Hist√≥ria Imagines Seventeen ūüíú (fofas e +18) - Cap√≠tulo 5


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Exibi√ß√Ķes 128
Palavras 1.602
Terminada N√£o
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ecchi, Hentai, Romance e Novela

Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Capítulo 5 - Vernon parte 2 (FOFA/+18)


Fanfic / Fanfiction Imagines Seventeen 💜 (fofas e +18) - Cap√≠tulo 5 - Vernon parte 2 (FOFA/+18)

#CONTINUAÇÃO#

Vernon- a garota que eu gosto era você...

Então era eu! Como eu pude ser tão cega?! O Vernon estava ali há tanto tempo, sendo um amor de pessoa, me ajudando e aguentando eu falar de outros garotos. Deve ter sido muito duro pra ele, ter que me ouvir falar do Harry ou de outros garotos, enquanto ele gostava de mim. Como eu pude ser tão má e fria assim?! 

S/N- Me desculpa... me desculpa por tudo, me desculpa por não ter percebido isso antes... nós poderíamos ser tão felizes antes... por que eu não notei isso antes? Me desculpe mesmo, eu sou um lixo... Como Você pode gostar de mim? 

Ele pega na minha mão e leva até seu peito.

Vernon- Eu não gosto de você... eu te amo. E isso não é de hoje... gosto de você desde quase sempre... crescer ao seu lado foi tudo! E juro te proteger sempre ouviu? Se não quiser ficar comigo, é claro que eu entendo. E claro, eu sempre vou te proteger desses garotos otários ouviu? Sabe por que? Por que eu te amo apesar de tudo, apesar de você não gostar de mim...

O interrompo, tirando umas mechas do cabelo dele, de frente dos olhos dele.

S/N- Quem disse que eu não gosto de você?! Eu só não havia percebido isso antes, mas agora, juro te amar ouviu?  Juro não te magoar mais!

O puxo para um beijo, eu estava chorando um pouco mas ignorei aquilo, e continuei o beijo... depois ele se separou do beijo, meio sem fôlego.

Vernon- E-eu te amo...

S/N- Eu também...

Ele me puxa para mais um beijo, só que agora foi um beijo rápido.

Vernon- Quer ir para algum lugar?! Ou fazer uma maratona de filmes lá em casa, como nos velhos tempos? Minha mãe fala que você já é de casa praticamente!

S/N- Claro! Vamos sim!

Ele pega na minha mão, fazendo carinho e entrelaçando nossos dedos... sempre segurei a mão dele e nunca senti esse calor todo e essa emoção... acho que sinto isso agora, porque percebi meus sentimentos por ele.

Entro no carro, me sentando no banco da frente e ligando o som. Ele liga o carro e começo a cantar a música, fazendo meu celular como um microfone e entregando para o garoto cantar também... e ele começou a cantar também. 

Chegamos na casa dele e desligou o som do carro.

Vernon entra já gritando.

Vernon- Mãe eu cheg...

Tampo a boca dele.

S/N- Perdemos a noção da hora... olha! São 01:00 da manhã!

Vernon - Sério?! 

S/N- Melhor eu ir embora... 

Quando eu fui em direção à porta, o garoto me puxou pelo braço, logo em seguida pegando em minha cintura e sussurrando no meu ouvido.

Vernon- Dorme aqui comigo!

Ele sussurra de um jeito sedutor, me fazendo me derreter e subir um calor pelo meu corpo. Depois me viro para esconder meu rosto vermelho no peitoral do garoto, o abraçando.

S/N- S-seria errado se eu tivesse pensando em besteira?

Ele me abraça ainda sussurrando daquele jeito, me fazendo enlouquecer.

Vernon- Interprete do jeito que quiser...

S/N- Você falando desse jeito também não ajuda! 

Dou um soco de leve no peitoral do garoto.

Vernon - Isso é um sim ou não?!

S/N- Um sim...

Eu puxo ele pela mão até o quarto dele.

Viro ele de costas pra cama, e o empurro na cama, subindo em cima do mesmo.

S/N- Nossa festa começa agora..

Sussurro no ouvido dele, logo em seguida dando uma leve mordida.

S/N- Cadê o controle?! Vamos ver o que Bob Esponja ou Os Padrinhos Mágicos?!

Eu começo a rir e ele me olha, tentando conter o riso.

Vernon- Sério isso?! Cortou o clima agora...

Ele me da língua.

S/N- Se você der língua de novo, eu mordo ouviu?!

Ele me dá língua novamente e eu me inclino e mordo a língua dele, dando uma leve chupada em seguida.

Vernon- Seria errado se eu desse língua de novo?!

Solto um riso baixinho, e logo em seguida tiro a camisa dele.

Vernon- Não vai falar "Nossa que ABS maravilhoso"? Acho que algumas garotas iriam falar isso..

S/N- Bobo! Eu já vi esse ABS diversas vezes... já estou até acostumada. Por exemplo...

Procuro uma cicatriz pequena na barriga dele, passando minha unha por toda a extensão do peitoral do garoto e achando uma cicatriz.

S/N- Essa! Quando você caiu daquela cerca junto comigo! 

Ele solta um riso fraco pegando na barra do meu e erguendo uma sombrancelha pra mim.

Vernon- Quer conhecer outros lugares do meu corpo também?

Novamente coro, ficando sem ação e sem palavras... e apenas concordei com a cabeça.

Vernon- Está nervosa?!

S/N- Anda logo com isso! 

Falo super nervosa e as palavras  saíram emboladas.

Então ele puxa meu vestido e se senta na cama, comigo ainda em seu colo. Procurando o feixo do meu sutiã.

Vernon- Sutiã com feixo na frente é mais fácil, não acha?

S/N- Seu bobo! O feixo ta atrás!

Ele passa os braços por trás de mim, e finalmente acha o feixo e o puxa. Arrancando meu sutiã e abocanhando meu seio, e brincando com o bico dele.

Não pude conter um pequeno gemido de prazer.

Vernon- Vou te fazer gemer mais alto...

Ele puxa as calças dele juntamente com a cueca dele. 

S/N- V-vernon!

Falo meio fraco. E o afastando um pouco.

S/N- Eu estou super nervosa para isso... eu nunca fiz isso..

Eu cubro meu rosto, super envergonhada.

Vernon- Eu vou te fazer ficar super confortável okay? Desculpa por ser tão indelicado..

Concordei com a cabeça e apenas o deixei seguir com aquilo.

Ele me deita na cama e antes de tudo, se levanta,  e procura um preservativo no armário.

S/N- Por que você tem um preservativo?

Vernon- Você sabe como minha mãe é! Ela me deu e ainda falou "faça bom usa dela"... eu fiquei super constrangido...

S/N- Sua mãe é demais!

Começo a rir e vejo que o garoto corou na hora. Então ele coloca o preservativo e volta até mim, se sentando na cama e abrindo minhas pernas. Logo entrelaço minhas pernas no quadril do garoto.

Vernon- Talvez vá doer um pouco... mas logo deve passar okay?!

Concordo com a cabeça e logo sinto ele me puxar pela cintura, encaixando o membro dele em minha entrada. Não consigo conter um gemido de dor.

S/N- V-vernon!

Ele para um pouco.

Vernon - Calma! Ainda nem começamos direito.

Ele começa a penetrar o membro dele, com movimentos bem devagares de vai e vem. No começo eu soltava pequenos gemidos de dor, mas logo depois, foram substituídos por gemidos de prazer.

S/N- Oh Vernon!

Agarro o lençol da cama, sentindo o garoto aumentar a velocidades das estocadas. E ele começou a gemer baixinho. E logo depois de um tempo, sinto ele soltar um último gemido, e logo depois o vejo retirar seu membro, ele havia gozado. Ele tira o preservativo e joga no lixo que havia perto da cama dele.

Ele se deita arfando no meu lado.

Vernon- V-você gostou?! 

S/N- Foi incrível!

Ele apenas sorri e deitada a cabeça dele em meus seios.

S/N- Agora quero fazer outra coisa...

Vernon- Você quer fazer o que?!

O tiro de cima de mim e vou beijando o pescoço dele, descendo os beijos por toda a extensão do peitoral do garoto, deixando um chupão na barriga dele, e logo em seguida chegando em seu membro. Começo a passar a língua na ponta do membro do garoto, e logo em seguida começo a chupa-lo bem devagar. O gosto era estranho, porém fazia o garoto se contorcer de prazer, então continuei.

Depois de um tempo me deito do lado dele de novo e nos cubro com um lençol. Ele me abraça e dormimos.

Logo de manhã, ouço alguém bater na porta do quarto. Me desespero e mas era tarde demais. A pequena garotinha abriu a porta e deu um enorme grito.

Irmã do Vernon- Por que vocês estão pelados?! Porque vocês estão na mesma cama?! 

Vernon acorda desesperado ao ouvir os gritos e dá de cara com a irmã mais nova.

Vernon- Hey! E-eu posso explicar! Não conta para a m...

Irmã do Vernon- Mamãe!!!! O Vernon está nu na cama com uma garota!!!!

S/N- É hoje que morro!

A mãe dele aparece e tira a garota dali.

Mãe do Vernon- Vocês podiam ter me avisado antes!! Eu teria dado mais conforto pra v..

Vernon- Mãe saia do meu quarto agora!

Ela fecha a porta, com a garota no colo.

Vernon se levanta e veste uma roupa qualquer.

Vernon- M-me desculpa! Era pra ter sido especial!

Ele faz uma expressão triste, e logo em seguida eu me levanto e vou até o garoto e o abraço.

S/N- Calma! Foi especial!

Falo rindo um pouco com a situação. Ele me puxa e me beija de novo. 

Vernon- Ainda quer falar com minha família depois dessa?

S/N- Claro que sim!

Visto meu vestido e desço com o garoto até a cozinha.

Me sento na mesa com a família dele.

S/N- Me desculpem pelo transtorno, eu não sabia que ia rolar aquilo... eu vim aqui só para ver Bob Esponja com ele... não é não Vernon??

Mãe do Vernon- Acho que você veio pra ver Pica- Pau isso sim..

A mulher começa rir. E Vernon cora na hora.

Vernon-  Oh Mãe!

Mãe do Vernon- Seu corpo é muito bonito viu S/N! 

S/N- Obrigada senhora!

Irmã do Vernon- Vernon estava batendo nela?! Por que ela gritava mãe?! 

Mãe do Vernon- Por que filha, quando um homem é uma mul...

Vernon- Mãe! Ela é só uma criança!

Ele se levanta meio irritado e me puxa da mesa.

Vernon- Sua mãe deve estar preocupada, vamos?!

Mãe do Vernon- Só mais uma coisa... vocês estão namorando?!

S/N- N- Não...

Vernon- Ainda não!

Ele se dirige até a porta comigo e me leva até em casa.

Explico a situação para minha mãe, sem contar a parte do sexo.

Mãe - Filha, sua mais nova sogra me ligou contando tudo! E ai?! Foi bom?!

S/N- VOCÊS DUAS SÃO IRMÃS! NÃO É POSSÍVEL!

Saio dali, e vou direto para o meu quarto e tranco a porta... logo em seguida me jogando na cama e lembrando se tudo e abraçando o Leãozinho que ganhei do Vernon.






Notas Finais


Desculpa, os erros de português.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usu√°rios deixam de postar por falta de coment√°rios, estimule o trabalho deles, deixando um coment√°rio.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...