História (In)certo - Capítulo 14


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Personagens Personagens Originais
Tags Ameaça, Amor Não Correspondido, Empresa, Estágios, Romance
Visualizações 17
Palavras 1.218
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Festa, Ficção, Romance e Novela
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas da Autora


VOLTEI!! DESCULPEM A DEMORA E ESPERO FRANCAMENTE QUE VCS GOSTEM DESSE CAPITULO ♥

Capítulo 14 - Capitulo 14


Fanfic / Fanfiction (In)certo - Capítulo 14 - Capitulo 14

Quem era Phillip e que história é essa que eu não conheço? Saímos eu e Leon para procurar Amélia e Jasper foi à procura de Jordan. Talvez a merda feita tivesse como reverter. Talvez Jasper tenha saído e achado Jordan antes de Phillip e bem que eu poderia ter conseguido achar Amélia, menos bêbada.

— Vamos Leon, me ajuda — disse colocando um braço de Amélia em meus ombros e Leon fez o mesmo com o outro.  

— MELHOR FESTA — disse Amélia com a voz grogue, rindo de algo que realmente não tinha graça — ONDE ESTÃO ME LEVANDO?

— Phillip está aqui — respondi para ela — estamos te levando para seus namorados.

— Meus namorados? — ela estava tão louca que mal recordava que namorava. DOIS.

— Sim, seus namorados — falei — Você podia colaborar não querendo beber mais. Você tem sorte d’eu estar aqui.

— Você é um amor — ela disse rindo e se desequilibrando — Cadê as bocas?

— Que bocas?

— As que eu tenho que beijar — ela disse — quero bocas.

Andamos por vários lugares dentro daquela boate e nada de encontrar Jordan, Jasper e Phillip. Eu estava até com medo do que poderia acontecer caso acontecesse o que poderia acontecer. Eu estava nervosa, Amélia estava pesada, Megan tinha desaparecido e eu não podia nem gritar. Fomos em todos os cantos possíveis. Leon foi no banheiro masculino, NADA. Fomos até o palco, NADA. Fomos para o bar, e mais uma vez, NADA.

— Liza — ouvi uma voz me chamando, era Jordan — Finalmente te encontrei.

— Onde você estava? — perguntei desesperada — estamos tentando te achar já faz mais de meia hora.

— Estava conversando com Phillip — disse e meu coração parou por meros segundos

— Você estava com.. VOCÊ É MALUCO? — gritei com ele — Você por acaso viu o estado da sua NAMORADA?

— Estou legal. Estou legal — disse ela antes de cair e não acordar mais naquela noite.

— AMÉLIA — Jasper gritou — O QUE ACONTECEU?

— Provavelmente foi largada pelos dois responsáveis namorados dela em algum canto com Zoe e Ellie e depois, quando encontramos ela, estava encharcada e loucona — respondi e sorri ironicamente — Os rapazes tem algo para me dizer?

— VOCÊ DEIXOU ELA SOZINHA? — perguntou Jasper — EU IA APENAS NO BANHEIRO.

— Phillip disse que tinha que falar comigo e dai eu deixei ela com as meninas — ele respondeu

— VOCE DEIXOU NOSSA NAMORADA PARA IR FALAR COM SEU EX? VOCÊ É MALUCO? — perguntou Jasper alterado, e não era por bebidas, o que geralmente deixava-o assim — TITULO DE NAMORADO DO ANO.

— AH, MAS VOCÊ É UM ÓTIMO NAMORADO, NÃO? — Jordan se exaltou — NÃO PODIA ESPERAR MAIS UM POUCO PARA IR FAZER XIXI.

— É O QUE GERALMENTE AS PESSOAS FAZEM QUANDO ESTÃO APERTADAS — disse Jasper — VOCÊ NÃO PODIA DEIXAR ELA SOZINHA, BABACÃO.

— Garotos — tentei chamar a atenção deles. Aposto que se não estivéssemos ali, eles teriam se socado até sair sangue um do outro — VOCÊS QUEREM PARAR, PORRA?

— NÃO — disseram os dois em uníssono

— Okay — falei — Mas a namorada de vocês está desacordada. Ela odiaria saber que vocês cagaram para a existência dela.

Leon pegou Amélia e depois que eu disse, saímos andando até o carro. Os dois pararam de discutir, afinal, eu estava certa. Fomos até o estacionamento, colocamos Amélia no carro e quando iriamos entrar e finalmente sair dali — sem Megan e sem os meninos — eis que surge a figura mais inesperada da noite. Phillip.

— VOCÊ NÃO OUSE CHEGAR PERTO DELE DE NOVO — disse Jasper indo em direção ao garoto

— Ei, calma ai fortão — disse Phillip — que mal tem eu ficar perto de Jordan? Ele é tão atraente.

Jasper não conhecia a palavra calma e paciência. Com ele era tudo na base da porrada e dos xingamentos. Jasper não conhecia limites também, achava que era o centro da razão e do poder. Achava, na maioria das vezes, que tudo era pra ele e por ele. Alguém tinha que dar um choque de realidade antes que ele morresse de tanto brigar.

— Você não se intrometa na vida de um cara comprometido. Não ligue, não chegue perto, não olhe — Jasper falava cada vez mais perto.

— PARA JASPER — disse Jordan — CHEGA.  Ele não fez nada de mais, para de ser ridículo. Ou pare apenas de agir como um idiota.

— Você vai ficar conversando com ele? — disse Jasper indignado

— Vou — disse Jordan — Para de ser babaca. Você sabe que eu amo você e a Amélia. Conversar com alguém não quer dizer trair. Reflita.

— Você é um.. é um...

— Venha Jasper — chamei-o — Temos uma namorada inconsciente aqui.

Ele veio estressado. Falou para si mesmo que isso não ficaria assim. Mas, pelo que eu conheço desse trio, eles vão acabar se desculpando, Jordan vai pagar um motel luxuoso para os três e eles vão ter uma noite de sexo selvagem.

Fiquei me perguntando onde Megan estaria. Se ela ficou trancada no banheiro. Se alguém chamou ela e ela está beijando agora alguma pessoa daquela festa. Se o tal John convidou-a para sair, via mensagem, daquele lugar lotado. Ou ela poderia ter voltado embora e estaria tomando um bom copo de achocolatado.

O caminho foi normal, tranquilo. Eram quase uma da manhã já, então obviamente o transito não seria tão estressante. Chegamos no estacionamento, Leon me ajudou a levar Amélia até o apartamento e então fiz algo para comermos, decentemente.

— Eu não acredito que ele fez isso — disse Jasper sentado no sofá

— Hey — disse — Você ama ele?

— Muito — ele respondeu — E olha que é difícil eu amar alguém.

— Você confia nele? —perguntei novamente

— Nele sim, não confio naquele Phillip — disse ele — Ele é tão mais bonito que eu.

— Francamente, Jasper, vai se fuder — falei — Você é lindo, você é divertido e você é dele. Dê um tempo pro babacão pensar no erro que cometeu e vá levar um copo de agua e uns comprimidos para sua namorada lá no quarto.

— Você tem razão — disse ele — e olha que eu nunca concordo com ninguém. Obrigada Liz.

— Precisando, estou aqui — nos abraçamos rapidamente e fui para a cozinha.

— Você leva jeito — disse Leon — Mantem a calmaria. Sabe o que dizer no momento certo.

— Às vezes são só eles por mim — falei — Algumas vezes sou apenas eu por todos de uma vez.

Coloquei um pouco de vinha em taças e começamos a conversar sobre como aquela festa foi um desastre e então escutamos barulho da porta. Poderia ser Jordan ou Megan. Opção dois, correta.

— Onde você estava? — perguntei assim que a vi — Fiquei preocupada.

— Bom. Estávamos nos divertindo, dai fui ao banheiro e depois meu celular apitou. John me levou para um parque, depois saímos para comer e depois ficamos rindo em uma praça — ela disse — Foi muito melhor do que ver todas aquela pessoas bêbadas se beijando.

— Porque não pensamos nisso? — perguntou Leon e eu corei

— Porque nós nos divertimos juntos — disse e sei um soquinho leve em seu ombro — Obrigada por ter ido. Agora, vamos comer alguma coisa.

— Olha, quero — ele disse e fomos para a cozinha.  

Ficamos até tarde rindo, comendo e contando como foi a noite um do outro. Jasper dormiu com Amélia essa noite, não voltaria tão cedo pra casa de Jordan. Jordan apareceria cedo, pelo que conheço, e traria novidades pelo que sei.

Leon foi embora quase três e meia. Então eu e Megan fomos dormir meia hora depois que ele saiu. Talvez tenha sido uma noite muito intensa, maluca e cheia de álcool — para a Amélia, é claro. 


Notas Finais


até o proximo ♥


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...