História Imagine Taehyung>>My Psycho Brother - Capítulo 16


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Personagens Originais, Rap Monster, Suga, V
Visualizações 73
Palavras 750
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Colegial, Drama (Tragédia), Escolar, Famí­lia, Hentai, Luta, Mistério, Romance e Novela, Suspense, Violência
Avisos: Adultério, Álcool, Drogas, Estupro, Heterossexualidade, Incesto, Insinuação de sexo, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Boa leitura para vocês bolinhos ❤❤

Capítulo 16 - Taehyung? Pedindo desculpas?


Fanfic / Fanfiction Imagine Taehyung>>My Psycho Brother - Capítulo 16 - Taehyung? Pedindo desculpas?

[TAEHYUNG ON]
 Ouvi a garota rindo, zombando de mim, ela não sabe com quem está mexendo.
 Eu queria voltar para mostrar à ela quem sou, mas ao mesmo tempo queria voltar para a casa soltar S/n. Como ela consegue me manipular? Ouvi alguém correr até mim, e quando me virei era a garota, ela estava correndo em minha direção.

Tae- Porra, o que você quer?
SK- Há, não seja rude.
Tae- Eu tenho namorada garota.
SK- E ela vai saber?

 Eu já não me aguentava, ver as curvas da loira, os cabelos jogados pelo ombro, eu à peguei no colo e a bati bruscamente em uma árvore que havia perto de nós, ela solta um gemido de dor, e logo começo a beija-la.
 Ela tira a blusa, em seguida tira a minha. Sem me dar conta, já estávamos completamente despidos, ele desce a mão até meu membro que estava a pulsar, ela põe a boca no mesmo, me fazendo soltar gemidos de prazer.
 A mesma sobe e pula em meu colo, eu me posiciono entre as pernas da loira, que estáva a gemer, e logo começo a estoca-la com toda força, a mesma gemia loucamente.
 Terminei meu trabalho com ela, eu não me sentia cansado, muito pelo contrário, eu queria mais, a garota estava totalmente exausta.
 Eu à peguei no colo e a-levei para um rio que havia ali perto.

SK- Você foi espetacular.
Tae- Você não.

 Pus a garota dentro da água e à segurei no fundo, evitando que ela respirace, a garota se debatia, e aquilo só me deixava mais excitado.
 Eu queria mais, e ela não podia me dar, ela não serve mais para mim.
 Parei de segurá-la quando vi que a mais nova parou de se mexer, eu levantei saindo da água e indo buscar minhas roupas.
 Me vesti e voltei para a casa. Ninguém me viu, e eu fui diretamente para o quarto em que deixei S/n.
 Abri a porta bem devagar, S/n estava deitada na cama, encolhida, como ela consegue ser tão bonita dormindo? Como ela conseguiu me conquistar?.
 Tranquei a porta e fui para perto da garota, que parecia ter chorado muito.
 Eu me senti um monstro, mas ao mesmo tempo não, ela merecia, ela sabe que é minha, e beijou Jin, que droga.
 Pus as mãos nos hematomas que haviam na garota, ela solta um gemido de dor ao sentir os hematomas serem tocados.
 Eu deitei com calma atrás dela e à abracei por trás, não queria acordá-la, só que ela ficasse ali comigo.
[TAEHYUNG OFF]

[S/N ON]

 Taehyung me abandonou mesmo no quarto? Há ele me deixa com mais ódio da vida, por que minha vida é assim?
 Eu só sabia chorar, não conseguia fazer outra coisa, então me deitei na cama e dormi.
 Acordei com uma leve dor de cabeça, olhei para os lados e senti alguém me abraçar, ERA TAEHYUNG!!! ELE É MUITO LINDO DORMINDO.
 Ele estava muito fofo com as bochechas apoiadas no braço.

 Eu não conseguia para de olhá-lo, eu só queria beija-lo, até não poder mais, senti ele pressionar mais nossos corpos. Ficamos mais próximos do que já estávamos, a respiração de Taehyung estava tão calma.

 Eu não resisti ao ver o rosto de Taehyung tão perto do meu, mas já que sou dele, por que ele não pode ser meu?
 Eu aproximei meu rosto lentamente e deu um selinho demorado em Tae, logo senti a mão do mais velho ir até minha cabeça, aprofundando nosso beijo, era um beijo doce e calmo, não era como os beijos de Namjoon, de Jin, nem de Jackson, era diferente.
 Ele acariciava meus cabelos com cuidado, logo nós dois ficamos sem ar, e vejo Tae abrir os olhos lentamente. Ele abre um lindo sorriso, me fazendo corar.
 Ele fica olhando no fundo dos meus olhos, ainda mantendo aquele sorriso lindo.

S/n- T-Tae, desculpa por ter te beijado, eu...
Tae- Desculpa pelo que mesmo? Foi uma das melhores coisas que você poderia ter feito. -Taehyung fala me interrompendo.
S/n- Eu sei mas... -sou interrompida por outro beijo vindo de Tae, ele desce a mão para a minha cintura, que estáva machucada, e doendo muito.

 Ele aperta um pouco a lateral da minha cintura, me fazendo soltar um gemido de dor, por conta dos hematomas.
 Ele parou o beijo e me olhou fixamente nos olhos.

Tae- Desculpa por te machucar.
S/n- Você só devia parar.
Tae- Eu não consigo. -ele fala aproximando mais nossos corpos. -Você me atrai de uma forma inexplicável.


Notas Finais


Haaaa mano, será se ela vai escolher o Taehyung????


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...