História In The Cold Rain - Capítulo 9


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Rap Monster, Suga, V
Tags Bts, Jungkook, Kim Taehyung, Taekook, Vkook, Yaoi
Exibições 295
Palavras 838
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Bishounen, Colegial, Comédia, Escolar, Esporte, Festa, Fluffy, Hentai, Lemon, Romance e Novela, Shonen-Ai, Slash, Suspense, Violência, Yaoi
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Drogas, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Perdão pelo atraso, hahaha! Voltei com mais um capítulo pra vocês escrito com muito amor. Boa leitura, amantes de VKook!

Capítulo 9 - Doce Perfume


Fanfic / Fanfiction In The Cold Rain - Capítulo 9 - Doce Perfume

Jungkook

Senti olhares sobre mim me olhando com certa "pena" e eu não estava gostando disso nem um pouco. Eu havia passado uma semana no hospital e outra em observação em casa. E foram elas as piores semanas da minha vida. Meus pais discutiam sempre, mas quando eu aparecia faziam cara de que estavam se dando bem, porém nunca me convencia. Voltar ao colégio depois de longas e cansativas duas semanas foi a melhor coisa que fiz. É certo que minha mãe ficou algumas noites comigo e sempre que tinha um tempo, Jimin ia me visitar. Eu não trocaria ele por ninguém -é um ótimo amigo!

Caminhava sem pressa alguma pelo enorme corredor daquele prédio, enquanto os novatos ou excluídos davam espaço para que eu pudesse passar sem encostar neles. Eu nunca me importei com isso de verdade, toda essa fama é por causa do time de futebol, no qual eu sou o capitão. Caminhei sem, aparentemente, prestar atenção nas pessoas que cochichavam algo olhando para mim. Note que eu disse aparentemente.

Entrei na sala ainda antes do professor, o que não é novidade já que eu sempre fico conversando com alguém do time, ou com Min-A. Ela que, por minha sorte, não havia chegado ainda. Coloquei meus materiais sobre a mesa e relaxei ali mesmo, sentindo um doce perfume me invadir.


-Oi, Kook! Como está? - Comemorei cedo demais. Era ela, Min-A.

-Vou bem, não foi nada demais. - Menti, claro que menti. Você não diria a sua "ficante" que está tendo problemas com drogas, diria? Pois bem, foi o que eu pensei! Jimin era o único da escola toda que sabia, eu acho. Ele, como um bom amigo, tentou me ajudar, mas eu disse que estava bem e iria parar... Bem, eu parei; no hospital.

-Você ficou duas semanas fora, Jungkook. - Sim, as piores semanas da minha vida, obrigado por me lembrar, Min! - Não espere que eu acredite que não tenha sido nada demais? - Cruzou os braços me encarando. Fiz o mesmo, olhando o outro canto da sala e logo ela.

-Espero.

-Você não me faz de boba, Jungkook! - Revirou os olhos. Fiquei calado apenas a ouvindo reclamar que eu não a contava nada.

-Eu não te conto nada, Min? - A interrompi e ela me olha furiosa. - Que obrigação eu tenho de fazer isso? O que você tem a ver com minha vida?

-Não foi o que você me disse enquanto gemia meu nome aquele dia, Jeon! - Praticamente gritou; sorte que estávamos a sós na sala ainda... Ou talvez não. Taehyung.

Olho para o lado e ele estava parado na porta com cara de "estou interrompendo alguma coisa?" embora sua feição demonstrasse que estava decepcionado com algo/alguém que eu não sabia quem era, e nem me importava também.

-Com licença! - Min-A passou por mim, caminhando até a porta e esbarrando propositadamente em Taehyung que continuava imóvel encarando o chão. O mesmo caminha até seu lugar e logo se senta. Embora Min-A tenha saído da sala, o cheiro doce ainda continuava a pairar naquele ambiente. Não era o perfume dela?

(...)

Taehyung estava lendo um livro de poemas durante a aula de artes. Meu olhar vai de encontro a sua cadeira e o olha concentrado em cada palavra que lia. É, ele adora poemas.

Seu olhar encontra o meu cansado que ainda o olhava, quase dormindo escorado na minha mão, com os olhos quase se fechando. Taehyung sorri largo pra mim e vergonhoso volta a dar atenção ao livro.

O que aconteceu aqui?

Estava quase dormindo quando fui acordado de meus pensamentos pela professora que chamara meu nome duas vezes. Levantei as pressas minha cabeça e encaro o quadro cheio de questões para responder. Eu nem copiei a segunda questão, merda! Resmunguei baixo um xingamento direcionado a ela e comecei a copiar dez questões que couberam perfeitamente naquele enorme quadro branco.


-Você ouviu? Jackson vai dar uma festa na casa dele esse sábado.


-Você foi convidada?


-Claro, garota! Eu sou a número um pra ele. 


Então  Jackson vai dar uma festa nesse final de semana? Interessante. 

Parei de ouvir a conversa entre as duas garotas estúpidas e voltei minha atenção às explicações da professora. Essa aula estava tão chata que parecia interminável. Agora eu estava ansioso para saber mais sobre a festa.

Continuei perdido em meio meus pensamentos tediosos que, mesmo sem noção, continuavam melhores do que ouvir o que a professora tinha a dizer. 

O sinal toca e finalmente pude respirar aliviado. Eu gostava de artes, o problema é a professora. Alguns professores estragam matérias que deveriam ser divertidas e ao menos interessantes. Ela era uma deles.

Senti novamente aquele perfume doce -e delicioso se aproximar. Levanto meu olhar e vejo Taehyung que me olhava tímido. Ele queria dizer alguma coisa e procurava palavras para fazê-lo.  Então esse cheiro maravilhoso é seu?!


Tentei apressar o garoto e fazer com que ele falasse algo logo, porque logo a próxima aula iria começar. Sorri fraco e esqueci por um segundo quem nós éramos, quem ele é. Tomei coragem e dirigi palavras a ele depois de tanto tempo.

-Você quer me dizer alguma coisa, Kim?




Notas Finais


Espero que tenham gostado. Não deixem de comentar, um beijo!!!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...