História Imagine Kim Taehyung - BTS - Capítulo 37


Escrita por: ~

Postado
Categorias 4Minute, Bangtan Boys (BTS), EXO
Personagens Baekhyun, Chanyeol, Chen, D.O, Ga Yoon, Hyun A, J-hope, Ji Yoon, Jimin, Jin, Jungkook, Kai, Lay, Personagens Originais, Rap Monster, Sehun, So Hyun, Suga, V, Xiumin
Tags Bts, Drama, Imagine, Sakura, Sehun, Taehyung
Visualizações 109
Palavras 1.334
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Crossover, Drama (Tragédia), Ficção, Romance e Novela, Suspense, Violência
Avisos: Álcool, Drogas, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Eu sei que eu demorei pra postar, mas eu não estava conseguindo escrever. Tomara que gostem desse capítulo, ele é meio água com açúcar, já que o próximo tem mais segredos revelados

Capítulo 37 - Até que demorou


ATÉ QUE DEMOROU

Já estava na entrada do colégio, Dawn tinha me trazido hoje sem Hyuna. Quando cheguei em casa ontem esperei perguntas dos meus novos "pais", mas eu parecia desnecessária, nem olharam na minha cara, mas enfim, acho que era melhor assim. Era o meu segundo dia de aula e ainda não tinha encontrado Sehun e nem Sun hee, eu queria tanto que eles me vissem, queria mostrar que estava bem, esfregar na cara deles.

- Oi sakura - me virei e vi jungkook, ele estava de moletom, bem diferente do que costumava vestir.- Fiquei pensando a noite toda em você, pensei que ontem foi um sonho, mas agora percebi que era real.

Abri um sorriso e juntei minhas mãos com as de Jungkook. Andamos até o corredor para podermos subir para o segundo andar, mas infelizmente antes de tal ato Taehyung chamou a atenção de Jungkook, fazendo nós dois nos viramos vendo ele e Sun hee.

- Olha ela, já mal chegou e já ta de conversinha com os meninos - abriu um sorriso pervertido - Jungkook você não sabe das novas?

Cruzei os braços, olhando Taehyung cautelosamente, como ele conseguia ser tão infantil? . Todos que estavam subindo as escadas ou passando pelo corredor pararam pra observar a cena, mas isso não era mas interessante que a cara séria de Sun Hee.

- Qual a novidade? Que você se tornou mais idiota do que já era? - Jungkook falou fazendo eu arquear as sobrancelhas, eles jà se conheciam?

- Não a novidade é que sua peguete, rapariga, seja lá o que ela é sua, se casou com um velho. - congelei naquela hora. Rapariga, peguete? Ele não me conhece!. Jungkook me olhou e logo depois se aproximou de Taehyung. 


- Quem você pensa que é pra falar essas coisas? Você acha que vou ficar calado? Você está repetindo o mesmo erro outra vez, você acha que o mundo gira ao seu redor? Porquê se acha, vou avisa, ele não gira.


- Você acha mesmo que não gira? Estou repetindo o mesmo erro? E você está sendo o idiota mais uma vez, sempre as ajuda tentando se tornar o príncipe dos sonhos delas e no final, elas sempre ficam comigo. - olhei pra Sun hee sem entender do que eles falavam, elas apenas desviou o olhar. - Quem eu sou? Eu sou o homem que a sua amiguinha escolheu! E não me olhe assim, você devia tentar para de ser um perdedor, sua amiguinha te dispensou, ficou comigo e se casou com um velho no final.


Jungkook me olhou incrédulo e depois virou depositando um soco no rosto de Taehyung. Gritei espantada, Jungkook nunca foi agressivo. Corri até o meio dos dois, tentando evitar que a briga continuasse. Taehyung cuspiu no chão, sua boca estava sagrando, sua raiva ao me ver só aumentou.


- Se você não sair da minha frente vai ser bem pior. - olhei confusa, ele não teria coragem de me machucar..ou teria? - Estou falando sério. 


Veio andando na minha direção, Jungkook mandou ele se afastar, mas pareceu não adiantar.


- Você não ira fazer nada Taehyung, nem comigo e nem com Jungkook, voce está errado, pense bem.. 


Ele riu debochado e se aproximou mais.


- Garanto que o que eu irei fazer não será pior do que o que você fez comigo! Saia da minha frente!! 


Fechei os olhos, não saindo da frente, eu estava com muito medo de apanhar, mas não deixaria a mesma cena que aconteceu com Sehun, acontecer de novo.

Soltei um grito histérico ao sentir minhas costas na parede. Abri os olhos e avistei Taehyung preste a socar Jungkook. Corri até ele que estava de costas e abracei o mesmo por trás, evitando que ele se aproximasse de Jungkook. Apoiei minha cabeça nas costas de Taehyung e falei baixo para que apenas ele escutasse.


- Por favor não faça nada com Jungkook, eu estou implorando Taehyung. - ouve um momento de silêncio. Olhei pra cima e pude ver Jungkook com um olhar perdido, assim que me viu, negou com a cabeça e saiu do corredor. Me afastei de Taehyung quando o mesmo foi andando para direção oposta de jungkook.


- Viu o que você fez? Você não percebe que só machuca as pessoas? - ri debochada ao ouvi Sun Hee. - você está rindo porquê? 


- Você se fazendo de bonzinha essa é boa. - ela se aproximou.


- Se não fosse você tudo seria como antes, você veio pra roubar as pessoas de min, eu realmente não me importo com Jungkook. ..- ficou de costas pra min - Mas Taehyung já é outra história.  


Abri a boca pra responder, mas ao lembrar dela falando de Jungkook fiquei quieta, ela era amiga de Jungkook? Não, não era possível. 


- você causou tudo isso, sempre implicou comigo, você não se lembra do primeiro dia de aula? - falei séria, me aproximando ainda mais dela.

- Eu me lembro...até hoje não devolvi aqueles tapas.. - ela se virou - Até hoje...


Em um ato inesperado ela depositou um tapa no meu rosto, fazendo eu cai no chão. 


- Porquê você fez isso idiota? - passei a mão no rosto - Você é louca?


- Eu fiz isso pra te lembrar quê quem manda aqui sou eu! - apontou o dedo na minha cara. 


Me levantei e me afastei, eu daria o troco, mas de um jeito bem pior.


- Tudo que vai...volta.- subi as escadas indo até a sala de aula.


     ':':':'

  

Jungkook me ignorou, mas toda vez que eu virara pra trás ele estava me olhando, era muito estranho, ele estava pensativo demais. Taehyung não apareceu, mas acho que foi melhor assim.


 '-'


Sai rápido da sala, ignorando os elogios do professor, fiquei procurando Dawn durante muito tempo, até que desisti ao ver Jay do outro lado da rua. Atravessei a rua com um pouco de raiva, eu não gosto dele, não quero volta com ele.


- Não me diga que veio me buscar..- falei me aproximando.


- Sua irmã está ocupada e sim, eu vim te buscar. - arqueei as sombracelhas, não era possível - E também vim ver uma vadia. - arregalei os olhos com aquele palavrão.


- Como assim? Seu doido! - ai meu Deus que saudade de Sehun e Baek.


- Uma mina que andava comigo me trocou nessas últimas semanas, eu não posso chegar lá perto, mas sei que ela estuda ali.- abri um sorriso maldoso, eu já sabia quem era.


- Sun Hee? - ele me olhou incrédulo - Eu posso te ajudar com isso!


- Como? Não se meta nesse tipo de coisa.

.- Me dê seu telefone!! - estendi a mão, mas ele não quis me dá - Anda logo!


Assim que ele me deu, coloquei a minha conta do google no telefone e entrei no meus arquivos, onde tinha o vídeo e as fotos de Sun Hee; gravei no celular dele as fotos e vídeos de Sun hee e depois de tirar a minha conta do seu telefone, entreguei pra ele de volta.


- Na sua galeria a fotos e vídeos que incriminam Sun hee, o futuro dela está nas suas mãos. - abri um sorriso perverso, eu não precisava fazer nada, era só deixar nas mãos de Jay e não teria como ninguém me incriminar. 


-:-:-:


Jay me deixou na rua de Gayoon, ele queria adiantar sua vingança, confesso que fiquei mal fazendo isso, mas depois passou, pois isso era o troco de tudo que ela me fez.


Já estava chegando perto da casa dela, mas um carro me chamou a atenção; dei uns passos pra trás e levei um susto ao perceber que sim, eu conhecia aquele carro, aquele carro era do Kyungsoo. Me escondi atrás de um carro e esperei pra se via ele, demorou, mas logo ele apareceu de boné, calça e jaqueta preta, nem parecia ele, só percebi porque conheço ele. Sai de trás do carro e fui correndo até ele, não quero esse menino ou esses meninos me seguindo.


- Yah! Kyungsoo!? - ele se virou me dando a certeza que era ele - O que está fazendo aqui? 


Perguntei emburrada.








Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...