História Imagines- BTS - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Personagens Originais, Rap Monster, Suga, V
Tags Bts
Exibições 139
Palavras 1.086
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Colegial, Crossover, Drama (Tragédia), Escolar, Famí­lia, Fantasia, Festa, Fluffy, Hentai, Lemon, Romance e Novela, Sobrenatural, Violência, Yaoi, Yuri
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Heterossexualidade, Homossexualidade, Incesto, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Desculpa os erros. Essa é minha primeira vez escrevendo hentai

Capítulo 1 - Suga


Fanfic / Fanfiction Imagines- BTS - Capítulo 1 - Suga

Suga

S/N- seu nome

S/N on

•Incesto
•Hot
•Romance
•Drama

- Min Yoongi- eu grito
- O que e? - pergunta
- Eu vou sair- eu disse, colocando meus saltos.
- Pra onde?- pergunta- Sabe que horas são?
- Eu vou ir pra uma festa, junto com a Lee. Chego só 1:00, tchau.

Eu disse e sair de casa. Minha amiga já estava me esperando no carro e eu já estava atrasada.

Suga on

S/N vai ver quando ela chegar, eu sou mais velho e ela não me respeita.
Tô esperando ela a mais de 5 horas, e ela não chega. Já passou de 2:00.

14 minutos depois

Ouvi um barulho de chave rodando e me acomodei no sofá.

S/N on

Cheguei em casa, depois de muita diversão. Olhei a hora e levei um susto. Entrei em casa e vi Suga no sofá me olhando com uma cara não muito legal.

- Você disse que ia chegar 1:00, sabe que horas são - gritou
- Desculpe, perdi a hora- eu disse- estava com uns amigos e com Lee
- Que amigos? - perguntou- quer saber, você nunca mais vai sair sem mim- disse, e eu olhei incrédula
- Você não pode fazer isso- eu disse
- Posso, sou seu irmão mais velho. Se você for pra qualquer lugar vai ter que me levar junto ou com alguém de minha confiança- disse
- Não vou te obedecer. Amanhã vou ir no cinema com o Kim. Boa noite
- Você não vai. Quem é esse Kim? Você só é minha, minha e de mais ninguém.
- O que? Você tá louco Suga- eu disse é comecei a andar.

Sentir uma mão me puxando, fazendo eu virar. Era Yoongi, ele estava mais calmo. Se ele soube- se   do poder que tem de meu corpo, quando o toca.

- O que foi? - eu perguntei
- Eu... Eu quero dizer uma coisa - ele disse gaguejando
- Pode dizer- eu
- Eu sei que somos irmãos- parou de falar, e respirou fundo- mais... Mais eu e eu te amo

Arregalei os olhos, e ele me soltou, eu não sabia o que dizer, estava surpresa com as suas palavras.

- Yoon- eu disse mais fui interrompida
- Me desculpe, finja que eu nao disse isso.
- Yoongi, eu também te amo- eu disse é ele me olhou com brilhos nos olhos e com um grande sorriso- Mais não podemos...

Fui interrompida por um beijo, calmo e apaixonado. Borboletas andavam na minha barriga, e essa sensação é incrível.
Yoongi colocou suas mãos na minha cintura e eu rodei meus braços no seu pescoço. Coloquei minha mão na sua cabeça e fiz uma pequena massagem.
Se separamos por falta de ar, e eu o olhei. Ele estava sorrindo e eu retribui.

- Sabe que isso é errado né? - eu falei é ele assentiu.
- Eu te amo, e esse pequeno obstáculo não vai mudar meu amor por você- ele disse fazendo eu sorri.

Dei um selinho nele, e ele pediu passagem com a língua e eu cedi.
Ele me levantou e eu rodei minhas pernas na sua cintura. Suga me levou até o seu quarto é me encostou na parede mais próxima.
Ele me colocou no chão e eu tirei sua blusa, revelando um tanquinho lindo.

- Que um balde- ele disse é riu
- Não precisa- eu disse é o beijei

Ele me jogou na cama e tirou meu vestido de bojo. Estava sem sutiã o que facilitou. Estava morrendo de vergonha e ele sorriu me acalmando.
Subiu em cima de mim e lambeu meu pescoço fazendo eu arfa, ele chupou meu pescoço,e eu arfei, foi fazendo um trilha de beijos até me peito. Ele sugou me peito fazendo eu soltar um baixo gemido, fazendo ele sorri e começou a sugar meu peito e o outro a massagear. Eu estava soltando baixos gemidos até que ele parou fazendo eu soltar um bufo em reprovação.

- Se acalme meu amor, termos a madrugada toda- ele disse
- Cade nossos pais? - eu perguntei
- Estão viajando, vão voltar só daqui a 2 dias- respondeu
- Que bom - eu disse

Ele me beijou de novo, e tirou minha calcinha, fazendo eu fechar minhas pernas. Ele me olhou e segurou minhas pernas as abrindo.

- Suga, eu sou virgem- eu disse com medo
- Eu sei- ele disse- vou ter cuidado

Ele me mandou lamber seus dedos, e foi isso que eu fiz. Depois de alguns minutos lambendo, ele rodeou seus dedos na minha entrada e eu gemi.
Ele enfiou um dedo na minha intimidade fazendo eu soltar um gemido de dor e de prazer. Ele começou a entrar e sair e eu gemi de prazer. Depois ele enfiou mais um dedo e eu gemi mais alto.
Quando estava preste a gozar ele tirou os dedos e colocou a língua fazendo eu contrai minhas costas.
Gozei e ele lambeu todo o meu gozo.

- Su... Suga eu preciso de você- eu disse
-Tem certeza? - perguntou
- E claro que sim. Depois disso eu já sou entregue a você- eu disse é ele sorriu.

Ajudei ele a tirar a calça e a box. Quando eu olhei eu não acreditei, era tão grande e grosso que eu fiquei com medo.
Ele sorriu e pegou a camisinha do lado da cama e colocou no seu membro.

- Vai doer um pouco mais eu vou ter cuidado- ele
- Confio em você- eu

Ele colocou seu membro na minha entrada e foi forçando um pouco. Gemi de dor e mordi seu ombro fazendo Yoongi gemer baixo.

- Como você é apertada, maninha- ele disse gemendo- e gostosa.

Quando entrou todo em mim, parou para mim se acostumar. Eu balancei minha cintura, avisando que ele podia ser movimentar. E foi isso que ele fez.
Cada gemido meu era de prazer que ele me dava.

Yoongi ia rápido e fundo, fazendo eu revirar os olhos de tanto prazer.

Inverti as posições e fiquei em cima dele. Ele me olhou surpreso e eu dei um pequena selar, comecei a  me movimentar e ele colocou as mãos na minha cintura me ajudando com os movimentos.
Só podia ser ouvir os nossos gemidos naquele quarto.

-Su ga ah - eu disse é gozei
-S/N humm- disse é gozou, logo em seguida

Me joguei em seu lado, e ele me abraçou.

- Eu te amo- eu disse
- Eu também- respondeu- E ninguém vai te tirar de mim, nem os nossos pais.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...