História Imagine Taehyung - Capítulo 14


Escrita por: ~

Exibições 66
Palavras 797
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Yaoi
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


OBS: a ft de capa n tem nd haver com a historia, foi so pra deixar a magnifica beleza do meu cachorro guardada em sua memoria...

bom gente acho q me superei, escrevi , reescrevi e escrevi de novo, ou seja deem amor a esse cap...<3

Boa Leitura e desculpa pelos erros, dois beijos <3

Capítulo 14 - Transamos?!


Fanfic / Fanfiction Imagine Taehyung - Capítulo 14 - Transamos?!


S/N ON*
Quando chego no quarto, encontro Taehyung deitado de bruços só de cueca, paralisei ali mesmo, na porta...muita besteira possou em minha mente naquele momento...Pulo em cima dele, acordando o mesmo.
T- Aish... não se podem mais dormir em paz...(ele fala se virando)
S/N- Nossa... se você quiser eu, posso voltar la na sala... ai você pode dormir "em paz" (falo me levantando do seu colo, mas ele me segura)
T- Fica, nós podemos fazer muitas coisas aqui, que la na sala... seriam inproprias (ele me olha malicioso)
Neste mesmo instante ele me beija. Suas maos variavam de lugar, ora estavam em minha cintura, ora em minha nuca, era um beijo gostoso, nossas linguas exploravam cada pedacinho de nossas bocas, so paramos para recuperar ar, seus olhos me fitavam com desejo.
Sua mao desceu ate minha cintura, retirando devagar minha blusa, agora ele fitava meus seios, dava para sentir o desejo em seus olhos.Ele destribui beijos e mordidinhas do meu colo ete minha cintura, era tao boa a sensaçao, do calor de nossos corpos.
Taehyung, desce ate minha calça, abrindo-a e retirando, volta ate minha boca, seus beijos eram quentes,excitantes, me deixavam louca.
Durante um de nossos beijos Tae retirou meus sutiã, agora ele poderia fazer o que quisesse... ele destribuia beijos e chupões em meus seios, eu sabia q ficaria a marca mas não ligava para isso.
Taehyung ON*
Eu e S/N eavamos em um momento bem quente de nossa relaçao. Eu estava prestes a quebrar a ultima barreira que separava nossos corpos, quando...O CELULAR DELA COMEÇOU A TOCAR...
S/N- Tae... eu...preciso atender(ela falava enquanto eu beijava seu pescoço)
T- Depois você liga de volta...
S/N- Mas pode ser inportante...
T- Ta bom(paro de beijar seu pescoço e saio de cima dela)
S/N ON*
EU VOU MATAR QUEM ESTIVER ME LIGANDO A ESSA HORA, JUSTAMENTE AGORA...minha mãe ta me ligando agora?!O que sera que aconteceu?
LIGAÇÃO ON*
S/N- Alo...
E- S/N...é-é a mãe, vem aqui... por favor (ela fala com voz de choro)
S/N- Calma, o que aconteceu?
E- É a mãe, ela ta no quanrto trancada e não me responde... por favor vem aqui...
S/N- Ta eu ja to ind...
A ligação cai-
LIGAÇÃO OFF*
T-Quem era?
S/N- Era minha irmã...(falo me levantando da cama)
T- Aconteceu alguma coisa?
S/N- Sim e eu preciso a sua ajuda...(fecho minha calça e jogo suas roupas em cima da cama)
T- Poderia me contar?
S/N- Depois eu te conto, agora não temos tempo...(coloco so um casaco e fecho o ziper)
T- Ta bom...
Taehyung se veste rapido e pega a chave do carro, como estavamos com pressa nem avisamos os outos, sinplismente simos. No caminho contei o que minha irmã me falou pelo telefone, ele percebeu que eu estava nervosa e assustada.
Quando nos chegamos la, eu entrei correndo na casa,encontrei minha irmã chorando em frente a porta do quarto da minha mae.
E- S/N!!
S/N- Eduarda, cade ela?
E- Aqui...(ela aponta para a porta)
Por mais que eu tentasse chamar, ou abrir a porta eu n consueguia. Graças a Deus Taehyung conseguiu arrombar a porta.
Minha mãe estava deitada no chao, parecia ate que estava morta.
S/N- MÃÃEE (entrei no quarto)
Coloquei sua cabeça em meu colo e fiquei fazendo carinho em sua cabeça, enquanto Tae ligava para a ambulância.
Não demorou muito e ambulância chegou. Eu e o Taehyung fomos de carro... ele não soltava minha mão.
Quando chegamos no hospital, minha irmã estava sentada em um sofá, a coitadinha havia chorado muito, estava cansada. Me sento ao seu lado, Taehyung do outro. Ela deita sua cabeça no colo de Tae e suas pernas no meu, ali ela pega no sono. 

1 hora depois, um medico apareceu...

M- Olha, vocês são os familiares da...(ele olha na ficha) senhora Dulce?

S/N- Sim...(falo me levantando do sofá) a-aconteceu alguma coisa com ela?

M- Agora ela esta melhor, ela teve uma queda de pressão, nada muito grave,mas acho melhor ela ficar de observasao somente hoje.

S/N- Obrigado doutor...

F- Pode me chamar de Felipe...

S/n- Entao, Obrigado Felipe (dou um pequeno sorriso) Ja podemos ve-la.

F- Queria lhe dizer que sim, mas acho melhor deixa -la descansar.

S/N- Tudo bem... (mentira nao ta nada bem, queria ver minha mae)

O Medi...o Felipe saiu dali, eu peguei e acordei Tae e Eduarda, expliquei e voltamos ate minha casa.

T- S/N, eu prometo pagar o conserto da porta...(ele falou segurando Eduarda no colo)

S/N- Não é necessário...

T- É sim, e não discuta.

S/N- ok 

Entramos e colocamos Eduarda em sua cama. Taehyung ligou para o Jin e avisou q nos dormiríamos na minha casa, por causa da Eduarda, não queria deixar ela sozinha.

Taehyung e eu dormirmos em meu quarto, ele me passava tanta segurança, que acabei dormindo rapido.

 

 


Notas Finais


Gente trollei geral kkk acharam q iria ter hot né?! Bando de safados kkkkk
Obrigado por ler ate aqui <3


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...