História Impossible Love - Capítulo 20


Escrita por: ~

Postado
Categorias Helena Bonham Carter, Johnny Depp
Personagens Personagens Originais
Tags Drama, Futurista, Guerra, Helena Bonham Carter, Johnny Depp, Romance
Exibições 36
Palavras 1.385
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Drama (Tragédia), Ficção, Ficção Científica, Romance e Novela, Universo Alternativo
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Nudez, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Hey gente!
Cap meio grande,mas leiam,please?
É muito importante!

Capítulo 20 - Segredos Revelados


Katherine estava no banheiro,vomitando.

Ela deu a descarga na privada,e escovou os dentes,antes que Edward chegasse!

Ele com certeza iria insistir pra que ela fosse até um hospital,mas ela recusava essa ideia!

Ela foi ao quarto de Edward,ele estava sentado na cama,olhando para uma foto:

-Edward?-ele chamou

-Ah,oi Kath!

-O que está fazendo?

-Vendo essa foto aqui da...

-Shirlley?

-Sim,dela!

-Hm-Katherine sentou-se ao lado dele e pegou a foto da falecida namorada dele -Ela era muito bonita.

-Era sim!

-Ainda sofre pela morte dela

Edward sorriu:

-Já superei! Você me ajudou a superar!

Kath sorriu:

Edward deu um beijo na foto de Shirlley e a rasgou:

-Edward,não precisa fazer isso...

-Eu sei! Mas quero! Eu estou namorando com você,e te amo,e já está na hora de deixa-la descançar em paz!

Kath o abraçou:

-Kath,eu tenho uma ideia! O parque de diversões está na cidade,que tal irmos até lá?

-Pra levar a Izabelly? Ela é muito novinha pra essas coisas ainda!

-Não...Não para ela! Para nós! Deixamos ela com os soldados aqui! Ninguém vai se importar,que acha?

-Não é uma boa ideia! Eu não tenho uma boa experiencia com parques de diversões!

-Bem...seja o que for que aconteceu com você lá,acho que pode superar isso,hein?

-Talvez...

-Ótimo!-ele sorriu!

....

Katherine e Edward estava no parque!

Ela sentiu um desconforto ao chegar,e as lembranças invadiram sua mente,mas ela tentou afastar esses pensamentos e decidiu se divertir.

..............

E sim,realmente ela se divertiu!

Ela vomitou em alguns brinquedos,como na Roda Gigante,mas mesmo assim que ela estava adorando! 

Naquele momento ela nem se lembrava de quando era criança e os bombardeios atingiram o parque! Ela só percebia que estava ali,junto com Edward,em uma tarde ensolarada! E como estava ensolarado aquele dia! Um sol lindo e radiante em em céu de um azul intenso!

O sorriso permanentemente estampado no rosto de Katherine,Edward nunca viu ela sorrindo desse jeito!

...

Mas o dia perfeito estava terminando!

O sol estava se pondo,e o azul intenso,foi substituido por um magnifico laranja!

Edward e Katherine foram até uma praça,onde tinha uma bela visão do pôr-do-sol! 

Eles estavam sentados em um banco,abraçados,ela estava com uma Maçã-do-amor na mão,e vez ou outra,ela dava uma mordia!

Um pouco a frente,um casal também assistia ao pôr-do-sol.

A mulher era loira,tinha o cabelo liso,na altura dos ombros! O homem era negro,o cabelo cacheado,e era bem mais alto do que ela!

Eles olhavam para Katherine,e a mulher sussurrava alguma coisa no ouvido do homem!

Isso estava deixando Katherine muito nervosa.

-Edward...Aquele casal não para de olhar pra gente!-ela disse

-Deixa eles,Kath! Só estão vendo que somos um casal que se ama e...

-Não,eu vou ver qual é o problema deles!

Katherine dirigiu-se ao casal:

-Algum problema?

-Como?

-Vocês...Estão olhando para mim e falando sobre mim,eu sei

A mulher sorriu,gentilmente.

-Desculpe,é que você é muito parecida com uma mulher que nós conhecemos,uma grande amiga nossa! Você poderia ser filha dela!

-Ah,não! Minha mãe já morreu!

-Ela também!

Katherine riu da concidência:

-Mas não é! Minha mãe era soldada!

-Ela também!

Isso realmente pareceu estranho:

-Nossa...

-O nome dela era Mattilda Lancaster,e o namorado dela era George Wills!

Katherine não entendia,mas aqueles nomes,mesmo que ela nunca tivesse ouvido antes,lhe soou famíliar! Como se sempre estivesse presente em sua vida! Nos sussurros entre os soldados ou pairando no ar!

-Poderia me falar mais sobre ela?-Kath pediu

-Claro,nós moramos aqui perto,por que vocês não nos acompanham?

Ela assentiu.

...

Felizmente era verdade e a casa deles era perto.

Ela e Edward sentaram-se enquanto o homem trouxe um album de fotos,mas deixou fechado,enquanto a mulher falava:

-Mattilda e George eram ótimas pessoas,ela tinha 25 anos e ele 27! Eram dois jovens apaixonados! Ela estudava engenharia,e ele,gastronomia! Viviam bem,planejavam um dia se casarem,quando tivessem suas profissões! Mas não puderam realizar nada disso! Foi na época em que a guerra começou! Quando o governante da Nação 1 decidiu que queria mais território! Então os jovens selecionados tiveram que ir servir como soldados! E Mattilda e George foram selecionados,assim como meu marido! Eles detestavam a guerra,mas queriam justiça! Eram inconformados....Tinham fogo em seu sangue! Eles lutariam até morrer se precisasse! Mas houve um descuido e Mattilda engravidou! É claro que eles não queria um filho naquele momento,eles eram jovens e,criança nenhuma merece nascer em meio a guerra! Mas tiveram a criança e a receberam de braços abertos em sua família! Era uma menininha muito bonita,nasceu na sala das Armas! Um terrivel cenário para o nascimento de uma criança! Quando a menina tinha dois anos,teve o mais terrivel bombardeio! Os soldados foram ao campo de batalha e não tinham como deixar a menina sozinha! Mattilda a levou,acreditava que ninguém ali sobreviveria! Ela foi ferida e a criança correu! Meu marido viu tudo! O terrivel General Garysson,o General da Nação 1,ele matou Mattilda e George,mas meu marido não viu o que foi feito da criança!

-Nossa!-Kath exclamou assim que ela terminou a história! Era absurdo demais,mas...Tinha toda a lógica

O homem abriu o album de fotografias e mostrou a foto de um casal segurando uma criança de uns dois anos!

-Não...não...não!-Era o que Kath conseguia dizer,ela conhecia a criança! Conhecia dos albuns de fotografia de Dora,essa criança era ela! 

Ela olhou mais atenta,a menina tinha uma pulserinha em seus pulso! Kath conhecia aquilo,ela encontrou uma vez na gaveta do General,ela achou estranho uma pulseira de criança,afinal,ele não tinha filhos,mas nunca o questinou de quem pertencia! E agora ela sabia!

Pertencia a ela!

Era tudo uma mentira...Tudo sempre foi uma mentira! A vida inteira...

O general a fez acreditar que a Nação 2 havia matado seus pais,fez ela sentir ódio!  E era mentira...Tudo...Tudo..Tudo! 

-Sou eu...!-ela disse quase num sussurro-Sou eu,eu sou a filha de Mattilda Lancaster e Georde Wills!

A mulher a abraçou:

-Nós sabiamos,você é muito parecida com ela!

O homem tirou a foto do casal do album,anotou um número e endereço atrá da foto e deu ela para Kath:

-Leve a foto,é sua! E se quiser saber mais sobre seus pais,ligue para esse número,ou venha nos ver!

-Okay!-ela disse,quase sem forças

-Quer saber como era seu nome antes?

-Não! Por favor não! Saber qual é meu sobrenome já foi demais! Eu não quero saber meu nome! Eu sou Katherine! Só Katherine!

-Está bem,querida! Foi um dia com muitas emoções para você!

-Vamos embora,Edward!

.....................

Kath e Edward estavam em casa.

Ela deitou na cama e chorou:

-Está bem,Kath...O que aconteceu?

-Minha vida foi uma mentira,o homem que me criou,foi que matou meus pais! 

-Não...Quem matou o casal que eles falaram,foi o General Graysson,da Nação 1!

-É isso mesmo! Eu fui criada pelo General Graysson,ele me disse que meus pais eram Soldados dele,e que foram a Nação 2 que havia os matado! Ele me incentivou a ter ódio da Nação 2 e me treinou para ser uma soldada,e eu sou! A melhor soldada da Nação 1! EU SOU UMA SOLDADA INFILTRADA,EDWARD!

-Mas...como? 

-Isso mesmo! 

-Então me enganou esse tempo todo? É tudo uma grande mentira?

-Não! Eu sou eu! E eu te amo! Eu tentei,oh Deus,como tentei não me apaixonar,mas me apaixonei,e eu te amo,Edward...Te amo!

-Katherine...Vá embora daqui,não volte nunca mais! Eu nunca mais quero te ver!

-Por favor,Edward...?

-Não! Vá embora daqui!

Katherine limpou as lágrimas dos olhos:

-Okay! Eu sou Katherine! E não irei implorar nada a você,mesmo que eu sofra,eu não implorarei,e agora saia que eu quero arrumar minhas malas!

Ele saiu,batendo a porta!

Katherine chorou alto enquanto arrumava as malas,ela já não se importava se alguém iria ouvir! Sua tristeza e raiva era maior que seu orgulho!

....

-Mamãe,onde vai?-Disse Izabelly

-Filha...-ela começou,mas olhou para Edward- Edward,aqui ela estará mais segura,eu volto pra busca-la!

Edward assentiu:

-Filha...A mamãe...vai sair por um tempinho! Mas a mamãe vai voltar e te buscar,tá?

-Tá!-disse a pequena

-Então fica aqui com o pa...com o Edward,sim?

-Tá!-ela repetiu

Katherine beijou a menina varias vezes e saiu!

Ela já estava na porta quando Alex,a chamou

-Kath...?

-O que é?

-Eu ouvi tudo e sei que é uma infiltrada

-Hm,meus parabéns!

-Eu só queria dizer para que não tenha uma recaída! Nao volte a ser o monstro que era quando chegou aqui!

-O que farei não é da sua conta,Alex! Adeus!-ela disse e a porta fechou-se atrás dela

Ela entrou no carro:

-Pra onde?-perguntou o motorista

-Para Nação 1! E vai rápido! 


Notas Finais


kkkkkkkkk
E então?
Não me odeiem!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...