História Indo Para Outro Mundo - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Naruto
Visualizações 61
Palavras 1.581
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Ação, Artes Marciais, Aventura, Crossover, Ecchi, Fantasia, Harem, Magia, Shounen, Sobrenatural
Avisos: Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Quando postar o segundo capítulo irei botar a outro anime no qual será o mundo onde Narutin irá

Capítulo 1 - Capítulo I


 

Capítulo 1 Prólogo


"Que merda" - eu murmurei enquanto fitava o céu - "por que eu tinha que dar uma de herói ?" - murmurei novamente me forçando a olhar para o lado, vi que a mulher que acabara de salvar estava bem, estava apenas desmaiada e tinha um aglomerado de pessoas em minha volta.


Enquanto estava com a cabeça virada para o lado, pude ver que o chão estava cheio de sangue, meu sangue. Dei um suspiro cansando e voltei a olhar para o céu, estava nublando, parece que irá chover...


Isso é meio clichê, um estranho salvando alguém de um atropelamento e chovendo em seguida, mas algo me surpreendeu, começou a nevar. Sorri um pouco, eu gostava da neve, ela fazia me lembrar da minha irmã.


Escutei um gemido do meu lado, voltei meu olhar para a mulher, ela parecia estar acordando, voltei a fitar o céu novamente vendo os flocos de neve caírem, Deus como eu gostava disso, e com esse ultimo pensamento apaguei.


O estranho era que eu não me sentia morto, abri meus olhos e me deparei com a escuridão, passei a fitar o local e era todo escuro.


"Olá" - escutei uma voz feminina falar, olhei na direção de onde veio a voz e vi uma mulher, era ruiva e seus olhos eram vermelhos com a pupila em fenda, ela tinha orelhas e nove caudas, ela era real? - "Se sou? Sim eu sou real" - ela pode ler mentes ? - "sim posso ler a sua mente".


"Ok isso é estranho" - eu falei não dando muita importância- "Então, onde eu estou" - eu perguntei para ela, eu não fiquei surpreso quando ela começou a levitar e me rodear.


"Esse é meu mundo, apesar de não ter um nome" - ela falou agora parada em minha frente.


"Por que me trouxe aqui ?" - eu perguntei curioso, eu não estava achando estranho, já vi muita coisa maluca na vida.


"Achei você interessante" - ela falou começando a me rodear novamente - "e por isso quero te fazer uma proposta" - eu levantei uma sobrancelha, nada de bom vinha disso.


"Que tipo de proposta ?"


"Gostaria de ir para outro mundo ?" - ela me perguntou com um sorriso, eu inclinei minha cabeça para o lado, como assim ir para outro mundo ? - "Você pode escolher, o mundo que deseja" - ela falou me deixando surpreso, ela era algum tipo de deus ? - "algo do tipo" - ela falou, provavelmente lendo meus pensamentos de novo.


"Qual a pegadinha ?" - perguntei desconfiado e notei que ela aumentou o seu sorriso.


"Não há pegadinhas" - ela falou - "sabe, no seu mundo é bem entediante, não acontece nada, então pensei que observar alguém em outro mundo seria interessante" - ela falou voltando a flutuar pela escuridão enquanto eu a acompanhava com os olhos - " Apenas escolha"


Eu parei para pensar, já que eu morri não tem por que recusar, então comecei a pensar, pensei e pensei, porém vinham vários mundo em minha mente, era uma escolha bem difícil... muito difícil.


"Tá, se eu escolher um desses mundos, que tipo de poder eu vou ter?" - eu a perguntei, não quero chegar lá e ser um inútil.


"Dependendo do que você escolher, eu posso ser sua arma ou poder" - ela falou me deixando curioso, como assim arma e poder ? - "Suponhamos que você escolha o mundo de bleach, eu seria sua zampakutou - eu entendi o que ela quis dizer, mas esse negócio de ler a mente era do caralho.


"Pois bem, eu gostaria de ir para o mundo..." - eu falei a ela que sorriu e parou em minha frente.


"Escolha interessante, pois bem agora precisamos fazer o contrato" - eu ia perguntar como se faz esse contrato quando ela me beijou de repente me deixando surpreso, não estava esperando esse tipo de coisa - "contrato feito" - ela falou.


"Podia ter avisado"


"Perderia a graça se eu falasse" - ela falou sorrindo mas mudou para um tom sério - "eu vou precisar treinar você para poder usar meu poder" - ela falou e eu confirmei - "tem preferência por alguma arma ?" - eu parei para pensar um pouco, gostava bastante de pistolas, porém também gostava de espadas, principalmente katanas.


"Katana" - falei para ela que sorriu novamente.


"Gostei da escolha" - ela falou se aproximando de mim e parando bem em frente ao meu corpo - "antes de começarmos a treinar queria lhe falar algo" - ela falou e eu confirmei para que ela continuasse - "meu treinamento e 1000 vezes pior que o inferno" - ela falou no meu ouvido com uma voz assustadora me causando um arrepio, mas em seguida eu sorri.


"Estarei preparado" - eu falei porém ainda tinha uma dúvida - "quanto tempo esse treino irá durar ?"


"Hum... uns três meses para você pelo menos conseguir se defender de inimigos" - ela falou com uma pose pensativa - "Mas se quiser realmente ficar forte, eu diria que uns 3 anos aqui seria o suficiente" - ela falou me encarando.


"Nah, qual é a graça de já chegar apelão?" - eu falei - "três meses é o suficiente" - ela fechou os olhos e sorriu.


"Pois bem, se prepare Uzumaki Naruto" - ela falou me deixando surpreso, como ela sabia meu nome ? - "eu posso ler sua mente se esqueceu ?" - ela falou sorrindo.


Eu apenas dei os ombros, não é como se me importasse - "Você sabe meu nome, mas eu não sei o seu" - ela se virou para mim e me encarou por alguns segundos.


"Kurama, Otsutsuki Kurama" - ela me respondeu e eu abri um sorriso.


"Um nome bonito" - ela virou o rosto rapidamente para o outro lado, eu fiquei confuso mas no fim dei os ombros - "Bem... pode começar Kurama-san?".


Normal Pov


2 meses depois
    mundo sem nome - hora indefinida


Naruto agora se encontrava ofegante naquela vasta escuridão com uma espada apontada para o seu pescoço, e Kurama estava segurando a espada com um sorriso.


"Arf... me ganhou... arf... denovo... arf" - ele falou ofegando, Kurama era um monstro em poder, força física e resistência, sendo que a ultima ele quase empatava com a mesma.


"Você foi bem, nosso ultimo combate tinha durado apenas 12h, dessa vez durou 1 dia inteiro" - ela falou com uma leve pitada de surpresa, não esperava que ele fosse tão resistente - 'Não esperava isso de um humano normal' - ela pensou olhando para ele, agora ela tinha certeza que havia escolhido certo - "Bem agora que terminamos o seu treino para aperfeiçoar sua força e resistência, partiremos para o meu poder ok ?" - ela falou e ele confirmou.


1 mês depois
    mundo sem nome - hora indefinida


Naruto agora estava diferente, ele tinha cabelos vermelhos e longos, olhos da mesma cor com pupila em fenda, tinha 9 caudas atrás de si feita de fogo, suas unhas aumentaram, tudo isso era por causa do poder de Kurama.


Ela resumiu do jeito mais facil para ele entender, era uma bankai. Mas ele não falava bankai para liberar esse poder e sim possessão, já que o poder o possuía por não ser dele e sim de Kurama.


"Isso é incrivel" - ele murmurou impressionado com o poder, apesar de ser uma pequena parte do poder dela - "Ela deve ser incrivelmente forte" - murmurou novamente olhando a Kyuubi que dormia tranquilamente.


Ele cessou a possessão como ele começou a chamar e sentiu um enorme cansaço, provavelmente isso gastava muito da sua magia e usava uma enorme quantidade de sua energia. Ele não aguentou e acabou desmaiando.


Ele acordou e deu de cara com Kurama lhe encarando - "Por quanto tempo apaguei ?" - ele perguntou para a Kyuubi.


"Uma semana" - ela respondeu a ele que soltou um suspiro de decepção e se sentou - "Não se preocupe, com o tempo você vai aguentar a possessão" - ela deu uns tapinhas em sua costa.


"Certo, mas quando vamos para aquele mundo ?" - ele perguntou um pouco ansioso.


"Se você quiser pode ser agora"


"Então vamos !" - ele falou empolgado a fazendo soltar uma risada baixinha, o tempo que ela passou com ele a fez aprender um pouco sobre ele, e o que mais chamou sua atenção foi sua impulsividade.


"Você deve ir com calma, ao entra lá irá chamar atenção mesmo não querendo" - ela falou para ele que ficou sério - "Lembre-se lá eu não terei o mesmo poder que tenho aqui, ele crescerá de acordo com sua evolução e eu serei sua espada, então me trate com carinho" - ele confirmou com um sorriso no rosto.


"Então, você vai abrir um portal ?" - ele perguntou e ela confirmou - "Certo, estou preparado" - ele falou e ela criou um portal e em seguida se transformou em uma katana, ele a pegou e colocou em sua cintura - "Bem, vamos lá" - ele falou e pulou no portal.


Ao sair do portal ele notou que estava em uma floresta, respirou fundo e começou a andar para sair da mesma. Ele continuou caminhando por um bom tempo até parar de andar ao notar que havia saido da floresta.









"Então é assim o mundo que eu escolhi em ?" - ele falou olhando para o lugar - "Bem, vai ser divertido" - ele terminou com um sorriso.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...