História Indesejada - Capítulo 36


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Personagens Personagens Originais
Tags Amizade, Colegial, Drama, Família, Incesto, Mistério, Novela, Originais, Original, Passado, Revelaçoes, Romance, Suspense, Triângulo Amoroso
Exibições 51
Palavras 713
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 14 ANOS
Gêneros: Aventura, Colegial, Comédia, Drama (Tragédia), Escolar, Famí­lia, Mistério, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Suspense, Violência
Avisos: Incesto, Linguagem Imprópria, Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas da Autora


Eu sei! Eu sei! Muitas perguntas!
Por que Henry não falou nada sobre o beijo dele e Stela logo de cara?
Por que ele mudou de assunto?
Henry gosta de Stela?
QUE DIABOS ESTÁ ACONTECENDO?
Se vocês estão confusos imaginam Elizy.... Pobre Elizy...
É por isso que vamos investigar o que está acontecendo!

Capítulo 36 - Investigando sentimentos -Parte 1


Já se passaram alguns dias desde a competição e digamos que eu tenho evitado falar com Henry, não estou fugindo, estou evitando-o. Estamos na pausa entre aulas e eu estou escondida na porta da sala de aula vendo Henry e Stela conversando no corredor. Os dois estão muito sérios, me pergunto qual deve ser o assunto para Henry estar tão tenso. Será que ela está se confessando? O que está acontecendo entre esses dois?

—Escondida de novo? –Kaius perguntou ao meu lado.

—Eu não estou escondida... Estou investigando... –falei mantendo os olhos nos dois conversando no corredor.

—Você sabe que vai ter que falar com ele mais cedo ou mais tarde, né? Ele precisa das suas músicas...

—Eu sei.

—Então...?

—Kaius, você acha que o Henry gosta da Stela? –perguntei.

—Está com ciúmes dele?

Me virei rapidamente para respondê-lo e encontrei seu rosto bem próximo ao meu.

—Quase me mata de susto. –falei colocando a mão sobre o peito.

—Eu que devia levar susto com essa sua cara. –rosnou.

Mostrei-o meu dedo do meio e voltei para minha investigação.

—Está incomodada pelo beijo que aconteceu aquele dia? –ele perguntou.

Assim que ouvi a palavra “beijo” me lembrei da cena que Henry fez em meu quarto. O que foi aquilo logo depois de beijar a Stela? Não, espera, de qual beijo...

—Qual beijo? –perguntei envergonhada.

—O que a Stela deu nele, oras...

—Ah... –suspirei aliviada.

—Se você está tão incomodada pergunta pra ele ué.

—Eu até comentei, mas ele acabou mudando de assunto.

Henry desviou o olhar de Stela e Kaius me puxou rapidamente para dentro da sala para que ele não me visse.

—Eu te disse desde o início que ele é encrenca. Você tem que saber que está competindo com praticamente todas as garotas desse lugar. –Kaius falou com as mãos em meus ombros.

Uma imagem das garotas do fã clube de Henry passou pela minha mente, elas possuíam um sorriso amedrontador no rosto, sacudi a cabeça tentando tirar aquela imagem terrível da minha cabeça.

—Competir? –perguntei.

—Lógico. Você fica a maior parte do tempo com ele quando ele está por aqui, as garotas que gostam dele ficam com ciúmes, elas vão jogar sujo com você. –ele falou soltando meus ombros e puxando uma cadeira para se sentar em minha frente.

—Por que você está tentando me ajudar?

—Não estou. –respondeu friamente – Se algo acontecer eu serei o primeiro a rir da sua cara.

—Você, sinceramente! –disse fingindo que ia bater nele.

Kaius me observou de braços cruzados.

—Você devia ter me ouvido e mantido distância dele, agora seus problemas só vão piorar... Mas pelo menos isso em você não mudou, você nunca me ouviu, sempre se meteu em encrenca. Você se afogou no lago aquela vez porque não me escutou.

 

________________________________________________________________________________________

 —Elizy, você não sabe nadar então não fique na beirada de lugares que têm água, é perigoso, okay?

Está certo, Kaius me avisou para não ir e mesmo assim eu fui e acabei caindo.

________________________________________________________________________________________

 

—Oh... –Kaius arregalou os olhos quando percebeu o que havia acabado de falar.

Coloquei a mão em minha cabeça, foi uma pequena fisgada a memória foi bem curta.

—Você tem razão. –concordei sorrindo.

—Não era dessa vez que ia me ouvir não é? –ele riu também – De qualquer forma, acho que Stela vai ser o menor de seus problemas... Como Henry ganhou a competição você vai ter que ficar mais tempo com ele por causa das músicas.

—Pois é, acho que vou mesmo.

—Então todas elas vão fazer de tudo para te separar dele. Entendeu no que se meteu agora, “senhora confusão”? –perguntou de forma azeda.

Fiz uma careta. Stela passou entre nós dois sem nos olhar.

—Elizabeth, um garoto está te chamando ali fora. –um colega de classe disse passando por mim.

Segurei-o pelo braço.

—Por acaso, é o Henry? – cochichei.

—Não... É um garoto com cabelo esquisito.

É o Matt.

—Tão popular. –Kaius disse me provocando.

Saindo da sala me deparei com Henry.

—Ah, eu estava te procurando. –ele falou se aproximando.

Matt parou em minha frente ignorando totalmente Henry ao seu lado.

—Pode matar o resto da aula? –Matt perguntou.

Corri meus olhos dele para Henry que nos observava.

—Por que exatamente? –perguntei aflita.

—Para ir à minha casa. –respondeu sem preocupação.


Notas Finais


:3 até amanhã!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...