História Impossible Love - Capítulo 2


Escrita por: ~

Postado
Categorias Magi: The Kingdom of Magic, Magi: The Labyrinth of Magic
Personagens Aladdin, Alibaba Saluja, Judar, Morgiana, Sinbad
Tags Hentai, Lemon, Magi, Yaoi
Exibições 57
Palavras 1.414
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Artes Marciais, Colegial, Escolar, Hentai, Lemon, Magia, Mistério, Yaoi
Avisos: Álcool, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Pansexualidade, Sadomasoquismo, Sexo
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Ebaa. Eu. Aqui
Boa leitura babys <3

Capítulo 2 - What this mistery?


"- Tá tá tá, Aladdin é Uke, e você é Seme, para ter certeza, vocês vão ficar no mesmo quarto.-"
- O QUE ?!?¬- eu, Judar, AliBaba, todos do pátio, menos Morgana, gritaram uníssonos. Uns meninos não concordavam porquê eles queriam ficar com ele, ou seja, gays, outros não concordavam porquê, éééh, não tem mais não, só os gays mesmo, porque você sabe né, gay sendo gay, sem preconceitos, até porquê eu sou indeciso.
-“O QUE ?!?” mesmo, eu quero que vocês fiquem amiguinhos, porquê vocês brigam demais, até chegar a o ponto de vocês me prejudicarem, e eu expulsar vocês.-  falou Sinbad lacrando do jeito mais gostoso que ele pode.
- Meu senhor, não faça isso comigo não, até porquê a gente pode quebrar tudo do quarto jogando um do outro.- é eu faço de tudo para não ficar com esse mala.
- Não, até porquê as coisas são suas, e vocês não vão quebra as suas coisas, certo?-
- Ah !! como eu não pensei nisso, burro, burro !!- ainda bem que Judar sabia o que ele era.
- É colega, não tem jeito de me afastar de você mesmo.- falei suspirando.
- Na verdade tem sim, votação.- falou Sinbad.
- Oh Sr. Sim Bato, quantas o senhor fumou ? E ainda mais não dividiu.- SIM BATO HAH!! MEU DEUS HAHAHAHA, SE SEGURA VIADO, VOCÊ; é uma bisha de qualidade. (N/A: a pronuncia de ¨Sinbad¨ soa como se a pessoa estive falando ¨ Sim Bato: de japonês para português)
- Oh Sr. Trouxa, se seus amigos não concorda com isso, você não ficar com Aladdin. Mas não quero, e você fica com Aladdin, certo? Certo .- é só que me faltava.
- Sério ? por que você faz isso com a gente, você não pensa em futuros, a merda que vai rolar ?-
- Se rolar merda, eu expulso vocês, ok ? Então é melhor ficarem quietos.- nossa é assim paga nem um sorvete.
- Tá ok ok, mas por que isso ?- perguntei
- Você vai entender Aladdin.- 
- O senhor é drogado.- Judar tirou as palavras de minha boca. Mas por que esse mistério todo ?
 

Depois daquele falatório todo, chato, muito chato, fui direto para meu quarto, ééh!! aquele que vou dividir com o Judar. Aquele falatório todo me deixou tão cansado, só de pensar que pode-se acontecer isso o ano todo, já cansa, mas vamos ser perfeccionista, vai que minha vida fique entediante, com a mesma rotina de sempre, acordar se arrumar, ir direto pra sala de aula, intervalo e lanchar, voltar a sala de aula, terminar as aulas, ir para meus quarto, vê a cara feia de Judar, tomar banho e dormir; não prefiro arrumar uma treta todo dia mesmo, é bem mais divertido. Plantando minhas discórdias, é melhor. Ainda tenho expectativa que Judar melhore, tipo “bisha melhore”, porquê minha senhora, tá difícil, cara difícil da porra. Mas o Judar não vem ao caso, o que eu quero saber o por que daquele mistério todinho de ¨Sim Bato¨, o que será que ele queria dizer com aquele “você vai entender Aladdin”, eu vou entender o que?, que sou maravilhoso, lindo, gato? Já sei disso faz séculos. Tá parei de brincadeira, o caso é sério, louco e misterioso. Mas por que isso? Sério, Judar no mesmo quarto que o meu, nenhum diretor, que nos conhecesse faria isso nem fodendo, e por que Sinbad botou? Por que esse mistério todo ?

POV JUDAR~ON
Eu estava pensando por que mil porras, Sinbad, sim Sinbad, me botou no mesmo quarto que Aladdin, será que ...

FLASH BACK~ON
Ano passado
Juntou o 1º ano do ensino médio, e o 8º ano do ensino fundamental, na aula de educação física, para melhora, prática, já que o professor de química da nossa sala falto, por caso pessoal, eu sabia que aquele professor era/é gay, no mínimo deu a bunda, e ficou doendo no outro dia. Nessa aula de educação física não era nada demais, só para ocupar nosso tempo, então decidimos jogar queimado, 1º ano contra o 8º ano, já que na sala de ambos, tinha 30 pessoas, fizemos em 3 partes, a primeira de 10 pessoas, a segunda de 10, e a terceira também de 10 pessoas, eu fui na primeira parte, queria terminar com aquela porcaria mesmo, quando terminei a minha parte, foi a segunda, teve nada de interessante, só teve gritos e muito barulho, na terceira e última parte, o Aladdin foi, ele era muito ágil, e sexy, naquele momento tocou SAVE ME- BTS, na minha cabeça, porquê KAMI-SAMA!!! Que coisa dos deuses, teve uma hora que ele se esquivou, sua blusa subiu, dava pra vê sua virilha, entrei em transe por 2 minutos, e se não fosse Sim bato, eu ficaria ali até acabar a última sessão.
- Tudo bem com você Judar? você estar babando, eeh que volume é esse em sua calça?- olhei assustado para baixo, eu estava excitado com aquilo? Eu realmente sou frágil, fiquei morrendo de vergonha, tipo, estou duro, na frente do diretor, olha que magnífico.
- Nada não Sim Bato, o que você ta fazendo aqui? Tem mais que cuidar não?- vamos disfarça né colegas?
- Eu já tenho tudo feito, e até adiantado, diferente de você. Então eu estou passando de sala e sala, para vê se ta tudo certo. Pelo visto na sua calça ta um escândalo aí né, isso é por causa do Aladdin? Ele é bom mesmo né? Hmm quais suas intenções com o Aladdin? Quer ele em sua cama?- falou Sinbad com a cara maliciosa.
- N...NÃO, eu es...estava pensando em... em... na noite de.... ontem... foi bem excitante.- porcaria por que eu fui gaguejar?!!?
- Vamos aprender a mentir né Judar, da pra perceber que você quer o Aladdin na sua cama, chega ta escrito em  sua testa, vamos lá Judar, por que não pega ele ? Até faz um casalzinho perfeito vocês dois. Para de ser orgulhoso, e vá, tente conquistar ele.- olhei para Sinbad, ele balançou a cabeça positivo, então continuei olhar para frente, e avistei o Aladdin, então decidir tentar fazer o que o Sinbad falou, pois não tentei até hoje, eu não tinha tempo para isso, mentir,  tinha sim, mas tinha medo que ele virasse a cabeça e me zoasse.

FLASH BACK~OFF
Agora entendi o porquê, Sim Bato, botou a gente no mesmo quarto, para que eu “tentasse” conquistar Aladdin. Aquele frango viado mal comido, por que ele não veio falar comigo ? Doente agora o que eu faço ? Falo para Aladdin sobre esse negócio? Vai ser bem difícil, pensar bem para não fazer merda. Tá certo vou falar com ele, vê o que eu consigo com isso.
POV ALADDIN~ON
Eu estava tomando banho, até que escuto um barulho, boto minhas roupas rapidamente, e vou vê o que era, que decepção, eu no meu belo banho, escuto uma batida de arrombar um orifício anal, e vejo Judar suado, e nervoso.
- Qual a merda que você aprontou?- claro, já deu a perceber que ele fez merda.
- Tenho algo importante a te contar...-
- Tipo a merda que você fez ?-
- Eu não fiz merda!! Cala a boca deixa eu falar desgraça!!-
- Então diga meu senhor, qual é seu problema?!?-
- É que meio estranho falar isso agora, depois de tudo que eu fiz! É que eu... Eu....-
- Você é apaixonado por mim né??-
- Co...como você sabe??-
- Eu percebia seus olhares “discretos” a mim, você acha que ainda suporto você por quê?-
- Não sem muito bem, eu achava que você adorava zoar com minha cara também.-
- Bem errado essa sua conclusão, pois eu também gosto de você, mas tinha medo...-
- Que eu virasse a cara e te zoasse, eternamente?-
- Sim.-
-também.-
O silencio tomou conta do quarto, ele foi ao banheiro, eu deitei em minha cama de costas ao banheiro, ou seja, eu poderia vê nenhum movimento, botei meus fones e escutei Vanilla- GACKT, não sei o porquê eu estava escutando isso, mas o que veio no meu celular, fazer o que né, além do mais pelo que eu lembro é uma putaria do caralho essa música. Na hora do solo, Judar saiu do banheiro, e eu estava feito um doido do hospício, todo encolhido, olhando para parede, escutando música. Ele chegou, começou a beijar meu pescoço, me virou continuou até chegar....


Notas Finais


Bom aqui pessoinhas
Obg por chegar até aqui
Até a próxima <3


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...