História Imagine Suga. - Capítulo 3


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Rap Monster, Suga, V
Tags Bts, Imagine, Romance, Suga, Yoongi
Exibições 75
Palavras 771
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 14 ANOS
Gêneros: Comédia, Romance e Novela, Shoujo (Romântico)

Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 3 - Capítulo Três - Quase tive um ataque do coração.


Fanfic / Fanfiction Imagine Suga. - Capítulo 3 - Capítulo Três - Quase tive um ataque do coração.

*Ficar nos braços dele.


Eu fiquei parada, por mais que me sentisse um pouco incomodada com aquilo, pelo simples fato de tê-lo conhecido HOJE, parte de mim se sentia segura nos braços dele, caramba, esse cara não é normal, acabei adormecendo.

{ Sonho:

Desconhecido 1:

- Eu não posso, ela ainda é uma criança.

Desconhecido 2:

- Eu não quero saber, eu a quero do mesmo jeito, o trato foi esse, um garoto por uma garota, você já tem o seu, agora eu quero o meu.

Desc. 1:

- Agora não, por favor, me dê só mais um pouco de tempo. Ela ainda é pequena, não vai suportar os seus ensinamentos, se fosse o garoto, ele entenderia, mas  para meninas não é fácil se tornar um assassino.

Desc. 2:

- Já que é assim, tudo bem, vamos fazer um trato: A menina passa um mês comigo, somente um mês, se ela gostar e se acostumar, ela fica comigo, não importando a idade, se não, eu a devolvo sem questionar.

Des. 1:

- O quê? Meus filhos não vão se tornar assassinos.

Des. 2:

- O trato é esse, é pegar ou largar, a culpa não é minha Joan, essas são as regras de um assassino, você foi meu aprendiz, infelizmente, falhou, então o trato foi um de seus filhos, se falharem, eu os deixo em paz, mas caso você quebre o trato, eu mato você, sua esposa e levo um de seus filhos.

Desc. 1:

- Tudo bem, você ganhou, pode levar a S/N, mas é só por um mês.

Desc. 2:

- Você é um péssimo aprendiz, mas pelo menos é inteligente, vamos menina.
Desconhecido 2 agarra no braço da garotinha e começa a arrastá-la, a garota grita:

- Não, appa, não me deixe, APPA.

- Adeus minha filhinha.

- S/N, acorda.
Abri os olhos, vi Yoongi me fitando de cima:

- O que foi?

- Você tem mais uma.

- Como assim? Mais uma? Uma o quê?

- Mais uma vítima.
Ele dá um sorriso malicioso e aponta em direção para porta, levanto a vista e vejo um garoto de laranjas deitado no chão com uma poça de sangue enorme ao seu redor, sua expressão é de horrorizado, fito bem o seu rosto, não, não pode ser, Jimin? Eu grito "NÃO", enquanto Yoongi ri alto.

Fim do sonho. }
Me levantei bruscamente da cama, minha respiração estava pesada, passei a mão na minha testa, um líquido a molhou estava suada, olhei para o lado, vejo Yoongi ainda dormindo, ele não dorme como um príncipe angelical, o mesmo estava encolhido, abraçando as pernas como se estivesse com frio, seu cabelo estava bagunçado e caindo em seus olhos fechados quase cobertos por uma de suas mãos que também cobria sua bochecha vermelha que fazia ligação com a sua boca entreaberta rosada e fina (UAU, BELA DESCRIÇÃO NÃO?), peguei o lençol e coloquei delicadamente sobre ele, o mesmo deu um sorriso, devia estar tendo um bom sonho, diferente do meu, eu sinto falta de alguma coisa, um vazio, MEU CELULAR, perdi? Não, estava em cima da mesinha, ainda bem, porque eu não ia comprar outro, desbloqueei o mesmo, meu santo G-DRAGON, quarenta e três ligações do Jimin Hyung, me levantei devagar, desci as escadas, liguei para o maninho, aposto que quando ele atender vai gritar comigo, afastei um pouco o telefone do ouvido:

- S/N CADÊ VOCÊ? ESTÁ TUDO BEM? COM QUEM VOCÊ ESTÁ? POR QUE SUMIU? POR QUE NÃO ATENDEU AS MINHAS LIGAÇÕES? ME RESPONDA AGORA S/N.

- Se você deixar eu respondo, posso?

- Vai fala.

- Eu estou perto de casa, está tudo bem sim, não bebi, não fumei, não usei nenhuma droga e não fiz nada de errado e nem ilegal, não se preocupe, eu acabei dormindo aqui no vizinho, não se preocupe ele não tentou nada e não fizemos NADA, entendeu? NADA.

- Estou resolvendo umas coisas aqui e vou para casa, VÁ PARA CASA AGORA.

- Ok, mandão.

- Sou mesmo, passa logo para casa.

- JÁ OUVI CHIMCHIM, QUE SACO, CARAMBA, NÃO SOU TÃO BURRA ASSIM.
Ele riu e falou:

- Está bem, beijo e tchau.

- Tchau.
Desliguei a chamada:

- S/N?
Me virei ao ouvir meu nome. era Yoongi:

- Ah! Bom dia.

- Você me assustou pensei que tivesse ido embora sem me acordar.

- Desculpa, eu vim ligar para o meu irmão.

- Percebi, como está?

- Melhor e com fome.

- Quer tomar café da manhã comigo?
E AGORA? O QUE FAÇO?

(    ) Aceito, o Jimin vai demorar mesmo.

(    ) Nego, o Jimin me mandou ir para casa.


Notas Finais


APOSTEM, SABE, EU QUERIA SABER O QUE VOCÊS ACHAM DE UM LEMON, ESCOLHAM UM DESSES:
( ) NAMJIN.
( ) VKOOK.
( ) JIKOOK.
( ) YOOMIN.
( ) VHOPE.
( ) VMIN.
( ) SUGAJIN.
( ) SUGAMON.
ESCOLHAM ENTRE ESSES OITO, SÓ PODE VOTAR EM UM VIU??


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...