História Incógnita - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Personagens Originais, Rap Monster, Suga, V
Visualizações 3
Palavras 1.174
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Aventura, Colegial, Drama (Tragédia), Famí­lia, Romance e Novela, Suspense
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Espero que gostem! Uma boa leitura á todos! Vocês são demais! 💙💚💛

Capítulo 1 - Quem é ela?


Dia 25/02/2017, 06:30 AM

A tão esperada volta às aulas chegou, e eu estava super normal até então. Reencontrar os amigos sempre foi uma boa, mas lembrar que agora sou 2° ano não é tão empolgante. Mais trabalhos e pesquisas cansativas e mais professores idiotas, fora isso, é uma maravilha! Me despeço dos meus pais e saio, pego o ônibus e depois de aproximadamente meia hora, estou em frente á escola. Procuro meus amigos e não acho, com certeza devem estar atrasados como sempre. O único que vejo é o Fernando, o garoto idiota que sempre se achou o tal, e agora deve estar pior. O portão abre e nenhum deles chegam, ainda tem 10 minutos pra eles chegarem e finalmente chegam. O Jimin, bom, está com um estilo totalmente diferente do ano passado, mais vergonhoso eu diria. Uma bota de Campo, Uma calça rasgada e manchada, a farda da escola e o cabelo rosa. Parecia ter vindo de um filme infantil. O Kook? Está como sempre, Simples e Perfeito como ele diz. 

S- Finalmente! - Falo apertando a mão de cada um.

J- Demoramos um pouco mas chegamos. - Diz o Jimin olhando ao redor e já dando as primeiras paqueradas.

S- Você não perde tempo mesmo! - Digo sorrindo enquanto mudo a música que estou ouvindo, acho que Fire é mais legal, por isso é minha música preferida. Olhando atrás do Jimin logo percebi que está entrando alguém, e é gente nova, sinto cheiro de longe. A cabeça abaixa, mochila nas costas, livros na mão e vermelho no rosto. Lembro de quando cheguei aqui. E era uma garota, muito linda inclusive. Seus olhos eram castanho-escuros, o que eu acho lindo. Sua bochecha era corada naturalmente, era perfeitamente linda. 

Então alguém coloca o pé em sua frente e ela caí no chão. Seu celular se quebra em pedaços enquanto ela tenta consertar de alguma forma, seus livros voam pra longe. Fico indignado. A música só ajuda á crescer a raiva que sinto dentro de mim enquanto vou em sua direção, Ajudando a recolher os livros. Então levanto, foi o Fernando, ele que colocou o pé em sua frente.

S- Agora ajuda a garota, seu babaca! - falo enquanto olho para ele. Ele vira com uma expressão de ironia, ninguém esperava isso de mim, nunca cheguei a brigar. Só uma vez, ou duas, ou 200. 

F- E quem vai me obrigar? - Ele fala enquanto se aproxima de mim. O fato dele ser mais alto que eu não me amendronta nem um pouco. - Você? - Ele ri enquanto olha ao redor, todos riem juntos. A menina finalmente se levanta. Preciso dar um jeito nesse garoto.

S- Adivinha? - Falo enquanto dou um soco na sua cara, acertando o seu olho que logo incha.

F- Agora você vai ver - Ele fala e desfere dois socos em mim, e erra os dois. Chuto sua perna e ele cai no chão, enquanto pego seu celular e coloco no chão, pisando-o.

S- Deixa a garota em paz. - Falo enquanto viro em direção á ela, que está me olhando estranha. - Obrigada! Ela diz enquanto vira e vai embora. O Jimin logo ri de mim, enquanto o Kook está perdido em seus pensamentos.

J- Queria um beijo, herói? - Ele fala enquanto ri, e finalmente todos se despersam. 

S- Claro que não! Só esperava algo mais. Quer saber? Foda-se! Não fiz isso por ela, faria por qualquer pessoa.

K- Aham - Diz o Kook enquanto olha pra mim. O sino toca e precisamos ir pra sala. Então, o Auto-Falante diz: 

- 2° Ano A na sala 3, por favor. - Ao ouvir o Jimin fica besta. Não acredito que ainda tem essa queda por essa voz do Auto-Falante. Um ano aqui e nunca sabemos quem é a mulher por trás.

J- Amor da minha vida! - Fala o Jimin virando para os Auto-Falantes. As vezes eu acho que ele tem problemas; Quase sempre eu tenho certeza.

Enquanto vamos para a sala 3 Vejo a tal menina entrando na sala do 1° Ano A. Baixo a música e entro na sala.

Após ouvir vários discursos de vários professores falando a mesma coisa de sempre, finalmente é hora do intervalo. Aquela menina não saí da minha cabeça, enquanto o Jimin fica tagarelando que eu estou apaixonado, FDP! Ao sair da sala vamos pegar a merenda e sentar, que está muito boa hoje, inclusive. Meu prato preferido: Batata doce com galinha, hmmmmm! Nós sentamos no lugar de sempre e 2 mesas a frente de nós senta ela. Sozinha. 

K- Vai lar falar com ela! - Diz o Kook de boca cheia enquanto o Jimin coloca o fone de ouvido e arranca a colher da minha mão, me forçando a ir. Levanto calmamente, pego o meu prato e a colher de volta, e ando em direção á sua mesa. De início ela não percebe que tem alguém se aproximando, está muito concentrada lendo Convergente, amo esse livro. Sentei em sua frente e dou um leve toque em seu braço, ela me olha e trava.

S- Olá! Tudo bem com você? - Falo tentando parecer o mais natural possível, não querendo assusta-la. - Tá tudo bem comigo não precisa se preocupar. - Ela fala levantando da mesa para sair, mas eu não permito.

S- Espera! Não se assuste comigo! Eu não mordo, depende da ocasião. - Falo abrindo um sorriso vergonhoso, ela sorri e diz que Realmente precisa ir.

S- Me fala pelo menos seu nome! - Digo enquanto também me levanto 

L- Luna. - Ela diz e Finalmente sai pegando suas coisas. Eu não entendi porque me evitou, só sei que era extremamente linda. Pego o meu prato e volto para a mesa dos meninos. 

J- Iai? Quando vai sair o beijo?

S- Ela nem sequer quis dizer seu nome, só disse porque eu perguntei. 

K- E qual é? - Pergunta o Kook curioso enquanto o Jimin tira o fone de ouvido.

S- Luna. - Falo enquanto o Jimin olha pra mim com um sorriso e fala:

J- Arrasou! Seria meu nome se eu nascesse menina. Já ia nascer causando! - Fala o Jimin sorrindo enquanto mexe seu cabelo para um lado e para o outro. O Jimin tinha muito talento para ser YouTuber mas ele nunca quis, diz que é muito sincero pra isso. As únicas coisas que ficavam na minha cabeça era sua voz, seu nome, e seu gelo. Porque ela me evitou? Aliás, porque ela evita todo mundo?

S- Quer saber? Foda-se. Ela não é a única crush que eu tenho não.

K- É assim que se fala! - Diz o Kook enquanto come a galinha, até tinha esquecido de comer!

J- Um dia, ainda conhecerei o amor da minha vida. A voz do Auto-Falante! - Fala o Jimin olhando para o teto como um retardado. O Kook e eu nos olhamos rindo da sua cara enquanto ele finge que está chorando. J- Não aguento mas essa dor! Amor, apareça para mim! Preciso do seu corpo! - O Kook solta uma risada enorme enquanto eu fico morrendo de Vergonha. Onde foi que eu arrumei esses amigos mesmo em?


Notas Finais


Obrigado por ler, espero que tenham gostado! Vou tentar postar o próximo capítulo o mais rápido possível!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...