História Imperfect Love ;; Min Yoongi - Capítulo 41


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Tags Bts, Primeiratemporada, Romance, Yoongi
Exibições 325
Palavras 1.187
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Festa, Ficção, Hentai, Romance e Novela, Shoujo (Romântico)
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 41 - Sofrimento


Fanfic / Fanfiction Imperfect Love ;; Min Yoongi - Capítulo 41 - Sofrimento

Assim que recebi a ligação de meu irmão, senti como se o mundo estivesse desabando sobre mim.

__O que houve Suga? _ Angel pergunta preocupada.

_M-Minha mãe morreu. _ digo sentindo lágrimas escorrerem de meus olhos.

_Ai meu Deus. Não sei o que dizer, apenas posso lhe confortar. _ Angel diz chegando perto de mim e abraçando-me.

Ficamos assim por um longo tempo. Por alguns poucos segundos, senti como se eu não tivesse tão devastado assim, mas tudo mudou no exato segundo em que Angel se separou de mim.

_Meus pêsames Yoongi, eu sinto muito por você. _ Luhan diz.

_Obrigado Luhan. _ digo cabisbaixo.

_Eu não gosto de te ver assim, me corta o coração não poder fazer mais que ficar perto de ti. _ Angel diz e vejo lágrimas escorrendo por seu rosto.

_Não chore minha linda, já estou triste, se eu lhe vir chorando a situação piorará ainda mais.

_Não irei chorar apenas porque você está me pedindo.

Luhan se despediu de nós, então resolvi me despedir de Angel também.

_Irei para meu apartamento, preciso dormir, meu irmão disse que amanhã de tarde acontecerá o enterro.

_Não vá, fique aqui. Acho melhor dormir abraçado por alguém, do que dormir sozinho.

_Também acho isso. Apenas irei pegar uma roupa e tomar um banho, já volto.

Vou para casa e faço tudo que tinha de fazer.

Chego à casa de Angel, que já estava de banho tomado e vestida por seu pijama.

_Vamos apenas dormir, okay? _ Angel diz.

_Sim, é exatamente isso que quero fazer.

Subimos até o quarto de Angel, então deitamos e ficamos um de frente para o outro.

_Deve ter sido solitário. _ digo olhando para suas orbes.

_O quê?

_Ter ficado esses dias todos sozinha.

_Foi mesmo, mas não pense nisso, vamos apenas dormir.

_Okay.

Fecho meus olhos, então a abraço e dormimos assim.

Acordei indisposto no dia seguinte, olho para o lado, e vejo que Angel não estava mais em sua cama. Desço as escadas e deparo-me com uma mesa cheia de coisas gostosas para comer e beber.

_Preparei tudo isso para ti, sente-se e coma. _ Angel diz dando-me um sorriso sereno.

_Você é realmente uma garota incrível Angel. _ digo chegando perto dela e selando nossos lábios.

_Você merece isso.

Sentamos-nos então começamos a comer. Eu estava me sentindo um pouco melhor, mas de repente lembrei-me de tudo que fiz de mal a minha mãe, então comecei a chorar desesperadamente.

_Yoongi? _ Angel pergunta preocupada.

_Não acredito que ela se foi, a ficha ainda não caiu para mim. Por que a tratei daquela maneira? Por que me deixei levar por meu orgulho? Eu não entendo Angel, de verdade, não posso acreditar que minha mãe, a que sempre me deu valor e tentou alertar-me de coisas ruins da vida, está morta, prestes a ser enterrada dentro de um caixão. Sou um lixo Angel, um idiota, eu mereço morrer por não ter dado valor a minha mãe enquanto ela ainda estava viva. _ lágrimas e mais lágrimas saiam de meus olhos.

_Yoongi, se você fez todas essas coisas, é porque alguma coisa houve. Não fale isso de si mesmo e não ache que você merece morrer, porque caso isso acontecesse, eu morreria junto. Vai ser difícil passar por essa situação? Claro que vai, quem disse que seria fácil? Mas por favor, não desista de sua vida. _ ela diz não segurando as lágrimas.

_Não chore pequena, não falarei mais isso, desculpe-me, agi sem pensar.

_Tudo bem. Apesar de eu já ter dito isso, repetirei mais uma vez que sempre estarei ao seu lado, independentemente do que aconteça.

_Obrigado por estar por tudo isso, se não fosse por ti, eu não teria mais motivos para viver.

Algumas intermináveis horas se passaram e eu e Angel já estávamos em frente ao caixão de minha mãe.

Ver a mulher que sempre me amou morta em minha frente era terrivelmente horrível, eu não conseguia tocá-la, pois não queria acreditar no que havia acontecido a ela.

Fiquei imerso em frente á minha mãe, até que sinto uma mão em meu ombro.

_Olá irmão. _ meu irmão diz abraçando-me.

_Olá.

_Isso está sendo bem difícil para nós, não é?

_Sim, não consigo acreditar nisso ainda.

_Nem eu. Yoongi, enquanto nossa mãe estava em seus últimos momentos de vida ela pediu-me para entregar-lhe isso. _ ele diz entregando-me duas cartas. Uma que continha o nome de minha mãe como remetente e outra que só havia o nome do destinatário._O que são essas cartas?

_Ela não pôde dizer muita coisa, mas apenas pediu para que você lesse a dela primeiro.

_Irei lê-las agora.

_Não acha melhor fazer isso em outra hora?

_Não. Tchau, Angel, tchau irmão. _ digo despedindo-me de ambos.

Corri apressadamente a procura de algum ligar tranquilo, sem nem ouvir a despedida deles. Achei um banco onde não havia ninguém por perto, então peguei a carta de minha mãe e comecei a lê-la.

Querido Yoongi, como sua mãe, eu quero lhe pedir desculpas por tudo que lhe fiz, eu fico ciente de que não fui tão boa mãe aos seus olhos, mas saiba que tudo que fiz foi para seu bem. Tente esquecer as palavras que lhe disse que de alguma forma puderam ferir-lhe.

Eu tu amo muito filho, de verdade, tenho orgulho do que você se tornou e saiba que sempre estarei junto a ti apesar de estar morta.

Viva meu filho e não sofra, você tem pessoas que lhe amam ao seu lado e se achar que não é o suficiente, faça isso como um último pedido de sua mãe.

Antes de terminar, quero lhe advertir sobre a outra carta que provavelmente está em suas mãos. Ela é de Julie e foi entrega um dia antes da morte dela, nunca a entreguei a ti, com receio de que você pudesse se machucar, mas nunca a abri, então não sei o que pode estar te esperando.

Com muito amor...

Sua mãe.

Começo a me desesperar, e abro a outra carta sem mais nem menos, apesar de saber que eu poderia sofrer ao lê-la.

Bem Yoongi, lembra-se de nossa briga? Então, ela vai ser cobrada muito mais caro do que você pode imaginar. O preço dela é minha morte.

Sei que nunca fui uma boa influência, mas poxa, eu lhe fiz tão feliz.

Lembra-se de quando começamos a usar drogas e roubar por ai?

Ou melhor, lembra-se de quando fomos julgados no tribunal por quase matar alguém?

Foram bons momentos, mas você estragou tudo ao ouvir os conselhos de sua queridinha mãe, aquela chata, ela nunca gostou de mim, então nunca tive motivos para gostar dela também.

Mas você ainda tem uma chance, se quiser que eu ainda esteja viva, vá até minha casa às oito horas da manhã de amanhã para podermos fugir de tudo e de todos.

Com muito amor...

Julie, a sua atual ou já morta namorada.

Eu simplesmente não pude acreditar naquelas palavras, Julie ainda poderia estar viva, ela ainda estaria esbanjando seus sorrisos se eu tivesse recebido essa carta antes.

Saio correndo daquele local, sem rumo e apenas seguindo em frente.


Notas Finais


Que bad gente :(
O que será que vai acontecer de agora em diante?
Isso vocês iram ver nos próximos capítulos <3
Então é isso por hoje, bjin e te amo vocês <3


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...