História Impossível (2 temporada) - Capítulo 14


Escrita por: ~ e ~mcmilly

Postado
Categorias Miraculous: Tales of Ladybug & Cat Noir (Miraculous Ladybug)
Personagens Adrien Agreste (Cat Noir), Alya, Gabriel Agreste, Hawk Moth, Marinette Dupain-Cheng (Ladybug), Nathanaël, Nino, Plagg, Tikki
Visualizações 23
Palavras 1.028
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Luta, Romance e Novela
Avisos: Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Eu fiz um ep pequeno mas vou postar outro hoje por que minha net caiu ontem voltou hoje 😤

Capítulo 14 - Uma noite de prazer.


Fanfic / Fanfiction Impossível (2 temporada) - Capítulo 14 - Uma noite de prazer.

Eu logo gritei chamando os outros . Lian chegou na sua fumaça. 

Lian -Você está morrendo? 

-Não..

Lian -Não me chame então. 

-Eu descobri um bagulho louco.

Sophie  -A casa tá pegando fogo ?!

-Não.

Bekka  -Precisava gritar? Estou com dor de cabeça. 

Ian -Vampiros não tem dor de cabeça. 

Bekka  -Eu bati a cabeça e furei e estou com dor de cabeça enfim está cicatricatrizando ainda .

Adrien -Como você bateu a cabeça. 

Bekka  -Depois da aula aquela garota que eu bati me jogou e eu bati a cabeça na árvore. 

Angel- Por que não meteu a porrada? 

Bekka  -Eu fico agressiva quando luto ela ia pro necrotério. 

Tyler -Marinette você está tendo um infarto ?

-Não.

Tyler -Concussão? 

-Não .

Tyler -Tá morrendo ?

-Não 

Tyler -Por que chamou então eu estava me masturbando .

Bekka  -Por quem ?

Tyler -Uma garota ai...

Bekka  -Depois eu te interrogo. Olha sério pra ele .

Sophie  -Você se masturba ?

Tyler -Todo mundo faz isso .

-Gente .

Eu contei tudo pra eles e eles queriam saber quem era HW ou o que era elas pensam que é Hawkmoth faz sentido mas se ele está doente como pode lutar ? Eu fui pro meu quarto tomei um banho e dormi .

Bekka narrando: 

Todos estavam indo .

-Tyler no meu quarto em 20 minutos !

-Por que ?

-Você vai saber .

Eu tomei um banho é vesti um vestido de mangas longas que tinha um capuz ele era preto logo Tyler chegou .

-Posso entrar ?

-Pode . Eu fechei a porta e puxei ele .

-Por quem você se masturba ?

-Ciúmes? 

-Não e-eu so q-quero saber .

-Uma garota. Chega perto . -Chata as vezes . Mais perto. -Ciumenta,arrogante,linda e...

-eee?

-Imortal .

Eu parei e corei . Fiquei vermelha parecia a Marinette. 

-Você está vermelha .

-Eu n-Não estou ! Falo cobrindo as bochechas e dando passos pra trás. 

-Me responde sinceramente. -Você é apaixonada por mim?

-Eu....

Quer saber que se dane vou falar mesmo .

-Sim eu sou e não quero te ver com outra .

Ele chegou mais perto e eu encostei na parede e pensei porra toda cena de sexo dessa fic e na parede.

-Eu não vou fazer nada com você. 

-Se você não gostar de alguma coisa eu paro não vou te forçar a nada eu te amo...

Ele me beijou meu corpo ficou quente.

-Tyler ....

-Que foi . Continua me beijando.

-Eu... 

Senti a mão dele passear pelo meu corpo e gemi.

-Ahhhhh!

-Calma seu quarto é a prova de sons mas eu ainda nem comecei .Sorri safado.

Ele desceu sua mão de minhas costas pra coxa e chegou entre minhas pernas eu já estava molhada do de sentir seus beijos.

-Já está molhada ao com minhas mãos?  Espera pra ver quando eu entrar em você. Sorri sexy. 

Maldita hora pra eu vestir um vestido colado sexy.

-Tyler... Eu que mando agora !

Eu o girei e ele ficou na parede ele ficou surpreso eu beijei ele minhas pernas estavam fraquejando ele segurou minha sentura e me levantou ele era um pouco mais auto que  eu cruzei minhas pernas em torno dele,ele me girou de novo.

-Sabe o quanto esperei pra te beijar ?

-Não mas eu sei o quanto eu te quero.

Ele novamente me girou e eu fiquei na parede ele me beijou e empurrava seu corpo contra o meu podemos dizer que senti a Torre Eiffel. 

Cada vez que ele  empurra seu corpo contra o meu eu contia meus gemidos .

-Aahhhhh!

Eu senti meu corpo sair da parede e esbarrar em minha cama ele me jogou e eu fiz uma pergunta idiota. 

-Por que me colocou aqui?

-Você sabe o motivo. Olha confuso e surpreso.

Seus beijos passavam por meu pescoço. 

-Uhhhh!

Ele deixou um chupão em meu pescoço notável.

- Posso? Ele fala com a mão no meu vestido .

-Pode.

Ele estava subindo meu vestido quando lembrei o que a Alex falou .

-Espera !

-Que foi ?

-Agente não pode....

-Por que? Olha confuso 

-Alex falou que podemos ser agressivos ou ser mais férteis .

-Que droga...Espera Você está morta.

-Eu sei obrigada por lembrar 

-Você não pode ser fértil.

-É mesmo. Falo aliviada .

-Se eu ficar agressivo me acerta. 

-Eu não quero te acertar .

-É eu não quero te machucar linda. 

-Tá.. Pode continuar. 

-Tem certeza ?

-Sim bobo. 

Ele tirou meu vestido,e meio que ficou com cara de quem aprecia sua "comida" eu beijei ele que estava em cima de mim depois ele tirou meu sutiã e chupou meus seios e foi descendo até chegar entre as minhas pernas sua língua dançava dentro de mim.

-Ahhhhh! Eu vi ele sentir prazer com cada gemido . Depois de um tempo eu gozei na cara dele que chupou tudo. 

-Você tem um gosto bom linda.

- Espero que você também .

Eu girei ele é beijei ele foi descendo até chegar no seu órgão ele gemeu não aguentou e colocou sua mão em minha cabeça para baixo ele gozou.

-Foi rápido heim .

Ele me girou e beijou me pescoço. Eu não aguentava mais eu queria ele em mim.

-Entra em mim logo !

-Certo . Ele me obedeceu no começo doia um pouco por conta do seu tamanho mas logo eu me acostumei quando eu estava perto de gozar ele diminuia o ritmo.

-Tyler eu vou...

-Eu também. 

Nos gozamos e não paramos por aí eu mandei que ele entrar de novo gozamos mais uma vez depois ele deitou ao meu lado e ainda ofegante me beijou .

-Se eu te ver com aquela piranha te mato. 

- Eu quebro aquele guri se ele segurar você de novo me chama se precisar. 

-Meu ciumento.

-Fala a garota que deu um soco no nariz daquela menina.

-De longe eu vi você ficar com raiva quando ele segurou minha sentura.

O pervertido passou sua mão que estava em minhas costas pra entre minhas pernas .

-Pevertido ! Sorri.

-Nossa amor você ainda está molhada. Sorri malicioso. 

-Você que me deixa assim . -Perai me chamou de amor?!

-Sim linda eu não te chamava de amor ?

-Não nem fez isso comigo ...

-Eu era um cuzão. Fica rindo. 

-Era sim mais era meu .

-Eu te amo .

-Eu te amo. 

Eu deitei abraçada com ele e dormimos eu estava feliz nível extremo.

Adrien narrando: 

Eu senti meu corpo sentir prazer ele formigava e eu sabia o motivo,Bekka estava fazendo coisas,eu vou matar ela por fazer eu sentir isso é não poder fazer com a Mari.

Depois de 2 horas eles pararam e eu consegui dormir. 


Notas Finais


Eai galera eu tive a brilhante ideia de deixar eles juntos mais um casal feito o próximo? Talvez Ian e Sophie .😄


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...