História Indeléveis, Midnight City - Capítulo 4


Escrita por: ~

Exibições 27
Palavras 401
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Crossover, Drama (Tragédia), Ecchi, Fantasia, Ficção, Hentai, Romance e Novela, Saga, Sobrenatural, Steampunk, Terror e Horror, Universo Alternativo
Avisos: Álcool, Drogas, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Sexo
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


(Unidade 3301 na foto)

Capítulo 4 - Cap 4


Fanfic / Fanfiction Indeléveis, Midnight City - Capítulo 4 - Cap 4

Pov Salem

Quando fico sozinha gosto de ir até uma Colina ou morrinho que tem perto de casa, daqui posso ouvir minha própria respiração e pensar em paz.
Depois voltei para casa, dei boa noite pra minha mãe e minha irmã depois que jantei e subi para o quarto. E naquela noite eu tive um sonho...

Sonho On
Música (Zhu-Faded)

Eu estava sozinha numa sauna de banho sozinha relaxando, estava tudo calmo e confortável, mas tive a impressão de estar sendo observada e abri os olhos, olhei em volta mas não vi nada. Continuei passando aquele óleo de amêndoas pelo corpo quando senti uma mão masculina e forte me puxando pelo quadril e me encostar nele, gritei de susto mas quando virei com medo eu vi ele. Era Dean o maldito professor de Química que parecia me hipnotizar com aquele olhar intenso.Tentei me proteger e sair correndo mas ele me puxou pelo braço e sussurrou umas palavras estranhas no meu ouvido - Neshama sheli -oq fez meu corpo todo se arrepiar , e então eu senti um calor quando seus labios quentes encostaram nos meus. O beijo era gentil e agressivo,lento e rapido. Tentei me soltar mas me entreguei quando senti suas mãos envolvendo minha cintura e seus labios quentes e úmidos descer pelo meu pescoço e me morder. Um arrepio subiu pela minha espinha e soltei um gemido de prazer. Eu aproveitei e desci minhas mãos pelo seu corpo músculoso, conforme ele me beijava e se aproveitava do meu corpo nu,aquela sensação era única,uma sensação de quero mais. E como se ele estivesse escutado meus pensamentos,ele levantou minhas pernas e me encostou na parede morna que pingava gotas de água quente atrás de mim e me segurou no colo.  Quando senti seu sexo duro e pulsante entrar em mim,gemi de prazer...Aqueles olhos escuros parecia penetrar a minha alma, sua face era de dor,de um agonizante prazer que me fazia delirar,quando senti o climax chegando pendi a cabeça para trás e senti ele ejaculando em mim,e foi quando eu gozei também e gemi mais alto.
Eu mal conseguia ver o rosto dele agora,ele voltou a sussurar aquelas palavras estranhas e sexy no meu ouvido, quando ele voltou a me beijar eu senti uma onda de choque percorrer o meu corpo,e foi quando eu senti e vi chiifres saindo de sua cabeça...Sim,chifres. [...]

Sonho Off

Acordei na madrugada ofegante e suada.

   


Notas Finais


Por favor não se assustem.
Omg hauahaus


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...