História Imagine Namjoon- I do not live without you - Capítulo 25


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Rap Monster, Suga, V
Tags Imagine Namjoon, Imagine Rap Monster, Rap Monster
Exibições 212
Palavras 1.391
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Drama (Tragédia), Hentai, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Violência
Avisos: Heterossexualidade, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Espero que gostem😉

Capítulo 25 - Imagine Namjoon


Fanfic / Fanfiction Imagine Namjoon- I do not live without you - Capítulo 25 - Imagine Namjoon

~~(S/n) on~~

Finalmente chegamos ao apartamento, eu e Tae adentramos o mesmo e pegamos o elevador. O mesmo se abre e saimos parando em frente à porta.

-Bom aqui estamos.

-Muito obrigada (S/n).- fala Tae me dando um abraço e a porta é aberta por Jungkook e me separo de Tae.

- Ah...oi Kook, vim trazer o Tae do hospital, bom acho melhor eu ir.

- Espera (S/n)- Ouço Kook me chamar e olho para o mesmo.- Entre um pouco.

- Hmm, não sei não já está tarde e preciso ir pra casa.

- Por favor (S/n).- Tae faz uma cara fofa.

- Eiii com quem vocês estão falando.- Ouço uma voz atrás deles. E vejo um garoto espiando por cima do ombro de Kook.

- Ah oi (S/n), lembra de mim? Sou eu o Jimin.- vejo o mesmo vindo em minha direção e me dando um abraço.

- Oi, claro que lembro de você.- falo e o mesmo se afasta.

- Já a convidaram pra entrar?- pergunta Jimin.

- Claro.- fala Tae.

-O que ta esperando (S/n), vem.- fala Jimin sorrindo e levando Tae pra dentro do apartamento. Deixando eu e Kook parados em frente à porta.

- Você não disse que a Sana estava no hospital?

- S-sim ela já está bem, encontrei Tae no hospital e decidi acompanha-lo até aqui.

- Hmm, entra um pouco depois eu te levo pra casa.- Fala Kook me puxando pela mão pra dentro do apartamento. Ao entrar logo vejo a sala, estava bem mais organizada, do que a última vez que eu estava aqui. Vejo J-Hope sentado em uma poltrona olhando televisão e Suga dormindo no sofá.

- Pode se sentar (S/n).- fala Hope levantando para que eu sente na poltrona. E vejo Kook ir a cozinha, talvez?

- Eiii, Suga...Suga...acorda vai dormir no seu quarto.- fala Hope balançando Suga para que acordasse.- Yoongi!!!! Acorda!!!- J-Hope grita no ouvido do mesmo.

- Arghhhh deixa eu dormirrr porrraa.- Suga grita e se ajeita no sofá e volta a dormir.

- Ahh, se não ousa dormir de novo.- vejo Hope o puxar do sofá sem muito sucesso, percebo que Kook, Tae e Jimin se divertem com a situação. Logo Hope começa a bater em Suga com uma almofada.

- Acorda, Acorda, Acorda!!!- Hope gritava enquanto batia em Suga com a almofada.- Yoongi, é sério acorda temos visitas.

- Foda-se.- Ouço Suga murmurar.

- Já chega!!! O que está acontecendo aqui!!!?- vejo um homem alto vindo em nossa direção com um avental de cozinheiro sujo de molho.- Oi, (S/n), tudo bem?

- Oi, estou bem.

- Que bom!!! O que está acontecendo?

- É o Suga ele não quer acordar.- fala Kook me tirando da poltrona e sentando na mesma me pondo sentada de lado em seu colo e beija minha bochecha, eu congelo na hora. Meu Deus o que ele pensa que está fazendo.

- Suga acorda agora, anda levanta, vai pro seu quarto não vou repetir de novo.- Jin fala bravo e Suga abre os olhos, e levanta lentamente do sofá.

- O-oi (S/n), tchau (S/n).- fala Suga enquanto passava por mim indo em direção ao seu quarto.

-O-oi... tchau…- Falo e todos começam a rir.

- Não se assusta, ele é assim mesmo e desculpa caso ele tenha falado alguma coisa.

- Tudo bem.- Falo rindo tirando uma mecha de cabelo dos meus olhos, ainda estava sentada no colo de Kook e Tae percebe.

- (S/n) posso te mostrar minha nova música?- fala Tae estendendo a mão e seguro a mesma pegando impulso para levantar do colo de Kook. Tae me leva até um quarto.

- Bem vinda ao meu quarto.

- Uau, ele é lindo, então posso ver a sua música.

- Não tem música nenhuma, eu vi que você estava assustada por Kook ter te colocado no colo dele, e Nam não iria gostar de saber disso.- Fala Tae enquanto ajeitava sua cama.- Você viu o que ele fez com meu nariz.- fala Tae rindo.

- É mais foi um acidente.- digo é começo a rir também.- Obrigado Tae...

- Por ter te tirado do colo de Kook, de nada, olha eu sou o único que sabe de você e Nam, mas Kook gosta de você e muito, mesmo que você ame o Nam, tente não magoar Kook, ele é bem sensível quando se trata do amor.- Fala Tae sentando em sua cama, quando ele disse aquilo, eu não sei o que faço eu e Nam estamos namorando, mas e Kook? O que vou fazer, não quero magoá-lo.

- O que eu faço Tae.- sento ao seu lado na cama, e sinto meus olhos marejarem.

- Eu não sei (S/n)...converse com ele explique tudo entre você e o Nam, é único jeito de não magoá-lo. Vem vamos voltar pra sala, Tae me pega pela mão e me leva de volta à sala. E todos estavam sentados no sofá.

- Bom gente acho melhor eu ir…

- Ok, eu te acompanho...Ah! gente a (S/n) vai  junto na viagem a New York domingo, me esqueci de avisar.- Avisa Kook me levando pra casa.

Chegamos em frente ao meu apartamento.

-Tchau Kook... obrigado por me trazer.- Falo indo em direção ao elevador mas sinto seu braço me puxar junto ao seu corpo.

- Espera..- O mesmo me dá um selinho.

- Aii...Kook eu não posso…desculpa.- acaricio seu rosto com uma de minhas mão.

- Porque? Você já tem namorado?- vejo seus olhos lacrimejarem, Tae estava certo quando disse que Kook era sensível.

- -S-sim...calma não precisa chorar…podemos ser amigos.- Falo vendo uma lágrima escorrer em seu rosto e a seco com o dedo. E seguro seu rosto com as duas mãos fazendo com que Kook olha-se em meus olhos.

- Não quero ser apenas seu amigo, (S/n).

- E-eu sei mas não estou disponível agora, já tenho namorado...vamos ser amigos? Talvez um dia...tá bom.- Falo e vejo seu rosto se iluminar. Tive que falar isso, senão ele iria ficar muito triste.

- Amigos então... até mais (S/n).- fala Kook e eu deposito um beijo em sua bochecha.

~~Namjoon on~~

Abro a porta do meu antigo quarto, adentro e adentro o mesmo e Hyu continua a me seguir, ela senta na cama fica me olhando dos pés à cabeça, e percebo a mesma morder seu próprios lábios.

-Vou tomar um banho.- Falo e a mesma apenas concorda com a cabeça e começa a mexer em seu celular.

Entro no banheiro, e me despi, ligo o chuveiro e adentro o box. A água estava incrivelmente boa, começo a me lavar, quando lembro de (S/n), tudo o que aconteceu naquele banheiro de hospital a algumas horas atrás, como ela é linda e delicada, quando olho pra baixo vejo meu membro já desperto, meu Deus como eu preciso da (S/n) agora, tenho que me controlar, então me lembro que (S/n) ainda é virgem, então quero fazer a primeira vez dela uma coisa muito especial, não vou machucá-la e vou ser o mais cuidadoso possível. Desligo o chuveiro e me seco com as toalhas que haviam ali e me visto com uma calça moletom  e uma camiseta preta que eu havia deixado limpa no armário da pia. Saio do banheiro e vejo Hyu ainda sentada na cama.

-Já pode ir tomar banho de quiser.- Falo apontando para o banheiro.

- Ok... obrigado amor...já volto.- avisa a mesma vindo em minha direção e me dando um beijo quente. Mas eu paro com o beijo e a mesma vai para o banheiro me deixando sozinho, me deito na cama e pego meu celular é mando uma mensagem para (S/n).

~~Mensagem on~~

-Oi, meu amor, já está em casa? Como está Tae?

Desligo a tela do meu celular ao perceber a porta do banheiro sendo aberta, vejo Hyu sair do mesmo com uma lingerie vermelha, mas não ligo. Hyu vem em minha direção e senta encima de mim me beijando.

-Nam...eu quero atenção… Me de atenção Nam.- fala a mesma rebolando em meu membro. Droga.

- Não estou afim Hyu.

- P-por favor Nam eu preciso de você agora.- fala a mesma insistindo e passando suas mãos por baixo da minha camiseta.

- Não, vai dormir amanhã temos que acordar cedo.

- Namm…- ela continua a insistir. Meu Deus que mulher irritante.

- Eu...já...disse...que...não estou afim, sai de cima de mim por favor.- falo a tirando de cima de mim e a jogando ao meu lado na cama (só não joguei ela no chão por que iria fazer muito barulho).

- Aish Nam…Como você é chato.- resmunga a mesma.

- Eu sei sou chato mesmo agora vai dormir vai…- ( e sonhe com nosso divórcio, queria muito ter dito isso mas tive que me segurar).


Notas Finais


Desculpem qualquer erro...
Essa Hyu é muito irritante, mds!!!
Espero que tenham gostado até o próximo capítulo...😘😘😘


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...