História ∆Imagine Kim YuGyeom∆ - Capítulo 13


Escrita por: ~

Postado
Categorias Got7
Personagens BamBam, Jackson, JB, Jinyoung, Mark, Youngjae, Yugyeom
Tags Got7
Visualizações 928
Palavras 1.431
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Famí­lia, Hentai, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Terror e Horror
Avisos: Álcool, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Oii Oii Oii 🙋

Boa leitura🍃

Volto lá embaixo🍃

Capítulo 13 - Cap 0.13


Fanfic / Fanfiction ∆Imagine Kim YuGyeom∆ - Capítulo 13 - Cap 0.13

...

YuGyeom e ____ estavam na sala conversando sobre assuntos aleatórios

— Amor, agora que o JYP já sabe sobre o nosso namoro, eu devo anunciar nas redes sociais que a gente esta juntos!?

— Bom... Não sei... Tô um pouco insegura com isso ainda!! -____ mordeu o lábio inferior.

— Como assim amor!? 

— Sabe, eu tenho medo de como suas fãs vão reagir isso, de que uma dessas duas fã doidinhas tente fazer algo para me afetar ou afetar você e até mesmo os meninos... E se isso afetar você, consequentemente afeta sua carreira, e eu não quero isso!! 

— Mas amor, eu não vou deixar ninguém chegar perto de você, eu amo minha carreira, amo os meninos, e amo você, mas se alguém começar a te fazer mal, ou até mesmo para o nosso relacionamento, eu não penso duas vezes e abro mão de tudo para ficar com você...

— Não oppa! Você não deve fazer isso por mim, e nem por outra pessoa, os meninos e as suas fãs chegaram primeiro em sua vida, não seria justo. Talvez isso pareça egoísmo para você, mas seria mais egoísmo ainda da minha parte, se falasse pra você deixar tudo, e ser apenas meu entende!? Então me prometa que nunca você irá fazer isso!

— Aish... Tudo bem, eu prometo! E fico feliz de você pensar dessa forma- Yug sorrio. 

— Amor, você tem cossegas? —Yug Perguntou com uma carinha de quem iria aprontar.

— Não! Não ouse fazer isso Kim YuGyeom, eu não tenho nem um pouco de cossegas, nem vem coisinha, nem vem!! 

____ falou com um certo desespero, oque provou que ela tinha cossegas, então YuGyeom sem perder tempo, a empurrou no sofá logo ficando por cima e começando os seus ataques, fazendo ___ gargalhar igual um bebê quando vê seu pai fazendo palhaçada.

Depois de um tempo, ____ com as poucas forças que a restava, empurrou YuGyeom para o outro lado do sofá e se levantou enquanto arrumava o cabelo.

— Vou ir ali no quarto, já volto!! -___ saiu da sala deixando Yug sozinho.

Passou um tempinho, e ___ pede para YuGyeom ir até o quarto, e ele vai.

— Que foi gatinha!? -YuGyeom entrou no quarto.

— Sabe oppa, essa roupa que eu estou usando agora, está me incomodando um pouquinho... Mas, eu não queria tirar ela sozinha sabe?... Será, que você poderia fazer isso para mim? -___ perguntou com as mãos atrás do corpo e olhando maliciosamente para YuGyeom.

— Mas se eu tirar, oque eu ganho querida? -Yug sorrio malicioso.

— Bom, você me ganha... Serei inteiramente sua! -___ vai de encontro com YuGyeom, e fica acariciando o abdômen do mesmo.

— Goste!... Mas se eu começar a tirar... Eu não paro mais! -YuGyeom levou sua mão até a nuca de ___ logo a subindo para o cabelo e puxando o mesmo lentamente.

— Mas, a intenção é você não para mesmo!... 

— Então, minha princesa quer ter um pouquinho de dificuldade para andar amanhã? -YuGyeom vira ___ de costas para ele, logo a puxando pela cintura, a fazendo bater com as costas em seu peitoral.

— Céus, que pegada homem!!! 

— Se você quiser... Eu começo, e você termina... -____ leva a sua mão até o membro de YuGyeom que ainda estava coberto pelo tecido da calça e dá uma leve apertada no mesmo.

— Então, começa querida! -YuGyeom olhou para ___ já completamente excitado.

____ iniciou um beijo calmo, mas que logo ficou mais intenso já que agora a língua dos dois brigavam por espaço; ____ encerrou o beijo, e desceu sua mão para a calça de YuGyeom e se ajoelhou na frente do mesmo, logo puxando a calça e a box para baixo.

— Oque você quer que eu faça, oppa? — ____ perguntou inocentemente e levou seu olhar até YuGyeom.

— Coloca a boquinha amor! -YuGyeom levou sua mão até o cabelo de ____ o colocando para trás.

____ então atendendo o pedido do seu namorado, começou distribuindo selares pelo membro completamente ereto de YuGyeom, e logo envolveu o mesmo com os seus lábios carnudos e quentes, fazendo Yug soltar um gemido arrastado. 

Sem perder mais tempo, ____ começou a movimentar sua boca no pênis de YuGyeom, hora ou outra ela mordiscava e intensificava os movimentos, fazendo YuGyeom gemer alto.

— Aah!!... Amor!!! -YuGyeom agarrou os cabelos de ___.

— __-__!! Eu vou... -YuGyeom não conseguiu terminar a sua frase, pois teve o seu ápice ali mesmo, dentro da boca de ___.

— Que gostinho gostoso você tem! -___ se levantou e iniciou um beijo, mas que logo foi encerrado por YuGyeom que começou a tirar sua roupa.

Assim que YuGyeom deixou ___ sem nenhuma peça de roupa, a jogou na cama e ficou entre as pernas da mesma.

— Até agora, eu deixei você comandar a situação, mas agora quem tá no controle sou eu, então, ditarei as regras, okay querida? -YuGyeom falou com um tom completamente dominador.

— O-Okay oppa!! -___ mordeu o lábio inferior.

— Primeiro: Você só me chama de Daddy agora. Segundo: Só vai gemer quando eu mandar, caso contrário, você sofrera as conveniências. Terceiro: Eu só vou parar quando eu tiver vontade. Quarto: Você não pode me tocar querida. Entendeu tudo meu bem? -YuGyeom olhava profundamente nos olhos de ___.

— Entendi daddy!! 

Yug sai de cima de ___, pega um preservativo, abre o mesmo, e logo o envolve em seu membro. YuGyeom pegou seu cinto que estava na sua calça, e o amarrou nos pulsos de ___, mas não muito forte para não a machucar. 

YuGyeom ficou entre as pernas de ___, começou a massagear o clitóris da mesma, mas não muito satisfeito, desceu o seu rosto para a intimidade de ___, logo a chupando e dando alguns selares na mesma, ___ não se conteve com aqueles toques tão intensos e acabou soltando um gemido abafado, mas que foi escutado perfeitamente por YuGyeom, que na mesma hora encerrou oque estava fazendo e voltou a ficar sobre ___.

— Oque eu falei que aconteceria caso você gemece sem eu deixar querida? -Yug olhou seriamente para ___.

— Eu... Eu seria punida daddy!!

— Exatamente, então, quero você de quatro agora bebê! 

____ ficou na posição desejada por YuGyeom logo sentido ele atrás dela.

— Amor, vou tentar ir devagar agora tá!?... Mas vais ser muito difícil, se é que você me entende! -YuGyeom deu uma risada. — Pode gemer agora viu! -O mesmo beijou o ombro de ___.

— Tá bom daddy!

____ mal terminou de falar, e YuGyeom a penetrou fazendo ela soltar um gemido alto, que com certeza, os moradores do andar de cima escutaram. 

Conforme YuGyeom se movimentava dentro ela, o incômodo ia diminuindo, e o prazer aumentando. 

— Mais rápido daddy!!! 

— Essa é minha garota! -Yug sorri satisfeito.

Atendendo os pedidos de ___ YuGyeom intensificou as investidas, ficando cada vez mais rápido e forte, oque fazia ambos gemerem.

— Meu Deus!! Não para-a!!! 

____ estava prestes a chegar no seu limite, quando YuGyeom deu uma última investida, que atingiu perfeitamente o seu ponto mais sensível, fazendo a mesma ter o seu ápice junto com YuGyeom.

— Droga, você é gostosa ____! 

— Mas eu não acabei ainda! 

YuGyeom virou ____, ficando entre as pernas dela, e novamente dando início a uma seção de investidas rápidas.

Como ___ não podia tocar YuGyeom, para descontar todo aquele prazer, ela mordia os seus lábios, que agora estava com alguns pequenos sangramentos por conta das fortes mordidas que depositava ali.

____ suspirava tão fundo, que às vezes parecia que ela estava prestes a ter alguma falta de ar. Não aguentando mais segurar os gemidos, ___ deixou eles escaparem livremente pela sua boca, mas estavam tao alto, que YuGyeom as vezes tinha que beijar ou até mesmo colocar sua mão sobre a boca dela para abafar o som, ele em si não se incomodava, por ele ficava horas ouvindo aquilo, mas como no andar de cima morava crianças, ele se via na obrigação de fazer aquilo.

— Não... Não para Daddy!!! -Pedio ___ com um pouco do dificuldade.

— Como você quiser! 

Foram precisas só mais algumas investidas, para que YuGyeom e ___ chegassem ao seu ápice novamente juntos.

YuGyeom saiu de dentro de ___ logo se jogando oa lado da mesma para tentar controlar a sua respiração.

— Gostou!? -Yug olhou para ___.

— Gostei!!... Mas eu realmente tô com um pouco de dor agora! -___ deu risada.

— Foi mal, não dava pra ir devagar! -Yug deu risada e apertou a bochecha de sua namorada.

— Tudo bem! -____ sorri. — Vamos tomar banho? 

— Vamos sim! Quer ajuda amor? 

— Não, acho que consigo ir sozinha! 

•••

Depois de um tempo, o casal terminou o seu banho, se vestiram e por fim de deitaram logo caindo no sono.

...


Notas Finais


Voltei! 🙋

Céus, a ___ foi safadinha nesse capítulo!! 😂🌝

Me contem oque acharam nos comentários 😉

Bjubju 💋💋
Amo vocês ❤💘


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...