História Imagine Jungkook| Run... - Capítulo 59


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Personagens Originais, Rap Monster, Suga, V
Tags Bangtan Boys, Bts, Incesto, Jimin, Jungkook, Violencia
Visualizações 95
Palavras 806
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Colegial, Drama (Tragédia), Escolar, Famí­lia, Hentai, Lemon, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Violência, Visual Novel, Yaoi, Yuri
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Drogas, Estupro, Heterossexualidade, Homossexualidade, Incesto, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sadomasoquismo, Self Inserction, Sexo, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 59 - Termino (ep 25, temp 2)


Fanfic / Fanfiction Imagine Jungkook| Run... - Capítulo 59 - Termino (ep 25, temp 2)

*S/n pov on*

Depois da minha conversa com o Jimin, ele voltou bêbado pra casa, mas ainda bem que ele não estava dirigindo, o Yoongi trouxe ele. Eu pensei bastante sobre isso de eu não amar o Yoongi e eu estar iludindo ele. E eu odeio isso, mas tenho medo de nossa amizade não ser como antes.

Subo as escadas e vou até o quarto do Jimin. Ele estava jogado na cama. Fechei a porta e fui até o meu, e encontro o Yoonfi dormindo quase que em um sono profundo. Fui até o banheiro e liguei a torneira para encher a banheira. Me despi e fiquei mechendo no celular até que ela ficasse cheia. Entrei e fiquei lá por um bom tempo pensando na vida. Ate que de repente a porta abre e o Yoongi surge ali com aquela cara de sono. Dou um sorriso de lado.

- O que está fazendo a essa hora? São 3:00 da manhã. 

- Tava pensando em... coisas.

- Que coisas?

- Sei lá... 

- Eu vou voltar para a cama.

Ele sai e fecha a porta, me deixando sozinha de novo. Finalizo meu banho e me enrrolo na toalha. Vou até o qurto e me troco. Visto uma blusa do Jimin que eu não sei por que diabos estava ali e uma calcinha e me deito. Mecho no celular, ja na cama, quando eu vejo uma mensagem. 

"Oi. Eu só queria saber se lgum dia você vai votar a falar comigo. Você era minha melhor amiga, e eu sinto muito a sua falta." Yuki, 2:23 a.m.

Sério isso? Tudo bem que ela estava bêbada, mas ter beijado o Jungkook foi a pior coisa que ela já fez comigo, e eu não sei se eu posso perdoá-la.

"Eu sei que você vizualizou. Me responde!" Yuki, agora.

Bloqueio ela e vou dormir. Acordo no dia seguinte as 11:30 da manhã, e desço as escadas. A casa estava vazia, exato por uma pessoa. Jungkook.

- Jungkook eu...

- Me deixa falar? - afirmo com a cabeça.

Meu corpo gelou e se arrepiou por inteiro. Eu sentia sua falta. Do seu corpo encostando no meu, dos nossos lábios em perfeita harmonia, de tudo.

- Eu te amo S/n. Mais ninguém. Você é a pessoa com quem eu quero me casar, passar a vida inteira junto e ter filhos com você, talvez. - sorrimos. - Eu me importo mais com você do que comigo, e eu não tinha vindo aqui para me desculpar por que eu não tinha coragem de olhar pra você sem me culpar por tudo o que eu fiz. A questão é que eu nunca pensei que te conheceria ou alguém como você, e quando eu te vi, é como se alguma coisa em mim tivesse mudado completamente, e quando eu estou sem você eu não me sinto livre para ser eu mesmo, parece que tem uma parte de mim faltando, você. Naquele momento eu estava com os olhos cheios de lágrimas. - Você pode me perdoar?

- Sim Jungkook, eu posso, mas não sei se podemos voltar a ser um casal. Desculpa.

- Tudo bem... eu... vou voltar pra casa. 

Ele vai até a porta e antes de abrir me olha. Ele estava se segurando para não chorar. Eu me senti mal por ele, mas não só por ele, por mim também. Eu sinto o mesmo por ele.

Fico assistindo TV por umas horas até que acabo caindo no sono, e sou acordada por uma mão acariciando meu cabelo e uma pessoa encarando minha boca. Era o Jimin.

- J-Jimin...

- Shh - ele se aproxima do meu rosto e me beija. 

*Jimin pov on*

Cheguei em casa depois de ter ido ao supermercado, por que afinal precisamos comer, e vi a S/n deitada no sofá. Ela estava tão linda. Eu não sei o que da em mim quando eu a vejo, mas eu so sinto vontade de sentir seus lábios nos meus. Eu sou apaixonado pela minha própria irmã, e isso é tão errado que eu não tenho palavras. Fui até ela e fiquei observando ela dormir, acariciei o seu cabelo e sorri. Encarei um pouco seus labios e ela acordou bem na hora.

- J-Jimin...

- Shh - fui até os seus labios e deixei um selinho demorado.

- Jimin! Por quê fez isso? - ela se levanta.

- M-Me desculpa...

Tá... mas não faz isso de novo. - ela suspira. 

- Você já terminou com ele? 

- Não...

》Uma semana depois《

*S/n pov on*

Bem, pra começar, essa semana foi um saco. Eu terminei com o Yoongi. Ele não ficou muito abalado, acho que ele meio que já sabia que eu não o amava, e que até estava tentando, mas não dava, eu sou apaixonada por outra pessoa. E essa pessoa é a que eu estou indo ver exatamente agora. Ontem a noite ele me chamou ao parque. Eu estou um pouco anciosa e com medo do que ele está armando...

Continua...


Notas Finais


Pode comentar se vc quiser. 👍👍


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...