História Imagines KPOP - Capítulo 4


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS), Got7, Monsta X
Personagens BamBam, Hyung Won, I'M, Jackson, JB, J-hope, Jimin, Jin, Jinyoung, Joo Heon, Jungkook, Ki Hyun, Mark, Min Hyuk, Personagens Originais, Rap Monster, Show Nu, Suga, V, Won Ho, Youngjae, Yugyeom
Tags Bts, Got7, Monsta X
Visualizações 51
Palavras 1.230
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Crossover, Fluffy, Hentai, Romance e Novela, Shoujo (Romântico)
Avisos: Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Imagine Fluffy com o Shownu (Monsta X)

Iludam-se
Bjos

Capítulo 4 - Shownu (Monsta X) - Só Foi Se Confirmando


Fanfic / Fanfiction Imagines KPOP - Capítulo 4 - Shownu (Monsta X) - Só Foi Se Confirmando

Você fazia faculdade na Coréia e tinha começado a trabalhar em um café pra se sustentar por lá mais facilmente, esse café quase todo o dia era visitado por alguns dos meninos do Monsta X, sempre iam em dois pelo menos para buscar café para os membros. Logo no primeiro dia que começou lá atendeu dois dos meninos, Minhyuk e Wonho, eles pediram 7 cafés para viajem.

Dois dias depois foi a vez de atender Kihyun e I.M e fizeram o mesmo pedido do outro dia. O que não sabia era que estava entendo comentários sobre a nova funcionária do café favorito deles.

MH- E aí ela tava lá? – pergunta pra Kihyun assim que ele chega com os cafés acompanhado do I.M

KH- Sim sim e realmente é muito linda!

HW- Quem é linda? – disse assim que pega o seu café

I.M- A nova atende do café, ela não deve ser daqui, nunca vi um sorriso daquele e ela tem um sotaque engraçado!

WH- Realmente ela deve ser de algum país ocidental, agora qual é uma boa pergunta! – disse pensativo

KH- Amanhã eu pergunto pra ela!

JH- Vai voltar lá amanhã só pra isso? – fala vindo de uma sala ali perto

MH- Claro, precisamos saber! – diz rindo

SH- Humm... Eu vou junto fiquei curioso!

JH- Eu vou junto!

No dia seguinte lá estão eles novamente no café, Kihyun, Shownu e Jooheon, mas você não estava no balcão, dessa vez estava servindo as mesas, mas eles não percebem. Fazem seus pedidos como sempre e ficam esperando, pois o café estava um pouco cheio naquela manhã.

Num momento em que as pessoas começam a sair você estava com uma bandeja cheia de pires e xicaras sujas que estava retirando das mesas, mas um pequeno acidente tinha que acontecer. Shownu todo grandalhão faz um movimento pra trás sem olhar e esbarra forte em seu braço fazendo tudo se espalhar no chão.

SH- Meu Deus... Me desculpa! – ele se abaixa pra te ajudar a pegar os cacos no chão

S/N- Tudo bem... Você não me viu, fique tranquilo! – você disse sorrindo pra ele o fazendo ficar um pouco envergonhado

SH- Posso te fazer uma pergunta? – ele fala olhando para você sem percebe onde passava a mão – Aí!! – ele corta o dedo

S/N- Aí caramba!! – fala em português – Cuidado! Eu vou buscar um curativo! – se levanta rápido

SH- Obrigada! – disse assim que voltou com remédio e o curativo para a mão dele

S/N- Você é um pouco desastrado né!? – diz rindo envergonhada

SH- Sou um pouco sim! – os outros só observam de longe

S/N- Espero que não se machuque com muita frequência! – você diz terminando de colocar o curativo – Mas então queria me perguntar algo?

SH- Sim sim, queria saber de onde você é!

S/N- Sou brasileira! – com isso os outros começam a se aproximar já com os cafés em mãos

KH- Shownu sempre um desastre! – ele ri – Tudo bem? Sou o Kihyun, qual seu nome?

S/N- Ah eu sei, conheço vocês e gosto bastante de suas músicas, desde que estava no Brasil! – isso faz eles sorrirem animados – E meu nome é “S/N”!

JH- Muito prazer!!

Eles falam um pouco mais com você, mas logo se despedem e vão embora. Passaram algumas semanas e a rotina deles irem no café tinha aumentado, pelo o que seu colega de trabalho tinha comentado, sempre que iam lá Shownu sempre estava junto e sempre dava um jeito de conversar com você. Ele era um amor de menino, apesar de que quase sempre que se viam alguma coisa caia, algo quebrava e você tinha que arrumar tudo, mas claro que ele dava um jeito de te ajudar.

Você tinha, depois de uns meses, conquistado uma afeição muito grande por eles, principalmente pelo Shownu que sempre te fazia sorrir com o jeito dele, e claro que eles por você. Num dia em que não estava se sentindo bem não foi trabalhar, Shownu tinha ido sozinho no café no intuito de conversar uma coisa com você, mas chegando lá não te viu e ficou preocupado o levando a perguntar porque não estava lá para seu colega.

SH- A S/N não veio hoje?

Colega- Não ela não estava se sentindo muito bem e ficou na casa dela pra se recuperar! – ele fez uma cara de muito preocupado

SH- Será que poderia me dizer onde ela mora, quero conferir como ela está! – o seu colega, bem doido, passa seu endereço para ele que vai direto pra lá

Chegando no prédio que morava logo toca o interfone e você atende com a voz rouca de sono, estava dormindo para descansar e se sentir melhor, mas logo desperta ao ouvir a voz dele no interfone pedindo para entrar. Você libera o portão e vai espera-lo na porta.

SH- Desculpa... Eu te acordei, né!? – ele diz um pouco se graça

S/N- Tudo bem, fiquei feliz de te ouvir, te ver aqui! – sorri fraco, estava de pijama e um pouco descabelada – Agora só me fala uma coisa, como sabe onde eu moro?

SH- Seu colega do trabalho me passou o endereço! – ele ri da sua cara

S/N- Tenho que me lembrar de bater nele, não se passa o endereço de alguém sem antes avisar ela, agora vem entra! – você estende a mão o guiando pra dentro

Você se senta no sofá e ele senta ao seu lado, vocês conversam um pouco sobre como você está e se está se cuidando direitinho, comendo e bebendo água, mas disse que tinha dormido até então, mas que logo faria algo para comer. Vocês continuam a conversar até que por um impulso depois de um silêncio que se estabelece entre vocês, ele te puxa pra mais perto e sela seus lábios em um beijo suave e doce.

SH- Desculpa! – é a única coisa que ele consegue dizer

S/N- Isso foi bom, não precisa se desculpar! – ele te olha e ambos sorriem

SH- Bom... Eu... – ele então resolve tocar no assunto que realmente tinha ido lá pra falar – Eu só queria me confessar pra você, desde a primeira vez que te vi e o jeito que cuidou de mim sendo tão gentil, me fez apaixonar por você e o tempo foi passando e isso só foi se confirmando, a pessoa linda e incrível que é e só preciso saber... Você aceita meus sentimentos?

S/N- Preciso pensar, não sei se posso confiar em alguém que vai ao meu trabalho quase todos os dias e sempre me faz sorrir de um jeito que ninguém consegue, que vem até minha casa preocupado comigo e que me dá um beijo que eu nunca tinha recebido nada igual!! – você termina rindo da cara de bobo dele

SH- Isso tudo é um sim?

S/N- Não sei, o que acha?

SH- Acho que tá me deixando confuso! – ele coça a nunca

S/N- Mas é muito fofo mesmo – você o abraça – É claro que é um sim!!

SH- Isso é maravilhoso! – ele envolve os braços fortes na sua cintura deitando com você no sofá e iniciando mais um beijo doce e agora mais intenso

Vocês ficam assim pelo resto da manhã, só nos carinhos, ainda mais depois que ele diz que tinha aquele dia de folga. Algum tempo depois assumem o relacionamento de vocês para os meninos e depois de um ano namorando discretamente assumem isso para todos durante a live de aniversário dele, sendo apresentada como a ursinha dele.


Notas Finais


Uma ursinha pra um ursão... AAAAWN!!

Gostaram?


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...