História Imagine Yugyeom (Got7) - Capítulo 11


Escrita por: ~

Postado
Categorias Got7
Personagens BamBam, Jackson, JB, Jinyoung, Mark, Youngjae, Yugyeom
Visualizações 135
Palavras 414
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Comédia, Famí­lia, Ficção, Romance e Novela
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


BROTEIIIII
Na verdade, floreci.
Bem, antes que eu seja atacada...
Vou explicar o motivo da demora por esse capítulo...
Uma coisa irritante chamada "escola".
Atividades, provas... Enfim, essa merda toda aí.
Então, espero que me perdoem!
VAMO PRO CAPÍTULO!

Capítulo 11 - Capítulo 11


{No meio da madrugada}

Acordei no meio da noite com a Dahyun se mexendo muito. Olhei no celular e eram 3:18. Ela se mexia e gemia de dor. Eu não sabia o que fazer. 

Dahyun: Oppa. Acorda, por favor. *dizia em um tom de choro. 

Eu: O que foi pequena? 

Dahyun: Tá doendo muito Oppa. 

Eu: Onde? 

Dahyun: Aqui. *ela aponta pra intimidade dela. 

Eu: O-oque eu posso fazer pra te ajudar? 

Dahyun: Me dopa. 

Eu: Que? Não mesmo. 

Dahyun: Me ajuda Oppa, tá doendo muito. 

Eu: Você aguenta só mais um minuto? 

Dahyun: Vou tentar. 


Ligação 

Jackson: Alô? 

Eu: Amém! Você atendeu! Mas enfim, eu vou logo ao ponto e você tem que me ajudar. 

Jackson: Ok, fala. 

Eu: A Dahyun tá se esperneando dizendo que tá doendo. O cheiro dela se espalhou por todo o quarto e dá pra ouvir ela gemendo de dor daqui da sala. 

Jackson: Ela tá no cio Yugyeom. 

Eu: Tá, e o que eu faço? 

Jackson: Vai ter que transar com ela. 

Eu: Não tem outra escolha? 

Jackson: No momento não. Agora vai lá ajudar minha Dahyun porque ela precisa. 

Eu: Eu tô indo, mas depois a gente conversa sobre 'minha Dahyun'. 

Ligação Off

Eu não acredito que vou fazer isso de novo. Mas, eu tenho que fazer isso, ela precisa disso. 

Cheguei no quarto ela continuava gemendo de dor, seu cheiro estava forte no quarto e ela chorava de dor. 

Eu: Não chora pequena. 

Dahyun: Me ajuda, por favor. 

Eu: Eu só achei um jeito que pode te ajudar. 

Dahyun: Não importa o que seja, eu só quero que isso passe. 

Eu: Tem certeza? 

Dahyun: Tenho. 

Eu fui no banheiro e coloquei uma camisinha, só pra previnir. Vai que... 

Eu voltei e tirei minha calça junto com a box. Logo em seguida, tirei o pijama dela e a penetrei sem avisar. 

Comecei a dar pequenas estocadas pra ir aliviando aos poucos. Ela começou a gemer, antes de dor, agora de prazer. 

O cheiro de sexo predominava em todo o quarto. Nós gemiamos e eu tentava abafar beijando ela. 

2,3,4,5,10,15,20... Inúmeras estocadas até chegarmos ao nosso ápice. 

Retirei a camisinha e a joguei no lixo. Me vesti e me deitei do lado dela. A mesma ainda estava ofegante. 

Eu: Passou? 

Dahyun: Passou. 

Eu: Então, vamos dormir?

Ela balançou a cabeça positivamente. 

Ela se vestiu, e deitou na cama ao meu lado. Se virou para dormir mas eu a puxei pra mais perto de mim. Assim, dormirmos de conchina... Como sempre... 




Notas Finais


Obrigada por ler ❤


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...