História Imperfect Love ;; Min Yoongi - Capítulo 37


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Personagens Originais, Suga
Tags Bts, Primeiratemporada, Romance, Yoongi
Visualizações 588
Palavras 1.098
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Festa, Ficção, Hentai, Romance e Novela, Shoujo (Romântico)
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 37 - Entusiasmo


Fanfic / Fanfiction Imperfect Love ;; Min Yoongi - Capítulo 37 - Entusiasmo

Acordei extremamente disposta, levantei-me e fui escolher minha roupa. Olhei para tudo que eu tinha disponível, peguei minha habitual roupa de sempre, calça preta, blusa regata preta, moletom preto e tênis branco para variar um pouco.

Tomei um banho demorado, coloquei minha roupa no banheiro e olhei-me no espelho. Arrumo meu cabelo o deixando solto e volumoso.

Eu estava pronta e como ainda sobrava-me tempo, resolvi passar maquiagem. Depois de me maquiar, fico boquiaberta com o resultado, eu ficava bem mais bonita de maquiagem, isso eu pude comprovar.

Desci, comi panquecas que meu irmão fez e fui me encontrar com Suga. Assim que saio, vejo um Suga diferente, com cabelos negros vistosos.

_Oi Suga. _ digo animada pulando em seus braços _ Você ficou lindo com esse cabelo.

_Oi Angel, resolvi variar um pouco na cor de cabelo. E você está usando maquiagem, você ficou muito bonita desta forma. _ ele diz sorrindo.

_Muito obrigada Suga, agora podemos ir?

_Sim, mas antes. _ ele diz puxando-me para um beijo.

Os poucos segundos iam se passando e a sensação de ter os lábios de Suga colados aos meus era simplesmente incrível. Separei-me dele calmamente, olhei para sua Iris que agora dava um toque perfeito para seus cabelos negros, então sorri.

_O que foi isso? _ falei ainda com um sorriso bobo no rosto.

_Um beijo, quer que eu demonstre-o novamente? _ ele sorri de lado.

_Bem que eu queria, mas se a vida depender de minhas vontades, nem para a faculdade eu iria neste momento.

_Não seria uma má ideia faltar à faculdade para ficar contigo, nós poderíamos fazer varias outras coisas além dos beijos para nos divertir. _ Suga diz malicioso.

_Ya, não faça isso, se esqueceu de que irei a sua casa hoje à noite?

_Claro que não me esqueci disso e esse seu comentário pareceu-me um pouco tentador. _ ele morde seus lábios.

_Falei justamente para ser parecer tentador. Agora vamos antes que a gente se atrase. _ falei o puxando pelo braço.

Andamos até a faculdade conversando e rindo como sempre, assim que chegamos a frente ao local, Suga segura minha mão, fazendo com que eu a solte no mesmo instante.

_Suga, não acho certo andarmos de mãos dadas pela faculdade, até porque terminamos nossos namoros há pouco tempo. _ digo apreensiva.

_Angel, não ligue para uma coisa fútil como essa, eu esperei muito tempo para ficar junto de ti, então, por favor, me dê sua mão e vamos passar tranquilamente como se nada sem ninguém estivesse ao nosso redor.

_Tudo bem. _ segurei sua mão timidamente.

À medida que eu e Suga íamos andando, as pessoas paravam o que estavam fazendo para nos olhar, Tae olhou para frente e nos viu, então passou do nosso lado, deu-me um rápido oi e foi para algum lugar um pouco cabisbaixo. Apertei a mão de Suga assim que entramos na sala, ele lançou seu olhar até mim e disse um breve está tudo bem em meu ouvido.

Sentamos e a aula começou. Depois de intermináveis horas, a aula havia se encerrado. Levantei-me junto de Suga, demos as mãos e fizemos a mesma coisa de antes.

Chegamos a frente a nossos apartamentos, então Yoongi me pega pela cintura e me da um longo beijo.

_Tchau Angel, até a noite.

_Tchau Suga, estarei aguardando ansiosamente pelo jantar.

_Eu também. _ ele diz piscando para mim e entrando em seu apartamento logo em seguida.

Entrei, abracei meu irmão e fui direto sentar no sofá. Levantei-me e fui até a cozinha para preparar um lamen, pois eu estava com preguiça de mais para cozinhar algo para mim.

Subi, coloquei meu celular para despertar e dormi.

As horas haviam se passado e eu já estava pronta em frente à casa de Suga.

O garoto de cabelos escuros como a noite abriu a porta todo elegante dando-me um rápido beijo, então entramos, fomos até a mesa e ele puxou a cadeira para eu poder me sentar.

Ele destampou o prato que estava em cima da mesa e eu quase lambi os lábios com a visão maravilhosa de Grelhado de Costela e Bap (arroz coreano).

_Você sempre consegue me surpreender com esses seus pratos maravilhosos, bem que você poderia me ensinar a fazer uma coisa dessas qualquer dia desses.

_Farei isso com o maior prazer. Iremos comer, mas só espere um instante, tenho algo para nós bebermos guardado ali. _ Suga sai a procura da bebida.

Depois de alguns poucos segundos, Suga aparece com um vinho com nome de Jacobs Creek em sua mão.

_Que tipo de vinho é esse? _ pergunto curiosa.

_É um vinho tinto australiano que ganhei de meu chefe, eu estava com ele a um bom tempo, apenas aguardando por uma ocasião especial e bem, essa ocasião finalmente chegou. _ ele diz sorrindo e sentando-se à mesa, depositando o vinho na mesma.

Suga fez questão de nos servir, comi devagar para poder saborear aquela comida incrivelmente bem preparada. Enquanto estava comendo eu dava pequenas goladas no vinho para não ficar bêbada.

_Isso está incrivelmente bom Suga.

_Incrível será o que faremos depois do jantar. _ ele diz maliciosamente.

_E o que faremos? _ pergunto fingindo-me de inocente.

_Eu lhe mostrarei assim que terminarmos de comer e limpar tudo por aqui.

_Estarei aguardando ansiosamente por isso. _ sorrio provocadora.

Acabamos de comer, então Suga começa a limpar tudo. Ofereço ajuda, mas ele recusa, resolvo o ignorar e começo a o ajudar na limpeza.

Depois de tudo estar arrumado, olho para Suga que estava apoiado de frente para a mesa. Não resisto e chego perto do mesmo, abraço-o por traz e rapidamente o viro, fazendo-o olhar de forma hipnotizante para mim.

Não sei o que aconteceu comigo naquele momento, talvez o desejo de ter Suga mais próximo de mim me consumisse, mas eu simplesmente peguei sua nuca e puxei-o para um beijo.

Esse com certeza foi um beijo diferente dos outros, ele era caloroso, apaixonante e excitante ao mesmo tempo. Cheguei mais perto do que eu já estava então o senti gemer com a voz baixa.

_Por que gemeu? _ pergunto provocadora entre o beijo.

_Não tem como não gemer com uma garota como você me provocando dessa maneira.

_Se quiser eu paro.

_Não pare, mas fique consciente de seus atos. Também quero que fique sabendo que não sou tão bom quanto aparento ser, se você continuar me provocando, vai ter que levar isso até o fim. _ ele diz olhando-me de uma forma totalmente tentadora.

_Não se preocupe se tem uma coisa que não irei fazer é parar simplesmente por aqui. 


Notas Finais


O comportamento desses dois ultrapassou os limites nesse capítulo.
Será que no próximo capítulo eles vão...
Isso vocês iram ver amanhã :v
Então é isso por hoje. bjin e te amo vocês pessoal <3


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...