História Imagines BTS - Capítulo 28


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Tags Bts, Bts Imagine, Imagine, Jhope, Jimin, Jin, Jungkook, Rap Monster, Suga
Visualizações 157
Palavras 417
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 14 ANOS
Gêneros: Colegial, Drama (Tragédia), Escolar, Famí­lia, Fantasia, Festa, Ficção, Fluffy, Romance e Novela, Saga, Violência
Avisos: Adultério, Álcool, Linguagem Imprópria, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 28 - Jungkook Special Imagine pt.2


Fanfic / Fanfiction Imagines BTS - Capítulo 28 - Jungkook Special Imagine pt.2

JUNGKOOK P.O.V  

Pelo resto do dia, eu e S/N gazeamos umas duas aulas, conversando por muito tempo. Ela pôde me conhecer melhor e vice-versa. 

No intervalo, saímos da biblioteca juntos, atraindo olhares e murmúrios por cada canto que passávamos. O mais incrível é que nós ignorávamos e continuávamos rindo e conversando.

Compramos a comida no refeitório e voltamos pra biblioteca, que parecia um lugar especial agora. 

-Que aula tem depois do intervalo?-perguntou ela, bebendo água.

-Acho que mais uma de geografia.

-Ótimo, assim eu posso explicar pro professor essas coisas que eu falei pra você, mas resumidamente.

-Sim, ele vai te entender.

 

QUEBRA DE TEMPO

Faltando uns 10 minutos pra começar a aula, S/N e eu fomos até a sala, onde o professor já estava. 

Ela explicou milhares de coisas pra ele, como ele disse mais cedo, gentilmente. 

-Eu fico feliz que você tenha se aberto pra mim e saiba que eu vou levar essas informações à direção, apenas pra limpar seu nome. -riu ele. -Eu não te odeio, S/N. Ninguém aqui te odeia.

-Todos eles me odeiam, na verdade.

-Você pode provar o contrário, não?

-Posso sim...-sorriu timidamente. 

-Aliás, tenho certeza que o Jungkook teve uma conversa com você. Agradeça à ele.

 

FIM DA AULA

-Você quer fazer o trabalho na minha casa?-perguntei.

-Pode ser. É aqui perto?

-Sim, vamos lá.

Ao resto da manhã, é óbvio que todos estranharam o comportamento diferente dela, mas logo se acostumam. 

Andamos até a minha casa e eu indiquei que ela entrasse.

-Nossa, sua casa é bem bonita. 

-Obrigado!- larguei minha mochila no sofá e ela fez o mesmo. 

-E os seus pais não se importam de eu ter vindo aqui?

-Eles estão trabalhando e, mesmo se estivessem aqui, não se importariam. 

-Ah, entendi. -disse ela, um pouco nervosa. 

Ficamos fazendo o trabalho por umas horas, mas na maioria do tempo em silêncio, o que estava ficando constrangedor. 

-S/N...

-O que foi?

-Eu sei que você disse mais cedo que não queria me contar de quem você gostava.

-Sim, e...?

-Você pode me dar uma dica?

-Uma dica, Jungkook?- riu ela. -Isso é uma espécie de investigação?

-Mais ou menos. 

-Ok, então. Deixa eu pensar... Ele está na minha sala.

-Isso não ajuda, tem quase quarenta pessoas na nossa sala. 

-Tá, então, ele tem cabelos negros.

-Quase todos os garotos da sala têm cabelos negros. 

-Aff, Jungkook!

-To falando sério, uai. 

-É a última, hein! Ele parece um coelhinho. 

-Coelhinho?-perguntei confuso. Que tipo de garoto se parece um coelhinho?

 

 


Notas Finais


Poxa JK vc não colabora hein AUHSIAHSI
Até o próximo cap -gii


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...