História Incesto (Suga) - Let Me Know - Capítulo 15


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Personagens Originais, Rap Monster, Suga, V
Exibições 221
Palavras 464
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Colegial, Drama (Tragédia), Escolar, Famí­lia, Hentai, Romance e Novela, Shoujo (Romântico)
Avisos: Álcool, Estupro, Heterossexualidade, Incesto, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Oiie, voltei!!
Me desculpem a demora irei explicar o porque nas notas finais! Boa Leitura e me desculpem qualquer coisa!

-Bolinho

Capítulo 15 - O Grande Segredo...?!


-ANTERIORMENTE-

-Ah... oi Marcia- Disse olhando ela.

-Olá Haru, então eu vim aqui para dizer que...

-CONTINUANDO-

-...Você vai voltar comigo- Disse ela e alguém por trás de mim botou um pano cobrindo a minha boca e meu nariz. Aos poucos meus olhos foram pesando e eu dormi.

~QUEBRA~DE~TEMPO~

Acordei sentada em uma cadeira, com as mãos amarradas na cadeira e os pés também. Estava com um pano em minha boca e algo saía do meu nariz, acho que é sangue. Olho o quarto todo e vejo apenas uma cama, uma cômoda de madeira e uma porta. Tento tirar o pano de minha boca, mas foi uma tentativa falha. Começo a me mecher na cadeira e a porta é aberta. E aparece quem eu menos queria ver... Jimin.

-A Bela Adormecida acordou? Que ótimo, estava com saudade de brincar com você- Disse ele com um sorriso malicioso vindo em minha direção. Mas antes que ele pudesse encostar a mão em mim a porta é aberta revelando a Marcia- Aquela desgraçada... e eu achando que ela era a boazinha, mas pelo visto não -Pensei e fiquei a olhando caminhar até a minha frente.

-Finalmente acordou... espero que seus pais cumpram com o trato- Disse ela, pegou uma faca nas mãos e disse:

-Mas que pena... terei de te machucar um pouco- E fez um corte fundo em minhas coxas e braços -Agora você pode fazer o que quiser com ela- Completou ela e saiu do quarto. Comecei a chorar, não de dor e sim de desespero.

-Vamos continuar- Disse ele e deu uma piscadinha para mim.

Ele desamarrou da cadeira as minhas mãos e meus pés. Me pegou no colo e me levou até a cama. Me deitou e amarrou na cabeceira as minhas mãos e amarrou meus tornozelos juntos. Ele começou a levantar minha blusa e dar selinhos na minha barriga. Tirou/rasgou a minha blusa e começou a beijar a parte descoberta dos meus seios. Tirou o sutiã e começou a brincar com meus seios... ele lambia e dava mordidas em um e o outro massageava. E eu cada vez mais chorava silenciosamente. Ele tirou meu short e minha calcinha. Ele lambeu dois dedos e enfiou um... depois o outro e eu só sabia gemer de dor e chorar. Ele lambeu meu clitóris e depois chupou, me fazendo arquear as costas. Ele tirou sua blusa e sua calça junto com a sua cueca. Ele enfiou o membro devagar me fazendo gemer um pouco mais alto. Ele começou com os movimentos de vai e vem, ele gemia em meu ouvido e eu chorava cada vez mais. Ele começou estocar mais forte e depois de umas 15 estocadas fortes ele se desfez dentro de mim. Ele se vestiu e me vestiu também. Me colocou de volta na cadeira como eu estava, saiu do quarto e eu apaguei.

-CONTINUA-


Notas Finais


Gostaram?
Ta curto? Tá... mas existe uma explicação.
1- Essa semana foi de prova e por isso eu não postei, mas hoje eu consegui um descanso e escrevi o que eu tinha na mente. Por isso não ficou grande.
2- A partir de sábado a história toma um novo rumo que eu organizei em minha mente!
Obrigada por lerem e até sábado 😘

-Bolinho


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...