História In love with my best friend- vkook - Capítulo 2


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Visualizações 22
Palavras 1.136
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Comédia, Drama (Tragédia), FemmeSlash, Ficção, Hentai, Lemon, Orange, Romance e Novela, Slash, Violência, Yaoi, Yuri
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Cross-dresser, Drogas, Heterossexualidade, Homossexualidade, Incesto, Insinuação de sexo, Intersexualidade (G!P), Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Pansexualidade, Sadomasoquismo, Sexo, Suicídio, Tortura, Transsexualidade, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 2 - Seu hyung?


Naquele momento eu só tinha certeza de uma coisa: aquele desgraçado do Yoongi ia sentir a minha ira.

Mas e agora? Oque eu faço? Só sei que o Jungkook agiu mais rápido pondo-se imediatamente no meu colo, ficando de frente pra mim, ficamos nos encarando longos segundos, e meu olhar intercalava entre seus olhos e seus lábios.

- Vai logo com essa porra - esbravejou hoseok

Em menos de um segundo selei meus lábios com os de Jungkook, e essa foi a melhor sensação que eu já senti em toda a minha vida. Jungkook roçou sua língua nos meus lábios e eu não hesitei em deixá-la invadir o interior da minha boca, era um beijo lento porém cheio de necessidade, paramos o beijo por um senhor desgraçado chamado falta de ar.

- Caralho, fiquei duro- disse Jimin simples, como se dissesse que estava com sede.

- Ai, mas que OTP lindo- disse Namjoon, eu nem precisei olhar para o lado para saber que Jungkook estava tão corado quanto eu.

- Eles crescem tão rápido-  disse Jin fingindo secar uma lágrima.

-Eaí quando é o casamento?- disse Yoongi

- Cala a boca, hyung- disse ainda meio afetado pelo beijo e Yoongi me olhou com cara de quem diz: ''ingrato do cacete''

- Eu to com fome- disse Jungkook

- Tem um Taehyung quentinho do seu lado pra você comer- comentou Yoongi, a mas esse menino ta cheio de graça hoje.

- Aish, vá fazer comida e cale a boca- disse o coelhinho mais lindo desse mundo, Jungkook consegue ser ainda mais lindo irritado

O jogo continuou normalmente, até que me lembrei de um dia ano passado no recreio

FLASHBACK ON:

-Vem Tae- chamava-me Yoongi- eu não quero me atrasar pra aula.

  -Calma moleque, ainda faltam dez minutos para os portões fecharem, criatura. – disse despreocupado

Chegamos no colégio e Yoongi não parava quieto, estava andando rápido demais e se não isso, estava mexendo em algo no bolso, ou não calava a boca, quando não fazia tudo junto, foi então que o parei no refeitório.

-Yoongi oque ta acontecendo, você não fica quieto, e não era você o velhote rabugento?

-Eu sei lá, Tae. Pra mim eu to normal- disse apoiando os pés na mesa claramente tentando disfarçar seu desconforto. Essa semana estava cheia de acontecimentos, Jin e Namjoon finalmente assumiram o namoro, Hoseok disse ser bissexual, eu contei ao Yoongi que estava apaixonado por Jeon, e Jimin estava ficando com um menino do terceiro ano, e eu tinha pra mim que esse menino era envolvido com drogas, ele andava com os meninos que ofereciam pra todo mundo, e eu não quero um dos meus melhores amigos envolvido com essa gente.

-Ah Yoongi, fala logo, achava que nós não escondíamos nada um do outro.

-Tae... como você sabia que estava apaixonado pelo Jeongguk?

-Sei lá Yoongi, que pergunta

-Tenta explicar, cacete

-A sei lá, quando eu via ele o meu coração disparava, e o meu estômago se enxia de borboletas, eu não conseguia falar direito na presença dele e minhas mãos suavam. Isso ainda acontece mas to me controlando, tomando uns Maracujina.

-Então é isso

-Isso o que criatura?

-Eu to apaixonado pelo Jiminnie

FLASHBACK OFF

Claro que, depois de alguns dias o relacionamento do Jimin (como todos os outros) com o tal menino acabou.

Depois de muito tempo esperando a minha vez, a garrafa finalmente para em mim e no Yoongi.

-Eaí Yoongi? Verdade ou desafio?

-DESAFIO! DESAFIO! DESAFIO!- os meninso gritavam igual os vândalos que são

-Ta ta bom, desafio.- disse Yoongi com tom de quero morrer

-Beija o Jiminnie

-O QU....- Jimin, que estava ao lado de Yoongi, não deixou que terminasse de falar e o puxou pelo queixo, selando seus lábios.

Era um beijo fofo e repleto de amor, esses dois formam um belo casalzão.

-AAA MEU YOONMIN VIVÍSSIMO- Jungkook foi o primeiro a gritar

-EU VOU CHORAR MEU DEUS, É MUITA COISA PRA UM DIA SÓ- Jin fingia estar secando milhões de lágrimas de aconchegando no ombro de Namjoon, que admirava os dois com olhar de aprovação.

-Eu to de vela como sempre, por que não to surpreso?- lamentava-se Hoseok

Jimin estava morrendo de vergonha e com o rosto escondido nos braços de Yoongi.

-Parem de ser animais, seus babacas- Finalmente Yoongi se pronunciou

-Me respeita menino, eu que te coloquei nesse mundo- Disse Jin já baixando a omma que tava solta dentro dele.

O resto da noite foi normal, eu não falei muito com Jungkook, pois nós dois estávamos muito sem graça pra se quer ter contato visual, na minha opinião isso era falta de maturidade, mas quem disse que eu sou maduro?

Eu, Yoongi e Jungkook fomos andando juntos e conversando, já que nossas casas são para o mesmo sentido. Finalmente eu estava conversando com ele, não aguentava mais o silêncio que ficava toda vez que os meninos saíam e eu e ele ficávamos a sós.

Yoongi e Jeon estavam conversando sobre algum esporte, e já que não gosto muito desse tipo de coisa fiquei em silêncio, até que Yoongi começa a falar mais do que a boca é capaz.

-Mas iae Jeon? Oque achou do beijo que o Tae te deu?- eu vou matar esse tampinha.

-Ah... foi só um beijo de amigos – OQUE? E DESDE QUANDO AMIGOS SE BEIJAM DAQUELE JEITO? ESSE MENINO TA BRINCANDO COMIGO É?

O resto do caminho foi em um silêncio super desconfortável, mas era melhor assim, porque eu tava doido pra dar na cara dos dois moleques ao meu lado

Chegamos na porta da minha casa, eu me despedi de Yoongi com um abraço, e iria fazer o mesmo com Jungkook, já que ele deixou bem claro que éramos só e nada mais do que amigos, e assim o fiz, durante o abraço ele deu um chupão no meu pescoço, e eu tenho certeza que aquilo iria deixar marcar, saí do abraço horrorizado, olhando na direção de Yoongi só pra ter certeza de que ele não vira nada, e graças ao bom Buda ele estava de costas, falando no celular.

-OQUE FOI ISSO MENINO!?- isso foi mais um sussurro, porque eu realmente não queria que Yoongi visse aquilo, amanhã eu contaria para ele, mas agora ele faria as coisas serem mais estranhas do que já estavam.

-Só para todos saberem que o meu hyung tem um dono- disse com um sorriso malicioso nos lábios.

EU NAO TO ENTENDENDO NADA, PRIMEIRO ELE DIZ QUE SOMOS BONS AMIGOS E DEPOIS ELE VEM COM ESSE CHUPÃO ? E QUE HISTÓRIA É ESSA DE MEU HYUNG?

-Boa noite, hyung- disse com um timbre rouco e me deu um selinho demorado.

Eu fiquei um bom tempo do lado de fora tentando processar o que tinha acabado de acontecer, e cheguei a conclusão de que

JEON JUNGKOOK ESTÁ ME DEIXANDO LOUCO



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...