nossos labios se encontrarem um com o outro.  Ele pediu passagem com a lingua e eu cedi. Nossas linguas estavam em perfeita sincronia, suas mãos apertavam minha cintura, paramos o beijo por falta de ar, então ele me pega no colo e entramos em meu quarto (A:desculpa se não falei antes, eles tavam na porta do quarto da S/n). 

Jimim me joga na cama e fecha a porta.  Ele fica de joelhos na cama, por cima de mim (a: espero que vocês tenham entendido).  Então ele começa a tirar suas roupas ate ficar apenas de box, depois se deita por cima de mim e me beija, ele vai descendo seus beijos para meu pescoço, que do pescoço desce para meus ceios onde os apertam, ainda por cima da blusa e do sutiã. Ele tira Minha blusa e logo após meu sutiã, ele então começa a chupar meu ceio direito enquanto brincava com esquerdo com os dedos.  Depois que se cansou de meus seios ele desceu para minha intimidade, onde tirou o meu short e começou a me chupar...  Eu segurava no lençou com força para conter meus gemidos.  Eu estava quase gritando de tanto prazer até que me desfaço na boca do Jimin.  Ele engole todo meu gozo depois me beija, um beijo onde posso sentir meu próprio gosto. 

Jm: Oque acha de seu gosto? Docinho - ela paça a língua en seus lábios

Sn: não...  Não gostei, prefiro o seu,  daddy - falo dando beijos em seu pescoço

Jm: Então devo deixar você chupar o Daddy?  

SN: Siim - sorrio

Jm: então faça oque sabe de melhor - ele senta na beirada da cama e eu me levanto, logo depois me abaixo em sua frente onde retiro sua box e pego en seu membro e faço alguns movimentos com a mão depois coloco na boca, eu fazia os movimentos de acordo com oque ele mandava...  Logo sinto seu gosto delicioso em minha boca. 

Jm: isso S/n...  Engula todo o leitinho do Daddy - ele então me pega pelo braço e me joga na cama - hoje vou te deixar louca de tanto prazer S/n...  - ele começou a me beijar . 

Depois do beijo me penetra seu membro, então começa com movimentos rápidos, depois começa a fazer movimentos lentos. 

Sn: Vai mais rápido Daddy - ele sempre gosta de me ver implorando pra ele ir mais rápido

Ele aumenta seus movimentos até se desfazer dentro de mim. 

(..... )

Depois que tomamos banho fomos dormir. Ele dormiu no meu quarto comigo.  

Continua??? 





Notas Finais


Desculpa os erros.
Se vocês estiverem gostando da Fanfic eu vou me esforçar muito pra postar os dois capítulos dela nos dias certos. :/


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...