História Imagine Taeyong (NCT) - Capítulo 6


Escrita por: ~

Postado
Categorias Neo Culture Technology (NCT)
Personagens Jaehyun, Johnny, Taeyong, Ten
Tags Nct Nct 127 Taeyong
Visualizações 117
Palavras 789
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Romance e Novela, Shoujo (Romântico)

Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Mais um capitulo para voces,confesso que chorei escrevendo ;-;

Capítulo 6 - Atrás daquele sorriso doce,havia alguem triste e solitario.


Fanfic / Fanfiction Imagine Taeyong (NCT) - Capítulo 6 - Atrás daquele sorriso doce,havia alguem triste e solitario.

E Taeyong começa a dizer..

Tae-Era meu aniversario de 10 anos,eu queria sair com meus pais para comemorar,eles não queriam sair mas eu insisti até que eles aceitassem..mas o que eu não imaginava era que,aquela seria a nossa ultima vez juntos como familia.~~Ele diz chorando mas continua.  Fomos para um restaurante perto de casa..estavamos felizes jantando todos juntos quando..quatro homens de capus chegaram segurando grandes armas dizendo que era um assalto,eu fiquei muito assustado e chorando muito..quando um deles me pegou apontando a arma para minha cabeça dizendo que eu era refém,e naquele mesmo momento meu pai levantou me puxando pelo braço e se interferindo,entao o assaltante..deu um tiro nele bem na minha frente foi tão rapido que quando eu vi eu nem acreditei,mas bem na hora minha mãe se levantou rapidamente e levou tres tiros morrendo na hora.~~Colocando as mãos no rosto e chorando muito..logo depois os ladroes roubaram joias e muito dinheiro e sairam correndo para o carro,quando eu vi estava banhando no sangue dos meus pais mortos bem na minha frente,eu estava chocado e assustado,não conseguia acreditar que meus pais tinham sido mortos bem no dia do meu aniversario,..e sabe o que foi mais incrivel? foi que ninguem fazia nada,apenas ficaram olhando e chamaram a ambulancia..eu não podia acreditar que aquilo havia acontecido,eu queria ao menos ter dito ''obrigado'' á eles..~~diz chorando muito colocando o rosto nos meus ombros me abraçando forte.

Logo eu vi que atrás daquele sorriso doce,havia alguem triste e solitario.

Tae-(S/n) se eu não tivesse insistido naquele dia..agora eles estariam vivos.~diz chorando abraçado á mim.

Eu-Ta-Taeyong..Me desculpa por não ter estado com voce antes nesse momento dificil.~~digo o abraçando forte.

Tae-Naquele momento eu precisava de alguem para conversar,para cuidar de mim,estar comigo mas eu não tinha ninguem..nem mesmo meus parentes estavam comigo,eles me culpavam pela morte do meus pais,eu estava sozinho,isso abriu uma escuridão muito grande dentro de mim..~~diz abaixando a cabeça.

Eu levanto a cabeça de Taeyong,limpo suas lagrimas e digo olhando em seus olhos:

Eu-Eii, voce não esta sozinho agora,não enquanto eu estiver com voce.

Taeyong me olha sorrindo e me da um beijo inesperado colocando suas mãos grandes em meus rosto e diz:

-Tae-Obrigado por estar comigo agora,eu não me sentia tão bem assim como agora há muito tempo,voce me fez sorrir novamente.~~

Ele me abraça fazendo meu coração acelerar fortemente e diz:

Tae-Voce esta quente de novo.~~ele diz rindo. Pode parecer estranho mas eu gosto quando voce esta quente quando esta comigo.

A gente fica abraçado olhando pro céu e quando percebemos ja é tarde e eu digo:

Eu-Nossa ja esta tarde,preciso ir para casa.~~digo levantando.

Tae-Voce tem razão,vamos.~~diz puxando minha mão.

Enquanto iamos,começa a ventar muito forte,um vento muito frio,ele me ve acolhida,tira seu casaco e coloca em mim,e eu digo:

Eu-Não precisa disso Taeyong, voce vai ficar com frio e pode pegar um resfriado.~~digo devolvendo o casaco.

Tae-Voce tambem pode.~~diz colocando o casado novamente em mim. E sabe de uma coisa?

Eu-O que?.~~digo olhando pra ele.

Tae-Seu abraço quente me esquentou.~~diz rindo.

Eu-Aish.~~coloco minhas mãos no rosto cheia de vergonha.

Chegando  em minha casa ele se despede  de mim e vai andando. Eu vou atrás dele e grito:

Eu-Espera.~~digo correndo.

Ele se vira e eu peço pra ele se agachar um pouco,ele se agacha e eu dou um beijo nele,tampo o rosto e saio correndo.Chego em casa,vou para meu quarto,deito na cama e penso:

Aish porque eu fiz isso?o que deu em mim??aa o que Taeyong vai pensar de mim agora?eu sou uma estupida mesmo.~~bato em minha cabeça.

Percebo que estou com o casaco de Taeyong desço correndo,abro a porta e vejo que ele esta longe. Taeyong vai passar frio agora,por minha causa.

~~QUEBRA DE TEMPO~~ 06:30 DA MANHÃ~~

Eu acordo atrasada e me troco bem rapido e desço correndo,vejo todos na cozinha me olhando com cara seria e meu pai diz:

Pai-Que horas voce chegou ontem a noite?

Eu-Hã..hã..acho que logo depois da meia noite..

Pai-O-oque??meia noite??garota voce esta louca?porque voce chegou tão tarde??

Eu-Me desculpa papai por favor, a gente acabou perdendo a noção do tempo.~~digo me ajoelhando.

Pai-Levanta dai menina,por punição voce não vai sair de casa por 1 semana.~~diz saindo.

Eu-Uma semana??aah fala serio.~~digo gritando.

Unni-É parece que alguem não vai mais ver o namoradinho.~~diz saindo rindo.

Saio de casa e vou para a escola ansiosa para ver Taeyong mas quando entro na sala não o vejo,olho para o Ten e digo:

Eu-Yaa Ten,voce viu o Taeyong hoje?

Ten-Não,ele não chegou até agora,acho que ele não vem.

Coloco as mãos no meu rosto ficando nervosa,sera que ele ficou doente? sera que ele não gostou do beijo que eu dei ? aish sabia que foi uma péssima ideia,eu não devia ter feito aquilo.


Notas Finais


AAA entao é isso espero que tenham gostado,ate a proximaa ~~


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...