História Imagines BTS (HOT) - Capítulo 2


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Personagens Originais, Rap Monster, Suga, V
Tags Bts, Hot, Imagines, J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Rap Monster, Suga
Exibições 534
Palavras 760
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Escolar, Famí­lia, Festa, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Violência
Avisos: Adultério, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Sadomasoquismo, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Boa leitura. <3

Capítulo 2 - O irmão do meu melhor amigo


Fanfic / Fanfiction Imagines BTS (HOT) - Capítulo 2 - O irmão do meu melhor amigo

Recebo uma ligação logo cedo -não tão cedo assim- o que me faz acordar e atende-la, eram 19:00 horas, para ser mais exata. Era meu melhor amigo.

(S/N): Alô...?

Jungkook: Olá, (S/N)! Te acordei?

(S/N): Sim... Mas eu já teria de acordar mesmo, nem devia estar dormindo a esta hora.

Jungkook: Seguinte, vem aqui em casa. Estou indo no mercado comprar umas coisas pra gente comer e fazer maratona de filmes, aliás, o tempo está meio nublado, vai chover, então se apresse.

(S/N): Tudo bem, até mais.

Desligo a ligação, tomo um banho e visto minhas roupas - uma blusa preta de mangas, e uma calça jeans-, amarro meu cabelo com um 'rabo de cavalo', saio de casa e vou em andando até lá. A casa de Jungkook não é tão longe, ficava a três quarterões da minha casa. Levei exatamente 20 minutos para chegar até lá, pois estava andando como uma lesma -como Jungkook diz- quando cheguei, já havia começado a chover. Bati na porta, mas quem me atendeu não foi Jungkook, e sim seu irmão mais velho, de pele pálida, fios brancos -os mesmos que eram apenas coloração-, alto, com aparência de quem sempre está com sono, porém, desde que eu era nova, tinha uma certa atração por ele. Seu nome é Min Yoongi.

Yoongi: Olá (S/N), Kook foi ao mercado, mas já volta.

(S/N): Olá.

Yoongi: Entre. -falou indo para a cozinha.

Entrei e logo me sentei, a chuva começou a ficar forte, não demorou muito, e Yoongi aparece na sala com o celular na mão.

Yoongi: Kook me ligou, parece que vai demorar um pouco por causa do engarrafamento e da chuva.

(S/N): Okay. 

Após responder, percebi que Yoongi não parava de me encarar, o que me deixou bastante envergonhada. Me levanto indo em direção ao banheiro,o e percebo seu olhar me fitando a cada passo, até chegar a porta do banheiro. Lavo o rosto, respiro fundo.

-(S/N) nem pense... Controle-se. - digo ao meu reflexo no espelho.

Abro a porta do banheiro e me deparo com Yoongi escorado na frente, com seu braço entre a porta, o que me impedia de passar, o mesmo me olhava com um sorriso malicioso nos lábios.

(S/N): Yoongi, deixe-me passar.

Yoongi: Temos todo o tempo do mundo (S/N), relaxe um pouco.

Yoongi se aproxima me roubando um beijo, e é claro que eu o retribui. Sua língua pede passagem, e eu acabei cedendo. O beijo começou calmo, até trocarmos algumas carícias.
Yoongi me empurra contra a parede, sem desgrudar seus lábios dos meus, e põe a mão por dentro da minha blusa, me fazendo ficar arrepiada, dou uma mordida em seu lábio inferior, o que o faz soltar um gemidinho de dor. Ele sobe a mão e começa a apertar meu seio, o que me fez tirar meus lábios dos seus e jogar a cabeça para trás, Yoongi percebeu o caminho livre, e levou seus lábios até meu pescoço, depositando várias lambidas e chupões.
Ele se afasta, me dando liberdade de tirar sua camisa, eu a tiro e ele me puxa para o sofá, me jogando no mesmo, subindo por cima de mim, retira minha blusa e beija cada parte do meu corpo, até chegar a barra da minha calça, a retira, puxa e afasta minhas pernas uma da outra enquanto sussurra

Yoongi: Hoje todos vão escutar você me chamando de Oppa enquanto geme, implorando por mais. - sussurrou em meu ouvido, me deixando completamente excitada.

Eu apenas passei a língua nos lábios, e ele entendeu o recado, penetrou dois dedos em mim sem pedir passagem, com movimentos contínuos de ''vai e vem'', não saia nenhum som da minha boca, apenas o som da minha respiração ofegante, ele apenas me olhava com um sorriso cínico e ao mesmo tempo um tanto quanto.... provocante?!
Após alguns minutos, eu já não aguentava mais a sua provocação e ser apenas 'tocada', eu o queria dentro de mim.

(S/N): I-isso é tortura...

Yoongi: Pode até ser, mas só me terá, quando pedir com jeitinho.

(S/N): Yoon... Oppa, por favor... me... me foda.

Assim Yoongi obedeceu, sem pensar duas vezes, já avia retirado suas roupas e me penetrou a seco, o que me fez gemer alto, o mesmo me beijou, abafando os gemidos. Transamos até gozar. 

Ambos vestimos nossas roupas, trocamos alguns beijos, e não demorou muito para Kook chegar e começarmos com as maratonas de filmes.
Após o segundo filme acabar, Kook já havia dormido no sofá, Yoongi me olha arqueando a sobrancelha e sussurra

Yoongi: Está pronta para o segundo round, (S/N)?

 


Notas Finais


Olá galero;
Queria star morta, 'to morrendo de sono, e levei torno de 5 horas pra fazer esse imagine por conta do cansaço, ai g-dels.

Espero que tenham gostado.
Beijinho. <3


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...