História In Love With The Secretary - Capítulo 24


Escrita por: ~

Postado
Categorias Demi Lovato, Fifth Harmony, Selena Gomez, Troy Ogletree
Personagens Ally Brooke, Camila Cabello, Demi Lovato, Dinah Jane Hansen, Lauren Jauregui, Normani Hamilton, Personagens Originais, Selena Gomez, Troy Ogletree
Tags Camren, Norminah, Semi, Trolly, Vercy
Exibições 472
Palavras 883
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Crossover, Drama (Tragédia), Famí­lia, Ficção, Romance e Novela, Violência
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Intersexualidade (G!P), Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Oin.

Me perdoem por demorar mais de dois meses para atualizar.
Juro que não queria, porém nada estava dando certo para mim.

Enfim espero que gostem desse capítulo, eu confesso que só estou postando ele para não demorar mais. Vou tentar não demorar para atualizar novamente.

Aproveitem e boa leitura!

Capítulo 24 - Don't let down


              POV's Camila

Hoje iríamos voltar para Miami e eu não podia evitar de ficar triste  com essa constatação, afinal eu havia amado minha sogra e os irmãos de Lauren, principalmente Taylor que era uma das coisas mais adoráveis que eu conhecia.

  - Camz, precisamos ir! - A voz rouca de Lauren tirou me de meus   a britânica em minha frente tinha pego um resfriado graças a sua teimosia.

- Okay. Você já tomou seu remédio, certo? - Fechei minha expressão assim que Lauren fez um bico extremamente fofo mas que entregava que ela não havia tomado o remédio.

- Camz... - Sua voz saiu completamente manhosa e rouca, além claro do seu bico estar maior que antes.

- Lauren eu mandei você ir tomar seu remédio, não quero que piore!

- Mas Camz é ruim... - Faz uma leve careta, quase me derreti, eu disse, quase.

- Não me interessa, não quero você mais doente do que já está!

- Okay, eu vou tomar. - Beijei seus lábios desmachando seu bico.

- Agora vam--  - Uma dor aguda em minha barriga fez minha fala morrer em meus lábios, fiz careta inevitavelmente.

- Camz está tudo bem?

- Sim, foi uma leve contração, mas Demi disse que é normal. Não se preocupe! - Garanti assim que vi a preocupação estampada em seu rosto, caminhei para fora do quarto rumo a sala de estar onde tinha certeza que Clara, Chris e Taylor estariam para se despedir.

Desci as escadas segurando firmemente no corrimão de cor branca, estava sentindo a mesma dor, porém de uma forma constante.

- Mila você fez xixi? - Escutei voz curiosa de Taylor, após sentir um líquido escorrer pelas minhas pernas. Senti meu coração palpitar em meu peito, eu teria meus filhos! Ao constatar isso arregalei os olhos sentindo meu corpo tombar para frente.

              POV's Lauren


- Camila! - Gritei a todos pulmões assim que vi o corpo de minha noiva começar a tombar para frente sendo aparado pelos braços de Chris. Desci as escadas correndo até o corpo da minha latina que ainda estava nos braços do meu irmão.

- Filha ela está sangrando! - Minha mãe exclamou uma oitava a cima. - Chris chame o Alfredo e fale para ele que vamos sair rumo ao hospital! - Segurei Camila em meus braços, a olhando preocupada, não era a hora ainda, os bebês tinham apenas oito meses.

- Kaki! - Escutei a voz de Sofi soar desesperada mas eu apenas conseguia olhar para Camila ali, não conseguia me mexer, escutei vozes chamando meu nome enquanto eu olhava para Camila.

- Lauren! - Voltei a realidade assim que minha mãe acertou um tapa em meu rosto e gritou meu nome, a olhei prontamente. - Você precisa levar Camila até o carro!

Concordei com a cabeça e segurei minha noiva em meus braços com mais firmeza me levantando, meu cérebro agora apenas processava que eu precisava salvar Camila e nada mais. Assim que sai com Camila em meus braços para fora de casa Alfredo já estava com o carro perfeitamente estacionado e ligado.

Eu salvaria Camila e os meus filhos!

                       {...}{...}


Observei Alfredo descer do carro em disparate para dentro do hospital para pedir ajuda, Camila estava em meus braço me olhando atentamente, sua expressão estava serena o que não me deixava nem um pouco tranquila.

Abri a porta do carro com Camila em meu colo quando observei Alfredo e um enfermeiro ao seu lado empurrando uma maca.

- Coloque ela aqui senhora! - Um dos enfermeiros pediu e eu rapidamente o fiz, observei os dois correrem com Camila sobre a maca para dentro do enorme hospital, eu claro, os segui.

- Senhora você não pode passar por essa porta! - Alguém falou me impedindo de entrar por uma porta, encarei o homem a minha frente um pouco atômica.

- Mas Camila...

- Senhora você não pode passar, sente-se e acalme-se. - Balancei a cabeça piscando lentamente, senti uma mão puxar meu braço delicadamente para trás.

- Sente-se filha, Camila vai ficar bem e os gêmeos também, okay? - Camila! Os gêmeos! Olhei para minha mãe e um soluço escapou de meus lábios, acabei me entregando a um choro desesperado.

- Me diz que isso é um pesadelo mãe! Por favor! E-eu n-não posso perder o amor da minha vida e meus filhos, eu não suportaria! - Exclamei em meio a engasgo e soluços, minha mãe pegou meu rosto entre as mãos, me olhando seriamente.

- Lauren você não pode desabar agora, eu não permito que você faça isso consigo mesma, Camila e os gêmeos vão sair dessa bem, eu liguei para um amigo meu e expliquei a situação, ele me garantiu que faria tudo o que fosse necessário, então não sofra antecipadamente, você me entendeu? - Balancei minha cabeça em concordância, minha mãe secou meu rosto e deixou um beijo em minha testa. 

- Cadê Sofi e Taylor? - Minha voz como o esperado saiu rouca e baixa.

- Ficaram com o Chris.

- Por que o médico não veio aqui ainda? - Perguntei um pouco alterada, mamãe logo apertou meu braço com uma das mãos.

- Matt já esperava por Camila, na ligação eu expliquei tudo, vamos experar filha.


Notas Finais


Então???? Me digam o que acharam nos comentários. Podem me xingar também se necessário.

Sejam bons consigo mesmos ♥


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...