História In The Name Of Love- I will wait for you - Capítulo 8


Escrita por: ~

Postado
Categorias Justin Bieber, Kylie Jenner
Personagens Justin Bieber, Kylie Jenner, Personagens Originais
Exibições 132
Palavras 2.448
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Drama (Tragédia), Famí­lia, Festa, Luta, Orange, Poesias, Policial, Romance e Novela, Violência
Avisos: Álcool, Drogas, Incesto, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Sadomasoquismo, Sexo, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Notas finais
Desculpa pelo Cap boxta

Capítulo 8 - I accept to be your lover.


Fanfic / Fanfiction In The Name Of Love- I will wait for you - Capítulo 8 - I accept to be your lover.

Kylie Jenner Povs 

Dois dias depois 

—ENTÃO DECIDE, OU ELE OU EU. PORQUE EU ME RECUSO A VIVER NO MESMO TETO QUE O NAMORADO DA MINHA MULHER, ISSO NÃO EXISTE. —Justin gritou vermelho de raiva

—Justin por favor—Falei tentando manter a calma 

15 anos de meditação Kylie 

—POR FAVOR O CARALHO! 

—Para de gritar 

—VAI KYLIE DECIDE, EU OU ELE

—Justin não é tão simples assim

—O JUNIOR PEGA MINHAS MALA —Saiu gritando pra sala

—Como assim malas? —Perguntei indo atrás dele 

—Eu não vou ficar no mesmo teto que o namorado da MINHA MULHER —SE virou pra mim

—Por favor Justin, as crianças querem ficar perto de você 

—Eu venho visitar elas

—Se o papai for embora eu também vou —Junior disse parado na escada com Angel no colo

—Eu também —Kanye disse

—Eu também —Angel disse

—Não crianças, vocês tem que ficar com a mãe de vocês —Justin disse parecendo calmo

—Mais pai.. 

—Eu venho visitar vocês, eu prometo, mais vocês vão ficar aqui com a mãe de vocês. Agora me ajudem a fazer minhas malas —Justin disse e subiu as escadas 

—É você vai ficar aonde?—perguntei com ironia indo atrás dele

—Não sei se lembra, mais tenho casas espalhadas pelo mundo inteiro,principalmente em BH—Ele disse e entrou no quarto junto com as crianças batendo a porta na minha cara 

... 

—Justin por favor volta aqui —Falei seguindo o loiro que saia com suas malas

—Você escolheu isso Kylie! Eu te dei escolha. E pra deixar bem claro, não estamos separados, só não vamos morar no mesmo teto, você continua sendo minha esposa, e não vou pedir merda de divórcio nem um então nem pense nisso. Tchau crianças, venho buscar vocês mais tarde pra conhecerem a nova casa do papai —Justin disse e abriu a porta pronto para sair pela mesma mais.. 

—Eles não vão a lugar algum com você —Zayn disse com Angel no colo

Justin riu pelo nariz balançando a cabeça negativamente se virou pra nós, apontou pra crianças, apontou para seu membro, piscou pro moreno e saiu batendo a porta 

Segurei a vontade de rir pois a cara de Zayn estava incrível,mais a tristeza tomou conta de meu peito

—Valeu mãe, a gente só queria ficar nosso pai —Junior disse, pegou a Angel e subiu 

—Muito obrigada —Kan disse e ele a Queen subiram 

—Ótimo, agora estamos sós —Zayn disse, veio até mim, tentou me beijar mais eu desviei e subi as escadas em seguida me trancando em meu quarto. 

1 semana depois 

Acordei com o barulho do despertador, e logo tratei de ir me arrumar. Fui pro banheiro, fiz minha higiene matinal, tomei um banho rápido, sai enrolada na toalha, passei alguns produtos em minha pele pra deixar a mesma cheirosa e lisinha, vesti uma lingerie de renda branca, um vestido justíssimo branco comprido, calcei um salto alto branco, prendi meu cabelo loiro em um rabo de cavalo, sim estou loiríssima, fiz uma make carregada, peguei minha bolsa fui pra frente do espelho(1), e sorri com o resultado. Apesar de ser quase uma quarentona com 4 filhos, tô muito bem, e deixo muita novinha no chinelo. Dei uma última ajeitada na roupa, arrumei o decote e sai.

 Quando entrei na cozinha, encontrei as crianças tomando café junto com o Zayn, coloquei minha bolsa no balcão dei um beijo em todos e peguei uma maçã 

—Vai levar a gente pra escola mãe? —Queen perguntou 

—Vou querida, tenho que resolver algumas coisas na empresa, então vou ficar o dia fora, venham de ônibus e direto pra casa ouviram? —Falei e todos assentiram menos Junior que estava muito focado no celular,  e Zayn óbvio —Junior eu já falei que não gosto que mexam no celular Durante as refeições! 

—Desculpa —O mesmo disse guardou o celular e sussurrou algo no ouvido do irmão, que fez o mesmo sorrir 

—O que estão aprontando? —Perguntei e dei um mordida em minha maçã 

—Nada —Os dois falaram juntos segurando um sorriso 

—Também quero saber —Queen disse sorrindo 

—Na escola a gente conta —Kan disse e deu uma mordida em seu pão 

—Ah então vai ser assim? Bom saber. Vamos, estão atrasados —Falei peguei minha bolsa e dei um selinho no zayn

Eles se levantaram  pegaram suas mochilas, Angel deu um beijo na bochecha de Zayn, segurou minha mão e nos 5 saímos. Entramos em minha Ferrari branca, estou sismada com branco hoje, e eu sai cantando pneu. Em menos de 20 minutos já estávamos em frente à escola, e pensar que eu não pude frequentar uma, eu estudava em casa,as crianças desceram, e quando eu desci gritos se tornaram presentes. Dei vários e vários beijinhos e um abraço nas crianças, e o bom é que eles não ligam, principalmente os meninos, pois eles dizem que os amigos deles me acham gostosa, então eles não ligam de serem beijamos por uma gostosa, mereço, quando as crianças entraram no prédio, voltei para meu carro e sai cantando pneu. Em 25 minutos mais ou menos, já me via em frete ao prédio preto espelhado escrito Kingdom West em dourado, minha cor favorita, mais antes passei no Starbucks. Desci do veículo, entreguei minha chave a um manobrista da empresa, fui pra dentro onde os funcionários me cumprimentaram, e fui para o elevador, e cliquei no botão para cobertura onde se localizava meu escritório. Quando as portas se abriram fui andando até a porta preta escrito King Kylie, fechei a porta e me sentei em minha cadeira preta de couro almofadada. 

A esqueci de explicar. Kingdom West  é a empresa do meu pai, onde comecei a trabalhar a um tempo 

      Justin Bieber Povs 

  Mensagem On

Junior: Pai

Junior: Painho

Junior: Paiiiiii 

Junior: Paiiiiiiiii 

Junior: Josten Breber 

Painhu: Que qui é? 

Junior: Tenho uma ótima notícia 

Painhu: Sua mãe se separou da lixo? 

Junior: Infelizmente não. A mamãe vai passar o dia inteiro na empresa, entaaao ..

Painhu: Vou poder foder com ela. Aaah mlk é por isso que eu te amo

Junior: Vou te passar o endereço da empresa.

   Mensagem Off 

Sorri comigo mesmo e corri pro banheiro. Tomei um banho rápido e corri me trocar. Vesti uma box preta, uma calça preta, calcei nikes brancos, vesti uma regata preta, uma jaqueta preta com as mangas de couro, coloquei um boné preto com a aba virada pra trás, coloquei um relógio de diamantes, borrifei perfume em minha pele e sai indo pra garagem. Subi em minha BMW preta, tirei o boné, coloquei o capacete, e sai cantando pneu. Depois de uns 15 minutos mais ou menos cheguei em frente à um prédio preto espelhado escrito Kingdom West. Tirei o capacete, coloquei na moto, coloquei o boné e desci indo em passos lentos até o balcão 

—Onde a senhora Bieber se encontra? —Perguntei olhando para a mulher que digitava em seu computador

A mulher me olhou surpresa e deu uma gaguejada 

—Cobertura —Falou e coçou a garganta 

—Valeu—Pisquei pra ela e fui pro elevador 

Os cochichos sobre mim me fizeram sorrir. Cliquei no botão para a cobertura e me encostei na parede. As portas se abriram, sai do cubículo de metal e fui em direção a porta preta escrita King Kylie que estava semiaberta. Bati na porta segurando na maçaneta e em seguida ouvi um entra da morena

—Empresa dahora—Falei entrando e fechei a porta 

—Justin? Tá fazendo o que aqui? —Kylie perguntou surpresa 

—ue, vim visitar a empresa da minha mulher —Parei na frente  da janela  de vidro onde tinha uma vista fodastica —Carai —Me virei pra morena, que não era mais morena—Ficou bonita loira amor

—Valeu, mais desculpa ser grossa assim é tals, mais eu tô ocupada, não quer voltar mais tarde? 

—Você parece cansada baby —fui até ela, e me encostei na mesa do lado dela

—Não é fácil cuidar de uma casa, quatro filhos, uma empresa, e manter a boa forma 

—Que tal relaxar? —A puxei pelo Braço com calma a encostei na mesa beijei seus lábios  e apertei sua mama esquerda a fazendo arfar baixo

—Justin por favor, eu estou trabalhando, e não posso fazer isso com Zayn 

—Relaxa amor, você precisa descansar, e foder com um homem de verdade, que sabe todos os seus pontos fracos —sussurrei a última parte em seu ouvido com a voz mais rouca e sexy o possível e apertei sua bunda com força a fazendo morder os lábios

—Me fode —pediu baixo em meu ouvido 

—Como? Fala alto, eu quero ouvir você pedindo 

—Me fode Justin, me fode como sempre fodeu, eu preciso te sentir dentro de mim

Sorri e ataquei seus lábios. Ela respondeu na hora e sua língua veio de encontro com a minha. Segurei a alça de seu vestido branco e desci o mesmo a deixando apenas com uma lingerie branca de renda. Caralho ela tá muito gostosa. Ela tirou minha jaqueta e a blusa, levou a mão dentro de minha calça e apertou meu caralho me fazendo soltar um gemido falho e sorrir. A coloquei sentada na mesa, abri o fecho de seu sutiã deixando seus fartos seios expostos e cai de boca em sua mama direita chupando como se fosse o último sorvete do mundo enquanto apertava sua mama esquerda e brincava com o bico a fazendo arfar e gemer baixinho.a deitei, Fui fazendo uma trilha de beijos até a barra de sua calcinha branca de renda, dei um beijo em sua buceta por cima do pano fino a fazendo soltar um gemido baixo e arquear as costas e tirei a única peça que a empedia de ficar completamente nua para mim com a boca sem tirar os olhos dos dela. Dei um beijo molhado em sua buceta rosada, chupei rapidamente seu clitóris imchadinho, e fui dando beijos e chupoes até sua boca iniciando outro beijo quente. 

—Espera —falou se levantou foi até a porta, trancou a mesma, voltou até mim pegou um telefone e apertou um botão

—Oi Senhora —Uma voz feminina disse do outro lado da linha 

—Oi Bren, é o seguinte, não quero ninguém aqui ok? — Kylie perguntou

—Sim senhora 

—Obrigada—

 Ela desligou a chamada, se sentou de volta na mesa abaixou minha calça e a cueca e começou a masturbar meu caralho duro feito pedra me fazendo soltar um gemido entre o beijo. A deitei de volta, e a pentrei de uma vez a fazendo soltar um grito alto e sorrir. Comecei a dar rápidas estocadas, Ela se apoio nos cotovelos soltando altos gemidos manhosos que se misturavam com os meus roucos e sem tirar os olhos dos meus. Céus ela continua apertada. 

—Awwn.. Isso Jus.. Isso.. Mais rápido —Gemeu manhosa 

Segurei em seu quadril e aumentei a velocidade das estocadas, fazendo a loira gemer ainda mais alto. 

Depois de um tempo, ela soltou um grito alto por alguns segundos anunciado ter chegado ao seu orgasmos, e três estocadas depois senti meu caralho engrossar. Sai de dentro dela e desejei meu líquido em sua barriga. Não posso correr riscos. Ela se sentou, me empurrou na cadeira, se levantou, e se sentou de frente em meu caralho, fazendo ambos soltarem um gemido alto. Ela colocou minhas  mãos em seu quadril, colocou as mãos em minha nuca e começou a kikar rápido em meu pau, fazendo ambos gemerem alto 

... 

Já era noite, e passamos o dia inteiro fodendo, eu realmente precisava disso, precisava me sentir dentro dela, precisava ouvi-la gemer meu nome, precisava dela, e agora estávamos deitados abraçados nus  no sofazino preto do escritório 

—Precisamos fazer isso mais vezes —falei fitando o teto

—Precisamos, mais não podemos 

—Kylie por favor, termina com ele, vamos voltar a ser o casal mais quente dos famosos, vamos dar a família que as crianças nao puderam ter. Por favor, volta pra mim, eu preciso de você, eu preciso do seu corpo —Virei seu rosto pra mim 

—Jus por favor, não vamos pensar nisso, vamos apenas aproveitar

—Tá —suspirei e desviei o olhar 

—Eu.. Tive uma ideia pra podermos fazer isso mais vezes

—Qual? 

—Hum.. Promete nao ficar bravo? 

—Fala de uma vez

—Você pode ser meu amante.. 

—Como é que é? 

—Ah sla 

—Você quer que eu seja seu amante? Mesmo que eu seja seu marido? 

— É.. Ah Justin você que sabe, pensa bem, vai ser mais.. Excitante 

Pensei por alguns segundos e até não parecia ser má ideia

—Ok, eu aceito ser seu amante 

Ela sorriu e me puxou para um beijo. A puxei para meu colo e ela se penetrou arrancando gemidos de ambos. Me sentei e ela começou a kikar sem quebrar o beijo. 

—Senhora, senhor Malik  e seus filhos estão subindo—Aquela mesma voz de hoje mais cedo disse no telefone

—Merda. Vai se trocar e se esconde. Vamos ver se você é um bom amante —Ela disse se levantou e correu se vestir

—Joga minhas roupas —Falei segurando o riso

Isso vai ser interessante

Ela jogou minhas roupas, eu me Levantei e me vesti. Ouvimos três batidas na porta e eu a olhei sorrindo com uma sobrancelha erguida

—Se esconde no banheiro, e não faz barulho —Sussurrou arrumando o cabelo —JÁ VOU 

Peguei meu tênis e minha jaqueta, dei um beijo rápido nela e fui pro banheiro fechando a porta

   Kylie Bieber Povs

Dei uma última ajeitada na roupa e no cabelo, arrumei a mesa corri até a porta e abri a mesma dando de cara com Zayn e as crianças

—Oi amores, entrem—falei sai da frente da porta e eles entraram

Angel pulou em meu colo e me deu um selinho rápido 

—Mãe, o que é isso no seu pescoço? —Angel perguntou 

—Isso o que amor? —Perguntei indo até a mesa 

Zayn seguro meu braço e olhou pra meu pescoço 

—Isso é um chupao Kylie? —Zayn perguntou me olhando sério

Merda Justin, já perdeu um ponto

—Que você fez —falei o mais natural o possível 

—Não me lembro de ter feito isso—Soltou meu braço

—Ontem a noite baby 

—Hum. Por que demorou tanto pra abrir? E por que está aqui até essas horas? 

—Tinha muita coisa pra resolver, mais já terminei 

—Entao vamos pra casa

—Vão indo pro carro, tenho que ir no banheiro 

—Tá 

Os 5 saíram me deixando sozinha, bom em tanto. Bati na porta do banheiro e em seguida a porta foi aberta e meu corpo foi puxado pra dentro 

—Ótimo, só perdeu ponto por causa do chupao —sussurrei encostada na porta

—Foi mal, prometo não fazer isso da próxima vez —Justin sussurrou  e veio até mim colando nossos corpos 

—Ele vai viajar por, 5 dias semana que vem —coloquei a mão em sua nuca

—Ótimo, 5 dias fodendo loucamente—Sorriu malicioso colocou a mão em minha cintura e mordeu meu lábio o puxando para si 

—Agora eu tenho que ir 

—Quando nos vemos de novo senhora Bieber?

—Amanhã na sua casa senhor Bieber? 

—Estarei te esperando. Use sua melhor lingerie 

—Uhun—O puxei para um beijo quente qual ele respondeu na hora—Saia daqui 5 minutos 

—Tá. Um último beijo 

Ri pelo nariz e ele me puxou para um beijo

 



Notas Finais


Opa querida, essa ideia, dele ser amante dela não foi minha, foi da nossa miga lienda JB1D98. Brigado mona
Gente, da uma olhadinha no final do último capítulo que eu postei(6) que eu dei uma mudadinha
(1) https://www.instagram.com/p/BNBgAPTBpZA/


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...