História Imagine Namjoon. Incesto? - Capítulo 10


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Personagens Originais, Rap Monster, Suga, V
Exibições 223
Palavras 796
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Comédia, Ficção, Fluffy, Lemon, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Violência, Yaoi
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Heterossexualidade, Homossexualidade, Incesto, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Espero que gostem 🌚💜

Capítulo 10 - The Nightmare


Fanfic / Fanfiction Imagine Namjoon. Incesto? - Capítulo 10 - The Nightmare

 ≈≈≈≈≈Namjoon on≈≈≈≈≈

Eu acordei eram 01:45 e a (s/n) não estava aqui? Ela deve estar lá em baixo.

Desci as escadas e percebi que não tinha ninguém em casa, estranho... Não liguei muito,  eu fui para cá cozinha comer alguma coisa e vi que tinha um café da manhã pronto pra mim em cima da mesa... Que amorzinho.

Comi tudo que estava em cima da mesa até por que eu estava morrendo de fome, fui levar os pratos e em cima da pia vi que tinha um bilhete.

≈≈≈≈≈Bilhete on≈≈≈≈≈

Monstrinho? Eu não sou a pessoa que você esperava quem era, mas se você quiser salvar aquela vadiasinha. Vá para onde nos encontramos, pela segunda vez, vamos ver se lembra... Ou você pode dar adeus ao seu "amor", porém... Eu sei que não vai ter coragem de tocar em mim entao eu saio sem sangue nessa história 😉💜🔫

                            Ass: Sua Princesa

≈≈≈≈≈Bilhete off≈≈≈≈≈

Eu gelei nessa hora, prometi a mim mesmo que iria matar ele se tocasse nela, mesmo se eu não consegui-se, ele chegou longe de mais nessa história...

Fui para o meu quarto e peguei uma arma que o meu pai me deu, para me proteger, botei uma roupa e entrei no carro. Ai... Agora só tenho que lembrar onde foi o nosso 2° encontro... Lembrei, foi na antiga casa dele, ele foi me apresentar a mãe dele, mas quando ele viu que era gay, falou que nunca mais queria ver ele naquela casa, mas eu acho que ele se revoltou de mais.

Fui lembrando o caminho até a casa dele, e consegui achar, até por que tinha vários balões de coracao em volta da porta, que idiota, entrei na casa e vi que... AI MEU DEUS! ESSA É A MAE DELE? Eu vi uma mulher, com uma faca enfiada nas costas, fui tentar ajuda-la e vi que já tinha morrido... Subi as escadas seguindo um rastro de pétalas que ele fez pelo chão e fui até o antigo quarto dele que era onde a (s/n) tava, ela tava amarrada em cima da cama, nua e inconsciente, eu fui correndo pra perto dela e senti alguém vindo em minha direção, quando ia virar para traz, alguem me bateu com algo na cabeça me fazendo desmaiar.

≈≈≈≈≈Quebra de tempo≈≈≈≈≈

Eu acordei e estava amarrado numa cadeira, perto da (s/n), que já estava acordada e chorando. Nós não podíamos nos falar por que nossas bocas estavam amarradas com um pano. Eu vi a porta do quarto sendo aberta e, como o esperado, o Jin entrou, e ele parece bem feliz pra quem pode matar uma pessoa.

- Oi monstrinho!- ele tirou o pano da minha boca pra mim falar com ele.

- Por que tá fazendo isso?! Seu idiota

- Eu não gosto de dividir oque é meu, só isso.

- Não toca um dedo nela!

- Se naaao? Você tá amarrado, não vai poder fazer nada além de ver e ouvir, então fica quietinho.- disse botando o pano na minha boca de novo

Ele foi em baixo da cama e pegou uma caixa, que quando abria havia várias facas, ai meu deus, eu não vou aguentar ver isso. Ele pegou uma faca e começou a passar a mão na coxa dela- Aí, eu ainda mato ele...- ele pegou a faca e passou por toda a perna dela fazendo ela gemer de dor, AAAI eu não aguento ver isso, eu fiquei me remechendo na cadeira até ele parar para me olhar, assim feito, ele me olhou com uma expressão de raiva.

- Se acalma monstrinho, quer se machucar também?- Disse enfiando aquela faça na minha perna me fazendo gemer de dor também. Ele tirou o pano da minha boca e me beijou (foto do cap.), é claro que eu tentei escapar mas não pude, a (s/n) ficou me olhando com um olhar triste e duvidoso, ele deu mais uma pancada na minha cabeça mas eu pude ouvir um susurrou antes de tudo ficar completamente escuro...

- Se prepare...

E ficou tudo completamente escuro...

≈≈≈≈≈Quebra de tempo≈≈≈≈≈

Quando eu acordei, vi que ainda estava na cama e a (s/n) ainda estava na cama dormindo, quando percebi que tudo era um pesadelo, dei um pulo da cama fazendo a (s/n) acordar desesperada.

- Foi só um pesadelo.- disse tentando acalma-la

- Eu tô aqui, calma... E ainda tá cedo, volta a dormir... -disse se jogando na cama e me abraçando forte.

Eu peguei meu celular, e vi que tinha uma mensagem de um número desconhecido.

≈≈≈≈≈Mensagens on≈≈≈≈≈

- O pesadelo ainda não acabou, durma bem monstrinho...

≈≈≈≈≈Mensagens off≈≈≈≈≈

Lendo essa mensagem, eu me arrepiei todo, deitei na cama e mesmo não querendo, acabei dormindo


Notas Finais


Desculpe por não postar ontem/antes de ontem, sabe pq? Isso eu tava dormindo o dia todo -_- então, desculpe a demora ;-;

Espero que gostem💜🌚

Sem leitoras fantasmas 👻

Te amo vocês Bye Bye💜🌚


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...