História Imagines Exo - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias EXO
Personagens Baekhyun, Chanyeol, Chen, D.O, Kai, Kris Wu, Lay, Lu Han, Sehun, Suho, Tao, Xiumin
Exibições 257
Palavras 2.742
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Colegial, Comédia, Drama (Tragédia), Fantasia, Festa, Hentai, Luta, Mistério, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Suspense, Violência
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Spoilers, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


espero que gostem.

Capítulo 1 - Kim Minseok (lotto)


Fanfic / Fanfiction Imagines Exo - Capítulo 1 - Kim Minseok (lotto)

Diziam que eu era conhecida como uma das mulheres mais bonitas que frequentava a área de jogos do cassino. Sempre as sextas e sábados estava lá com a Lidy. Sai do banheiro enrolada em uma toalha e sorri ao ver uma mensagem da coreana dizendo que estava indo pra minha casa, se arrumar e ir pro cassino. Eu só  queria descarregar, minha semana não tinha sido nada fácil e além do mais o que umas bebidas iriam fazer mal?.
Caminhei até o armário e tirei um vestido e meu salto preto. Sentei na cama e suspirei, estava sentindo que a noite seria muito boa. Fui até o banheiro e fiz uma maquiagem e  enrolei as pontas do cabelo. Coloquei o vestido e coloquei o salto, ajeitando. Eu admito que tinha adorado aquele vestido ele era preto acima do joelho, com um decote nos seios e o salto  era da mesma cor. Aquela peça de roupa marcava meu corpo, o que eu tinha gostado bastante. Escutei a campainha e caminhei até a porta do apartamento, abrindo era a Lidy.


- Uau - Lidy olhou para mim e sorriu


- O que? - Perguntei.


- Você tá gostosa com esse vestido - A coreana me olhou de cima a baixo e bateu no meu quadril


- Ei - Ri.


Lidy estava com um vestido vermelho e muito animada para ir.


- Vamos? - Perguntei e peguei minha bolsa


- Claro - Ela pegou no meu braço e começou a andar pra fora do apartamento

Seguimos para o lugar habitual e entramos, olhando ao redor e percebendo estar bem lotado.


- Lidy você tinha que vir hoje?  -Suspirei


- Você está reclamando demais sabia? Eu to mó animada e vou ganhar alguma coisa hoje - Lidy sorriu - Vai que você ganha algo também...tipo um cara te encarando


- O que? - Perguntei


- Tem um garoto te encarando numas mesas pra frente - Lidy sorriu e me olhou


- Amiga, vou pegar uma bebida e espero que você se divirta - Pisquei.


- Velha - Lidy suspirou rindo e foi para área de jogos


- Eu fico sozinha? - Olhei para os lados, indo para o bar


Do outro lado: (autora on)


- D.O -  Baekhyun chamava ao lado delas, o garoto estava agarrado a duas meninas


- Não enche - D.O apenas passou e olhou as duas, seguindo para o andar de cima 


- Baby, que garota linda - Chanyeol sorriu olhando _______ passar no meio da pista


- Aonde? - Sehun olhou e viu a garota sentar no bar


- Ai se o Xiumin ver - Suho riu - Vem cá Xiumin, pega uma bebida pra mim


- Levanta e...- O mais velho olhou Suho, que estava com uma cara nada boa e suspirou - Claro chefinho...


O garoto caminhou até o bar e ficou no meio de duas cadeiras, sendo uma a que ______ estava. Ao lado da garota, D.O estava sentado com uma cara de mau humor e tanto.

 

- Lay, me vê uma pro Suho, a de sempre - Xiumin pediu


- Claro,  o melhor pro chefinho - Lay riu e foi


- Me dá um Whisky - D.O disse com seu tom indiferente.


_______ tossiu, tentando procurar a amiga em meio a tantas pessoas.


- Saúde- Xiumin se virou, olhando a garota que estava ao seu lado e ficou um tanto chocado.


- Obrigada...- _____ sorriu e o olhou, arregalando os olhos


- Ei...moça a sua bebida - O moreno sorriu entregando para _______ 


- Obrigada... - ______ desviu o olhar e pegou o copo, andando para longe dali

(autora of)

Comecei a andar pelo salão procurando a Lidy, onde a garota tinha se metido? Senti alguém puxar meu corpo e bater em uma parede. Um garoto de cabelos loiros e olhos azuis, aparentava ter 1.85 cm de altura.

 

- Então gatinha o que você está fazendo na Coreia em um Cassino sozinha? - O garoto olhou para mim e sorriu um tanto maníaco - Você é meu brinquedo, aqui ou em qualquer lugar


- Ou ou,  eu não sou seu brinquedo eu nem te conheço otário, você tá ficando louco ou o que? - Bati no braço dele e dei alguns paços para trás


- E? Você não tem escolha -  O rapaz cruzou os braços e começou a ir para perto de mim

 

Tentei recuar, mas acabei batendo as costas na parede e aquilo me fez ficar em pânico. Um momento aonde meus pensamentos vinham a tona: eu deveria ter ficado com Lidy jogando. Olhei para o lado e viu um garoto com cabelos meio alaranjados e olhos puxados ,que empurrou o loiro na parede, o fazendo bater a cabeça e desmaiar no chão.

 

- Está tudo bem - O garoto se virou pra mim, eu estava assustada


- O-obri - Eu fui interrompida por ele me pegando no colo e levando para algum lugar - E-ei onde eu estou indo?


- Pra um lugar seguro - Ele respondeu


Por um minuto eu estava conversando com um menino moreno do bar, depois vi um garoto no bar igual ao único garoto que eu amei na minha vida, Kim Minseok. Ai em seguida um loiro tentou se aproveitar de mim. E outra ,a Lidy tava muito animada, eu não iria largar ela, certo? Eu espero que pelo menos ela esteja se divertindo. Fechei os olhos e fiqui um tempo com eles fechados, até escutar um barulho de uma porta abrir e sentir uma cama macia em baixo do meu quadril, me fazendo abrir os olhos. Percebi que estava em um quarto. O garoto loiro me deixou sentada na cama e saiu, indo para algum lugar, o quarto devia ser dele. Reparei que a cama era de casal e tinha um lençol em um tom de azul escuro. As paredes eram brancas e o chão cheirava a madeira envernizada. Percebi que ele era muito organizado, não tinha uma coisa fora do lugar. Livros, revistas, a mesa com um notebook no centro, as roupas do closet arrumadas e os sapatos também.
Fechei os olhos por um minuto e ouvi a porta ser aberta e fechada. Abri os olhos e vi o garoto que tinha socado o cara ,suspirei aliviada e ao mesmo tempo com medo, afinal meu ''salvador'' poderia ser minha destruição ou meu heroi poderia ser o vilão da história. O garoto de cabelos loiros caminhou até a beira da cama e me deu um copo de água com açúcar. Segurei o copo e me ajeitei na cama, bebendo e deixando o copo na cabeceira.


- Você está melhor?  - O garoto cruzou os braços


- Estou ,muito obrigada ...mas quem é você? - Olhei ele meio receosa


- Acho que você já sabe - O garoto me respondeu - Mas pode me chamar de Kim Minseok se preferir


K-kim Minseok? Eu ouvi direito?


- Perdão? - Perguntei novamente


- Você não mudou muito S/n, só ficou mais bonita do que já era - Xiumin sorriu pra mim e foi até o banheiro do quarto


- Espera ... Xiumin? - Arregalei os olhos mais uma vez, era o meu Xiumin, o meu Kim Minseok, o único garoto que eu amei na minha vida


- Sim - Ele sorriu e voltou do banheiro


- Xiu...- Tentei falar, mas ele jogou uma toalha em mim


- Você precisa de um banho pra relaxar - Ele me disse e eu apenas concordei, indo até o banheiro 


Entrei no banheiro da suite, olhando para frente e avistando uma banheira cheia de espuma. Sorri, ele sabia sempre como me agradar. Tirei a roupa e entrei logo em seguida. 

Flashback On.
- Xiumin - Chamei.


- Pode falar - Ele me olhou


- Você tem que ir mesmo? - Eu perguntei


- Sim - Ele me respondeu


- Hm...entendo - O olhei


- Você vai ficar bem sem mim? - Ele caminhou até a escada e colocou a testa na minha


- Não - Eu respondi


- Eu não entendo, porque não?  - O loiro me olhou


- Porque eu...- Travei.


- Você? - Ele me olhou


- N-nada - Eu respondi e desci os degraus que faltavam da escada, voltando a andar


- _______...- Ouvi ele me chamar e me puxar, fazendo eu bater o rosto em seu peito


- X-xiumin? - Eu olhei pra cima e ele me beijou


- Também vou sentir sua falta - Ele sorriu e me soltou, subindo as escadas da escola

Flashback Of.

Eu nunca tinha me declarado pro Xiumin, nunca tinha dito a ele que desde pequena gostava dele. Eu morava nos EUA a uns cinco anos atrás e ele estudava lá também. No dia que fiquei sabendo que ele viria pra cá, fiquei triste, mas não disse nada. Quando terminamos o colégio ele veio e eu demorei dois anos pra vir.
(autora on)
Xiumin estava no quarto, deitado na cama de casal ,com o rosto apoiado no travesseiro, olhando para o nada, quando viu a toalha na comôda e foi até ela, pegando e logo em seguida entrando no banheiro. _______ olhou um tanto assustada e se cobriu com a espuma, a deixando um tanto sexy. Xiumin apenas bagunçou o cabelo e abriu um pouco a camisa, afrouxando a gravata e saindo do banheiro, deixando a toalha em pendurada perto da garota. Ela se enrolou na toalha e saiu do banheiro, olhando o loiro deitado na cama com a mão no rosto.
(autora of)

- Aquele cara da balada ...você o conhecia? Era seu namorado?  - Xiumin perguntou sem tirar a mão do rosto


- Não...eu não namorei ninguém desde que você foi embora  - Respondi  e olhei ele, que parecia estar surpreso com a minha resposta -  Você tem uma roupa pra me emprestar?

- Hm...- Xiumin levantou e caminhou até o armário - Você pode pegar lingerie aqui enquanto eu tomo banho ok?


- Ok, obrigada - Suspirei e caminhei até o closet


 Coloquei uma lingerie vermelha e suspirei ,vendo uma camisa de Xiumin em cima da cama e colocando ela. Deitei um pouco na cama e quando olhei novamente para a porta do banheiro ,viu Xiumin sair com uma calça moletom ,sem camisa e secando seus cabelos. Corei e olhei para o garoto ,que sorriu e sentou na cama.

- Você está fazendo o que aqui na Coreia? - Ele me olhou


- Vim a estudo pra faculdade ,me formei faz alguns meses e to morando aqui agora - Porque você me ajudou? Me reconheceu? - Fiquei em frente as pernas de Xiumin


- Porque...- Xiumin puxou minha perna e me  fez ficar no meio das pernas dele, me fazendo corar - Você tem algo a completar...uma frase que no dia que fui embora não me disse, não acha?


Olhei o loiro, que sorriu de canto mais uma vez e me  beijou. Fiquei surpresa com a ação, mas correspondi ao beijo de Xiumin.  Puxou minha cintura, fazendo eu sentar na cama e colocar uma perna de cada lado, ficando de frente com ele. Ele começou a passear as mãos pelas minhas costas  e sorriu mais uma vez, separando o beijo e olhando nos meus olhos, chegou bem perto do meu ouvido e disse.

- Você ficou sexy com a minha blusa...mas já se imaginou sem ela? - Xiumin disse rouco e mordeu o lábio 


Corei e mordi o lábio inferior, passando os braços em volta do pescoço do alaranjado meio loiro e sorri. Poderia ser loucura, mas a quimica entre nós dois era extremamente quente e sedutora, e quanto mais os anos iam passando, mas ela aumentava. Xiumin tirou a blusa que cobria meu corpo e sorriu, olhando meu corpo. Suspirei ao sentir os lábios de Xiumin no meu pescoço. Ele começou a descer os beijos do pescoço até um pouco acima dos meus seios. Sorriu e tirou a peça de sutia, segurando um dos seios e apertando com certa força. Jogou o sutiã para fora da cama e abocanhou um deles, me fazendo soltar um gemido baixo. Coloquei uma  das mão na boca para conter um pouco os gemidos, mas Xiumin sorriu novamente me olhando.

- Não poupe gemidos Baby girl, geme pra mim - O garoto sorriu


- X-xiumin - Mordi o lábio


- Quer que eu toque você?  - O loiro me olhou com um sorriso de canto


- S-sim - Senti minhas bochechas ficarem vermelhas


Xiumin me deitou na cama e desceu as mãos até a calcinha. Apenas fechei os olhos e Xiumin sorriu de canto, retirando a peça e colocando dois dedos dentro de meu intimo. Gemi um tanto alto, não estava preparada e o alaranjado sorriu de canto, começando a movimentar os dedos dentro de mim. Ele curvou as costas e foi até minha intimidade. Senti sua respiração próxima a  minha intimidade, curvei as costas logo em seguida, ao sentir a lingua do menino dentro dela e puxei os cabelos de Xiumin.
O loiro começou a fazer movimentos circulares com os dedos e com a lingua, me levando a loucura. Após um tempo, me desfiz na boca de Xiumin, que lambeu os lábios e sorriu. Abaixei o rosto e ri baixinho, descendo a calça dele, que observava cada movimento que eu fazia. Sorri de canto ao me deparar com a situação em que Xiumin se encontrava e me abaixei, tirando o membro do rapaz da ''prisão'' em que estava. Comecei a estimula-lo com as mãos e a chupa-ló. Xiumin segurou meu cabelo  formando um rabo de cavalo e começou a guiar meus movimento. Após algum tempo, senti as veias dele engrossarem e  foi a vez dele se desfazer ,me  fazendo sorrir de canto.
Joguei Xiumin na cama e sentei no meio de suas pernas, logo erguendo o quadril e colocando seu membro deitado. Sentei por cima dele e comecei a fazer um vai e vem, fazendo o loiro gemer rouco e me empurrar para de baixo dele, invertendo as posições.

- Quero que você rebole para mim, rebole como nunca rebolou na sua vida ________, isso é uma ordem - Xiumin sorriu de canto e colocou o preservativo


- Você quem manda - Sorri provocativa


Após a penetração, eu não poupei gemidos, e gemi alto, fazendo o ecooar no quarto inteiro. Ele começou com movimentos lentos que aumentaram quando eu comecei a rebolar. Eu rebolava a medida que Xiumin estocava. Ele segurou minha cintura, me fazendo rebolar um pouco mais rápido, a medida que ele estocava. Após um tempo,  fui para cima e Xiumin para baixo. Segurei o abdomen definido do rapaz e nós continuamos com os movimentos.
Senti um orgamo batendo na porta e relaxei o corpo, deixando os movimentos por conta de Xiumin. Ele segurou meu quadril e estocou uma, duas, três vezes até se desfazer, assim como eu. Cai ao lado dele e nós dois acabamos adormecendo. 

Na manhã seguinte:

Senti os finos raios de luz em meu rosto e levantei, sentando na cama e passando as mãos por meu rosto. Xiumin se mexeu e virou pra mim, sorrindo.

- Já  acordada? - O garoto perguntou


- Sim - Sorri. - Respondendo sua pergunta...eu ia dizer aquele dia que eu te amo


- Eu sei - Xiumin riu - Eu não preciso dizer que sinto o mesmo não é?


- Não - Ri boba


- Você sabe que se apaixonar por mim é arriscado né? - Perguntou.


- Hm? - Me virei para ele


- S/n eu sou um mafioso, faço parte de uma máfia chamada EXO, e eu não quero te machucar, esse cassino é meu e dos garotos  - Xiumin suspirou


- Você...- Olhei em direção a porta


- Não tenha medo...- Xiumin sorriu e eu o olhei  - Eu não sou um monsto, ganhei  na loteria quando você veio pra cá, quando eu finalmente te reencontrei...S/n  eu te amo  - Xiumin me olhou e eu fiquei estática - Você não tem noção da falta que me fez  -Ele pegou minha mão - Eu sei que é loucura te pedir isso, mas fique aqui comigo na máfia, por favor, eu posso ser o que for, mas vou te proteger


- Eu sei que vai - Sorri


- Namora comigo?...


- Já? - Ri.


- Não quero perder mais tempo do que já perdi longe de você pequena - Xiumin sorriu e foi abraçado por mim


- Sim - Eu o olhei


- Minha pequena loteria - Xiumin sorriu e me beijou

 



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...