História Imagine Namjoon- I do not live without you - Capítulo 24


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Rap Monster, Suga, V
Tags Imagine Namjoon, Imagine Rap Monster, Rap Monster
Exibições 238
Palavras 1.185
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Drama (Tragédia), Hentai, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Violência
Avisos: Heterossexualidade, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Espero que gostem...
😊

Capítulo 24 - Imagine Namjoon- Jantar


Fanfic / Fanfiction Imagine Namjoon- I do not live without you - Capítulo 24 - Imagine Namjoon- Jantar

- Nam!!!

- Não se preocupe, sou só seu…- ao ouvir ele falar isso eu coro imediatamente.- Fique aqui e espere que Tae venha.- ele se aproxima de mim e deposita um beijo em minha testa e vai em direção a porta.

~~Namjoon on~~

Não queria deixar (S/n), ali queria passar um tempo com ela, mas tenho que ir a esse jantar idiota. Tenho pouco tempo pra me arrumar, então saio do hospital e vou em direção ao meu apartamento, adentro o mesmo, e vou em direção ao meu quarto e procuro alguma roupa, não sei se uso uma roupa formal ou algo mais casual, então apenas pego uma calça e quando vou pegar uma camiseta olho pra minha cama e vejo a blusa de (S/n), do dia em que ela estava bêbada, lembro de ter lavado a blusa mas não lembro de ter entregue a (S/n), pego a blusa e guardo a mesma no meu guarda-roupa, pego minha roupa e vou ao banheiro tomar um banho rápido, depois coloco minha roupa e saio do apartamento já arrumado, pego o carro e vou em direção a casa dos meus pais. 

Chego em frente a casa dos mesmos, e já vejo dois carros estacionados em frente devem ser dos pais da Hyu e também o carro dela. Estaciono o carro e solto um suspiro de frustração. Desço do carro e vejo Hyu na porta me esperando com um sorriso de orelha a orelha.

-Meu amore!!!- Fala a mesma vindo correndo sobre o salto alto, quase caindo e me abraça.- Senti sua falta!!!- A mesma fala um pouco alto e me beija.- Vem vamos entrar.- a mesma me puxa pelo braço, já dentro de casa vejo meus pais sentados na sala conversando com os pais de Hyu.

- Olha quem chegou.- Fala minha mãe levantando do sofá e vem em minha direção me abraçando.- Que saudade do meu filho querido.- faz um tempo que eu não via meus pais pessoalmente por causa dos shows e tudo o mais.

- Também senti saudades mãe.- Falo a abraçando mais forte. Vejo meu pai também se levantar do sofá e vir me abraçar.

- Meu filho!!!- FFala meu pai vindo em minha direção e minha mãe sai para que ele possa me abraçar.

-Oi pai.- Falo abraçando o mesmo enquanto dava tapinhas de leve em suas costas.

~~(S/n) on~~

Alguns minutos depois que Nam foi embora para o jantar com os pais de Hyu, vejo V entrar na sala de espera com um curativo sobre seu nariz.

-O-oi V…

- O-oi (S/n) o que faz aqui? E cade o Nam? Eu juro que ele havia dito que iria me esperar aqui.

- Eu vi aqui para encontrar com o Nam, mas logo ele teve que ir a um jantar com os pais da Hyu.

- Ahh sim, ele havia falado de um jantar, hoje à noite. Espera voce veio aqui por ele? Isso quer dizer que vocês não estão mais brigados?- ala V vindo em minha direção e sentando ao meu lado.

- S-sim...eu deveria tê-lo escutado, mas aquela hora eu estava muito zangada com ele, quer dizer ele está noivo e tudo o mais…- Paro de falar no instante que V arruma seu curativo.- V...o que aconteceu com seu nariz?- pergunto curiosa.

- Pode me chamar de Tae.

-Ok Tae, o que aconteceu com seu nariz?- Falo sorrindo.

- Ahh...isso foi o Nam.

- Ele fez isso com você? O que houve?

- Hãa...fou um acidente, então... você estava com Jungkook não estava?

- S-sim…

- Então...ele estava arrumando o quarto de Kook, quando ele se lembrou que Kook poderia estar com você, e Nam ficou com muita raiva, dava para ver pelo jeito que ele falava e o jeito em que suas mãos estavam...fechadas e vermelhas de tanta força que ele as apertava, quando tive uma ideia muito idiota.

- E-ele fez isso porque estava com ciúmes de mim com o Kook?- Pergunto olhando em direção aos olhos de Tae.

- Exatamente... então para ele descontar toda a raiva eu peguei uma almofada e coloquei a altura de me rosto, e mandei Nam descontar toda sua raiva na almofada, só que eu me esqueci que ele tem muita força...e aí bom mesmo com a almofada ele sem querer machucou meu nariz.

- Seu nariz...ele quebrou?

- N-não.- fala e ele sorri com dificuldade por causa do nariz

- Menos mal, podia ser pior...Vem eu te levo pra casa.- Falo levantando e estendo a mãos para que o mesmo consiga levantar, ele pega minhas mãos e se levanta.

-N-não precisa (S/n) eu vou sozinho.

- Não, faço questão em te levar vem…- puxo o mesmo delicadamente para que me acompanhe, saímos do hospital e fomos caminhando em direção ao seu apartamento que também era divido com Nam, Kook e os outros meninos que não conheço direito.

~~Namjoon on~~

- Oimmm que fofos.- Ouço Hyu falar atrás de mim. Meu pai me solta e me leva em direção aos pais de Hyu.

- Oi, prazer em vê-los.- Falo apertando a mão dos pais e da mãe dela que me dá um beijo em minha bochecha. E Hyu vem e me abraça de lado.

- Vamos jantar?- Pergunta minha mãe e todos acentem com a cabeça positivamente, e vamos em direção a cozinha nós sentando nas cadeira ao redor da mesa de jantar. Hyu senta a meu lado e seus pais sentam nas cadeiras a minha frente, já meus pais sentam um em cada ponta da mesa.

-Hmmm...que cheiro ótimo, vamos logo com esse jantar…- Fala Hyu.

- Podem se servir.- Avisa minha mãe e todos nós nos servimos. Terminamos de jantar e ficamos sentados.

- Então filho mostre as alianças que você comprou para todos.- Fala meu pai limpando sua boca com um guardanapo, eu apenas afirmo com a cabeça, levo minha mão ao bolso e retiro a caixinha de veludo vermelho e abro a mesma mostrando a todos na mesa.

- Meu Deus ela é linda.- Fala a mãe de Hyu.

- Realmente ela é linda, mas não mais que nossa filha…- O pai de Hyu fala enquanto olhava a mesma, e vejo Hyu sorrir.

- Filho não acha melhor colocar a aliança em sua noiva?-Meu pai pergunta, e percebo que aquilo era uma ordem.

- C-claro pai.- Retiro uma das alianças e Hyu estende a mão, para que eu possa colocá-la em seu dedo. E logo ela pega outra aliança e põe em meu dedo, após ele ataca meus lábios me dando um beijo calmo, queria joga-la pra longe de mim, mas tinha que fingir estar apaixonado por ela ainda mais na frente de nossos pais.

- Bom acho que a gente já vai...está ficando tarde e temos que trabalhar cedo amanhã.- fala os pais de Hyu e a mesma para com o beijo. Acompanhamos os pais de Hyu até a porta.

- Obrigado pelo jantar, logo veremos uma data para a cerimônia para nossos pombinhos.- Fala a mãe dela rindo.

- Ok...tchau tenham uma boa noite.- Todos falamos em coro e seus pais vão embora.

- Mãe, pai eu e Hyu vamos subir ok?- Falo, aff por que ela tem que ficar aqui.

- Tudo bem filho tenham uma boa noite.- Meu pai piscou pra mim? Ele realmente acredita que irei fazer algo com Hyu.

Subo as escadas e Hyu me acompanha.

Continua...





Notas Finais


Desculpem qualquer erro...
Então o que você estão achando do casamento do Nam com a Hyu?
Até o próximo capítulo😘


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...