História Impossible. - Capítulo 3


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Personagens Originais, Rap Monster, Suga, V
Tags Jikook, Kookmin, Namjin, Taeyoonseok
Visualizações 4
Palavras 581
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Escolar, Famí­lia, Lemon, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Yaoi
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Gravidez Masculina (MPreg), Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 3 - Three!


Fanfic / Fanfiction Impossible. - Capítulo 3 - Three!

— Sim? – ele perguntou sério.

— Nada...– falo baixo.

— Jimin...como está a Jisoo? – ele perguntou e pegou no meu pulso, caminhou até o sofá e se sentou, e me puxou fazendo eu me sentar na coxa dele.

— B-bem...– falei envergonhado.

— Hmm, e os homens dela? – ele colocou o cigarro na boca e fez um "V" com seus dedos e colocou o cigarro no meio do mesmos.

— Você ainda gosta dela Jungkookie...? – olhei pra ele e ele me olhou. Senti borboletas no meu estômago e desviei meu olhar.

— Não pequeno, mas por que a pergunta? 

— Curiosidade...Jungkookie, posso morar com você? – perguntei esperançoso e olhei pra ele.

— Não sei Jimin, eu trabalho a noite e com certeza você não iria ficar por aqui a noite...esse bairro é muito perigoso! Mas vou pensar. – ele falou e sorriu, sorri de volta e dei um beijinho na bochecha dele.

...

Jungkookie estava se arrumando, já era 18:45.

Eu fiquei sentado na cama olhando ele.

— Ah Jungkookie, você precisa ir? – perguntei manhoso.

— Preciso Jimin, hoje vai ser eu que vai abrir o café. Se quiser você vem junto comigo e eu converso com o meu chefe se você pode ficar! – ele terminou de se arrumar e me olhou.

— Ta bom! Vou colocar uma roupa mais bonita! Me espera Jungkookie! – me levantei da cama e peguei a minha mochila que estava no canto do quarto do Jungkookie, abri a mesma e peguei uma calça jeans preta e uma camisa branca.

Comecei a tirar a minha roupa e vi Jungkookie me olhar. Vesti a minha calça e depois vesti a minha camisa. Fui até o armário do Jungkookie e peguei um moletom dele e o vesti.

— Prontinho Jungkookie! – falei sorridente.

— Vamos. – ele entrou na minha frente e caminhou até a sala — apaga a luz!

A paguei a luz e segui ele até a entrada, colocamos os nossos sapatos e abri a porta vendo....neve?

sai de casa e sorri, me agachei a peguei um pouco de neve fazendo uma bola, me levantei e olhei pro Jungkookie que estava trancando a porta.

Joguei a bolinha nele e ri, ele me olhou e se agachou pegando bastante neve e fazendo uma bolona.

— Você é muito sapeca menino! – ele falou e se levantou. Ele jogou a bola em mim e me abraçou.

Dei risada e começamos a caminhar.

Jungkook!¡

Peguei na mão do Jimin e coloquei a mesma no meu bolso da minha blusa.

— ta muito frio...– ele sussurrou e eu olhei pra ele.

— Quer mais um casaco? – perguntei e tirei o meu, ficando só com uma camisa branca de manga curta.

— Não Jungkookie...você vai passar frio, coloca isso! – ele me olhou e eu coloquei meu casaco nele.

— Prefiro passar frio do que ver o meu Jimin com frio. – vejo ele corar e abaixar a cabeça.

— Mas eu não sou seu...a Jisoo é!

Jimin!¡

Falei e olhei pra ele, vi o mesmo voltar a olhar pra frente deixando um silêncio alto.

— Desculpa...– falei baixo.

— Chegamos! – ele falou e vi uma cafeteria bem bonita, ela tinha uma janela bem grande na frente e do lado da janela havia a porta de madeira.

Ele colocou a chave na entrada da porta e girou a mesma, abriu a porta e nós entramos. Jungkookie acendeu a luz e me olhou.

— Gostou daqui? – assenti observando o local.

— É bem bonito! – falei e sorri, olhei pra uma maquininha que havia bolinhas que pulavam e olhei pro Jungkookie, juntei as minhas mãos e fiquei de frente pra ele.

— O que foi? – ele me olhou confuso.

— Me dá 50 centavos? Quero uma bolinha!




Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...