História Imagine Kim Taehyung - Don't Go Away Again... - Capítulo 14


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Personagens Originais, Rap Monster, Suga, V
Tags Bangtan Boys, Bts, Imagine, Imagine Taehyung, Imagine V, Kim Taehyung, Taehyung, Você
Exibições 341
Palavras 1.508
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Ecchi, Famí­lia, Hentai, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Violência
Avisos: Adultério, Álcool, Drogas, Estupro, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sexo, Suicídio, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


EEEEEE TERMINEIIII :3 Grazadeus pq eu n gosto de demorar pra portar ;3; Tem prova de matemática hj... Achu </3 Emfim... Desculpem a demora, eu tava fazendo o cap no pc ai esses dias sem aulas o meu pai n foi trabalhar ( pq? Tbm n sei) e ele n deixo eu ir no PC :'v MATA. Espero que gostem e desculpem qualquer erro ~qe vai ter com certeza, to com preguiça de revisar~ ❤

Boa leitura! ~Ami

Capítulo 14 - Meu Pai de verdade.


Fanfic / Fanfiction Imagine Kim Taehyung - Don't Go Away Again... - Capítulo 14 - Meu Pai de verdade.

Em meio de todo aquele barulho do parque, eu estava pensativa. Deveria eu me levantar e ir fazer novos amigos? Ou ficar aqui sentada esperando esse dia de merda acabar?

Minha vontade de se levantar não estava muito grande, se eu pudesse me jogaria no chão e dormiria até alguém me chamar, infelizmente, eu não posso fazer isso. Já entediada, eu trocava de música antes mesmo que elas começassem, além disso, eu não conseguia parar de olhar para Taehyung e o homem que estava com minha mãe, digamos que ela não tinha sorte com os homens... Lembrar da infância era como um pesadelo para mim, e talvez para Yoongi também, a maioria das pessoas não sabem disso, eu me lembro de contar apenas para a Hugry que meu pai de sangue havia morrido em um incêndio.


FLASHBACK ON


Eu e Yoongi estávamos brincando no seu quarto, que era maior que o meu, por isso gostávamos de brincar mais lá. Parecia ser um dia qualquer brincando de velho-oeste, até que começamos à ouvir gritos desesperados e ficamos assustados, não sabiamos que estava acontecendo, ficamos parados dentro do quarto pensando que poderia ser um assassino lá fora.


- N-Não saia de perto de mim _______... - Yoongi dizia trêmulo.


- Tudo bem...! - Digo, eu não sairia daquele quarto por nada... Os gritos contínuavam e agora escutavámos choros altos e desesperados.


- Vou abrir a porta do quarto... - Yoongi diz se aproximando da porta aos poucos e então ele abriu a mesma, revelando um fogo enorme e não demorou muito para um objeto, não muito grande, cair em sua frente fazendo com que ele feche a porta novamente e corra em minha direção, agora nós dois chorávamos e gritávamos por ajuda desesperadamente. Erámos pequenos de mais para pular a janela alta que tinha em seu quarto, então apenas ficamos no canto da parede, tremendo e abraçados esperando por ajuda. O tempo passava e ninguém vinha, já haviamos começado a tossir, devido a grande quantidade de fumuça. - Desculpe _______... - Yoongi se desculpava várias vezes, provavelmente se sentindo culpado por não poder fazer nada.


- Não é sua culpa Yoongi... - Naquele momento à posibilidade de morte já rodiava a minha cabeça, ouvímos barulhos vindo de fora do quarto, poderia ser mais uma coisa caindo mas, alguém havia arrombado a porta e entrou no quarto, olhamos para a porta com rapidez e vímos nosso pai lá.


- Venham crianças... Venham! - Ele tirou a mão de sua boca quando nos aproximamos dele, agora as duas mãos de nosso pai estavam uma em minhas costas e a outra nas do Yoongi. Estavámos quase chegando na porta quando ouvímos um som muito alto, olhei para cima e vi algo muito grande objeto pegando fogo caíndo, propavelmente uma parte do telhado, eu gritei muito alto que mesmo com todos os gritos lá fora e todos os barulhos de dentro de casa, foi possível ouvir. Vi nosso pai nos jogar para longe, mas por causa de ação, ele ficou em baixo do objeto, que caiu em cima dele em seguida, mais e mais lagrímas corriam pelo meu rosto, Yoongi o chamava em desespero, mas ele não se mexia. Tentamos puxar ele de baixo do objeto mas não ouve sucesso, estávamos quase desistindo quando algo caí em frente a porta, não permitindo a saída, não me lembro mais de nada depois disso, talvez eu tenha desmaido por causa da fumaça.

Eu acordei em uma sala branca, muito bem iluminada, no começo pensei que era o céu porque parecia silêncioso, mas depois comecei a ouvir barulhos de aparelhos que os hospitais tinham. Olhei em volta e vi Yoongi na cama ao meu lado, ele parecia estar em sono profundo, por isso não o acordei. Eu queria muito ver meu pai, queria saber como ele estava e se havia ficado bem. Não demorou muito para uma enfermeira entrar no quarto e perceber que eu estava acordada.


- Como está se sentindo? - Ela diz sorrindo e se aproximou de mim.


- Onde está meu pai? - Meus olhos já estavam lacrimegando, parecia grosso da minha parte mas... Eu só queria o ver.


- B-Bem... - Ela parecia sem graça. - V-Vou falar com sua mãe e direi há ela que ela pode vir lhe ver. - A enfermeira andou de passos rápidos até a porta, não demorou muito para minha mãe entrar rapidamente no quarto e vir em minha direção. 


- Filha! - Ela dá um grande sorriso vindo para me abraçar, seu abraço era quente e aconchegante.


- Mãe! - Sorri sentindo lagrímas quentes descendo pelo meu rosto. Eu estava tão feliz em ve-la.

- M-Mãe...? _______...? - Ouço a voz de Yoongi e olho rapidamente em sua direção, eu teria pulado em cima dele se não estivesse abraçada a minha mãe.


- Filho! - Como a cama de Yoongi ficava do lado esquerdo da minha cama e era onde mamãe estava, ela conseguiu nos abraçar ao mesmo tempo


( … )


O tempo havia passado, e nós três estávamos esperando anciosos por notícias do meu pai. Eu sempre fui muito proxíma dele, eu passava mais tempo com ele do que com minha mãe, já com Yoongi era ao contrario, ele passava mais tempo com minha mãe. Meu coração doía e eu não sabia porque, era como se algo ruim tivesse acontecido. Vejo o médico se aproximando e então mamãe se levantou rapidamente ao o ver, o médico não parecia muito feliz.


- Senhora... Sinto muito, seu marido não resistiu. - O médico diz cabisbaixo. Minha mãe caiu no chão e se desfez em lágrimas, fui a abraça e Yoongi fez o mesmo. O médico a olhava com pena e talvez, com preocupação, afinal, uma mulher bem jovem teria que cuidar de duas, e seriam três, filhos sozinha.

O médico também parecia bem novo, cabelos negros e rosto em formato de V, pele clara e olhos de tamanho médio e escuros. Ele ficou lá por um tempo até minha mãe se "recuperar", lhe ofereceu café e ela aceitou. Pouco tempo depois uma enfermeira veio com uma xícara de café.


FLASHBACK OFF


Nunca mais o vi depois desse dia. Mas, ele parecia ser interessante e talvez, só talvez, eu queria que ele ficasse com minha mãe.

Só de lembrar daquele dia, lágrimas começaram a escorrem pelo meu rosto. Minha mãe insistia para eu chamar meu padrasta de pai... Mas eu não queria, não era tão simples assim, e mesmo depois de tudo o que ele fez, ela ainda me pede isso. Já estava ficando mais de tarde, e o frio aumentava cada vez mais, me levantei e fui para o carro, e claro, ele estava trancado. Fui até minha mãe, que ainda conversava com aquele homem, me aproximei deles e fiquei quieta, até minha mãe perceber minha presença.


- _______? O que precisa? - Ela diz com um enorme sorriso. - Ah! YiAhn, essa é minha filha _______, deve se lembrar dela. - O tal YiAhn olhou para mim e sorriu. 


- De fato, eu me lembro. - Ele olho para minha mãe novamente.


- ... Alguém me diz o que está acontecendo pra tirar essa cara de traseiro de mim? - Digo totalmente confusa.


- _______, esse é o médico que cuidou do seu pai. - Ela ri um pouco.


- QUE?! - Meus olhos pareciam que iam soltar para fora fazendo com que os dois rissem. - Enfim... Eu quero as chaves do carro... 


- Já estamos indo pra casa, mas preciso que chame seu irmão. - Ela diz totalmente calma.


- Você já esqueceu o que aconteceu... Né? - Minha cara de traseiro deve ter voltado e ter ficado ainda pior.


- Claro que não. - Mamãe piscou um olho para mim.


Eu sou muito lerda, então não entendi direito... Mas mesmo assim, lá fui eu, tentando me preparam psicologicamente para ouvir Yoongi gritar comigo.

Mesmo antes de chegar eu já estava meio tremendo, Yoongi é uma pessoa bem calma, mas quando está com raiva parace uma bomba atômica destruidora de sentimentos. Chegando lá não me aproximei muito, Yoongi estava de costas, então não me viu, já Taehyung estava me olhando preocupado e sei lá...


- Yoongi! - Chamei seu nome ele me olhou meio... " O que eu te disse ".


- O que eu dis- - O interrompo.


- CALA A BOCA E DEIXA EU TERMINAR INFERNO. - Ele fica quieto e então eu contínuo calmamente. - A mãe me disse pra te chamar pra gente ir pra casa. - Dou meia volta e sigo em direção a mcamisa..

Nesse momento eu me lembrei de uma coisa, Taehyung não respondeu minhas mensagens e minha curiosidade estava maior que meu medo, olhei para trás e Yoongi ainda não estava vindo, então eu corri para o lado e fiquei perto de árvores de onde eu podia os ver. Eles já estavam se despedindo um do outro, cada um seguiu uma direção diferente e eu claro, fui atrás de Taehyung. Ele andava em passos lentos sem olhar para trás, comecei a correr até chegar ele e segurar sua camisa.


- Por que você não responde minhas mensagens?! - Ele se vira deixando com que eu olhe em seus olhos.



Notas Finais


~mem peguei o nome do cara do Dorama gwg ndkamdkasmak~ espero que tenham gostado! ❤

Mini produção : Bufic Erviday


• Ami ( euzinha :3 amorzin de pessoa ~pareiu ) Twitter: @ami_taehyung
Link: https://twitter.com/ami_taehyung

• Aleeh ( também escreve fanfics nessa conta ) Twitter: @Alicia_Endler
Link: https://twitter.com/Alicia_Endler


• Killa ( ajuda com idéias ) Twitter: @_Imister
Link: https://twitter.com/_Imister


• Bolacha ( ajuda com o português ~ ela é nova na produção c: ) Twitter: @TiaComeCome
Link:https://twitter.com/TiaComeCome

• Sobre o grupo : Temos um grupin no whats para escritores e leitores :3 caso queira fazer parte dele pra socializar com a genti e outras pessoas, mande seu número no privado e pelo amor de deus, não esqueça o DDD ewe'''

• Converse conosco: Se quiser falar com a genti ou ser nosso amiguinhu, pode pedir nosso número ou pode dizer o seu número no privado, ou também pode falar com a gente pelo Twitter :3 Somos lesgais ~achu.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...