História Indecisão - Capítulo 4


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Personagens Personagens Originais
Tags Aluna, Hentai, Originais, Professor, Yaoi, Yuri
Exibições 19
Palavras 1.083
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Drama (Tragédia), Hentai, Romance e Novela, Yaoi, Yuri
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Estupro, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas do Autor


Oiie meus amores !
Obrigada pelos 3 favoritos , já amo vocês , isso me deixa mais inspirada para fazer cada capítulo bom o bastante para que vocês tenham a gratificação de ler .
Mas vamos logo pro que interessa
Boa leitura
Amo vcs 😍😍😍

Capítulo 4 - Ninguém pode saber


_Eu ... não tenho nada contra ela , Diretor . - disse nervoso e acho que o Roberto percebeu .

_Rodolfo , sabe que quando estamos sozinhos pode me chamar apenas de Roberto apesar de tudo ainda samos irmãos . - ele acha que vai me convencer de falar para ele que também estou apaixonado pela Camilly , ele me contou que estava apaixonado a alguns meses atrás , ele trabalhou até tarde e quando saiu bebeu de mais e me confessou isso logo quando chegou em casa gritando que a amava .

_Roberto você sabe que eu não gosto das atitudes dela dentro de sala , ela se senti superior a mim . - vi a expressão do rosto dele mudar , ele supirou aliviado.

_Irmão juro que meu coração já estava na boca por achar que você sentisse o mesmo que eu sinto por ela - ufa , consegui o convencer , se ele desconfiasse eu estaria morto com certeza , ele me demitiria só por eu gosta dela e eu não poderia fazer nada , isso é proibido.

_Agora posso ir mano ? Tenho que dar aula na 1007 . - falei já abrindo a porta - Tchau até daqui a pouco . - irei direto para casa despois que meu expediente acabar ainda estou sentindo a adrenalina de quase ser demitido e para piorar na primeira vez que vou a direção para tratar de coisas de trabalho , chega até ser engraçado .


~ Lorran ~


Meu pai me trocou de escola apenas porque estavam desconfiando que eu era filho de um traficante . 


_Pai para que você me colocou naquela merda de escola de riquinhos , sabe que não gosto dessas pessoas de nariz em pé são tudo um nojo . - disse pra ele já nervoso , odeio quando ele toma decisões por mim , já tenho 17 anos sou bem grandinho para decidir minhas coisas . QUE RAIVA . - eles se sentem superior a mim dá vontade de atirar no meio da cabeça de cada um deles .

_Olha , você não venha encher meu saco hoje não em porra !! Parece uma menininha , VIRA HOMEM , CARALHO ! - disse já gritando - pode dá tiro na cabeça de quem você quiser mas não deixe rastro de que foi você , porque na escola que você estava tu foi muito burro de não ter matado aquele muleke que você disse ser seu amigo e que quase te traiu se não fosse por mim neh , agora você tem junto a você , o James , ele não irá te trair e irá te ajudar a aprender porque você tomará conta de todas as favelas no meu comando , ta entendendo Filho ? - perguntou depois de jogar um dos meus erros na minha cara.

_Já é Pai . Farei direito dessa vez - disse confiante olhando para James , sei que ele me ajudará mas mesmo assim e chato pra caralho ter um homem atrás de você 24 horas por dia .

_Você sabe que ninguém pode saber que você é meu filho então tome cuidado , ta ? - disse preocupado , ele tem medo de que os seus inimigos me matem.

_Claro , Pai - digo o tranquilizando. 


(...) 


Hoje é meu primeiro dia de aula naquela escola nojenta de PlayBoys e de Patricinhas de merda , to boladão já !

Cheguei na escola , um bando de animais passaram correndo do meu lado e acabaram me fazendo esbarrar em umas das patricinhas desse merda de escola mas quando eu olhei pra ela , nossa !! é a garota mais linda que já vi ( não acredito que pensei nisso , já estou infectado )


_Não olha por onde nada não - disse sem me olhar então decidi ser gentil e comecei a ajuda la a catar seus livros que haviam caídos no chão quando eu sem querer a esbarrei , mesma ela sendo grossa eu a ajudei , ela fez algo comigo ( meu deus , isso não pode acontecer comigo )

_ _Me desculpa , eu estava distraído quando uns meninos passaram correndo , acabaram me empurrando e eu acabei esbarrando em você . Se machucou ? - nossa , acho que estou sendo gentil demais nem pareço ser eu mesmo , isso nunca aconteceu comigo e só agora percebi que ela me olhou .

_Eu es...tou bem - ela ficou paralisada - No..vo aqui ? - ela está nervosa com minha presença , mandei meu melhor sorriso . 

_ Sim , prazer Lorran - estendi a mão em comprimento , ela demorou alguns segundos mais a segurou 

_Prazer só na cama - deu uma piscadela , nossa ! Essa menina me encanta , ela não é igual as outras e pela primeira vez na minha vida estou sentindo meu rosto queimar ( eu estou com vergonha ) - Camilly mas pode me chamar de Milly .

_Gostei de Milly - ela abriu um sorriso tímido que eu já amo ( eu estou muito meloso , que nojo ! )

_ Quer ajuda para encontrar sua sala ? - eu sabia onde era mas eu queria ela próxima de mim

 _Se você puder, irei adorar ter sua compania . - joguei todo o meu chame

_Claro que posso , Qual sua turma e sala ? - disse envergonhada , que fofa !

_ Turma 2002 , Sala 12 . - ela pareceu ficar mais feliz 

_Pelo jeito o destino está a nosso favor , a sua turma é a mesma que a minha - o sorriso que ela estava dando era lindo

_Já amo estudar nessa escola - eu disse dando um grande sorriso .

_Vamos se não iremos nos atrasar mais do que já estamos atrasados. - ela disse e saiu andando em direção a nossa sala .


Chegamos na sala , já havia um professor então a Milly bateu na porta que já estava aberta e chamou a atenção do professor que vem em nossa direção com uma cara de poucos amigos , eu comecei a olhar para os meus pés , não sei porque.


_Isso é horas de chegar ? - perguntou para Milly - e você quem é ? - olhou para mim com raiva na mesma hora eu o olhei dentro dos olhos .

_Eu sou o aluno novo - digo confiante e o professor abriu espaço para que eu entrasse , assim fiz . Mas não entendi quando olhei para trás e ele estava fechando a porta na cara de Milly a proibindo de entrar .


Notas Finais


O que o amor faz com uma pessoa , hem !! O Lorran mudou da água pro vinho .
E caramba os irmãos apaixonados pela Milly .
Fiquem ligados tem muitos segredos a serem descobertos .
Se gostar favorita e comentem o que acharam .
E Obrigada novamente .
Capítulo aprovado ?


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...