História Inesperadamente - Capítulo 9


Escrita por: ~

Postado
Categorias One Direction
Personagens Liam Payne, Louis Tomlinson, Niall Horan, Zayn Malik
Tags Harry Styles, Romance
Exibições 16
Palavras 1.162
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Ficção, Romance e Novela
Avisos: Insinuação de sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Hello!
Mais um capitulo e espero que gostem!
Desculpem se tiver erros, não pude revisar. Boa leitura!

Capítulo 9 - You are important to me


-Será que você poderia me soltar agora?- Disse enquanto Niall ainda me puxava em direção à casa. Ele solta meu braço, mas vota a colocar o braço sobre meus ombros. Apesar de essa cena toda me fazer lembrar o que Josh disse mais cedo, não consigo parar de pensar que essa é a atitude de um irmão ciumento, por isso apenas rio da cara de impaciência dele.

-Do que você tá rindo?- Ele pergunta, franzindo a testa.

-Você é engraçado.

-Sou? Não me lembro de ter feito nada especialmente engraçado nos últimos minutos.

-Pelo amor de Deus Niall! Você praticamente me arrastou de lá!

-Ele veio cheio de abraçinhos pra cima de você- Ele revirou os olhos.

-Ele apenas está feliz, como ele mesmo disse, ele não estava dando em cima de mim- Disse quando entramos na casa. Adorava a casa dele, era grande e muito aconchegante.

-Ás vezes acho que você é cega, praticamente todos os caras que conheço gostariam de ficar com você- Eu o encarei.

-Não é verdade, você que é ciumento demais. Se comigo que sou quase sua irmã é assim, não quero saber como seria com uma namorada sua.- Ele desviou o olhar do meu e andou em direção à cozinha.

-Não sou ciumento coisa nenhuma- Ele negou e eu o segui.

-Imagina se fosse, mas mudando de assunto...- Olhei a casa vazia e ele se apoiou no balcão me olhando- Onde está seu pai?- Niall vivia apenas com o pai, pois sua mãe morreu quando ele tinha apenas 8 anos e apesar de não ter sido criado por uma mulher, ele sabe muito bem como tratar uma. É uma das pessoas mais carinhosas que conheço.

-Teve que viajar- Ele deu de ombros- Foi resolver algum problema da empresa.

-E você aproveitou?- Ele sorriu.

-Acha mesmo que eu iria perder essa oportunidade?- Eu ri.- O que você quer comer?- Ele perguntou indo em direção à geladeira.

-Qualquer coisa.

-Hum...- Ele disse analisando o conteúdo da geladeira.- Que tal um sanduiche?

-Sim, está bom.

-Você pode trocar de roupa no meu quarto enquanto eu faço e depois levo pra você- Não podia deixar de sorrir, eu simplesmente adorava aquele garoto.

-Já estou indo, obrigada- Me aproximei e dei um beijo em sua bochecha o abraçando em seguida- Já falei que você é meu ciumento preferido?- Disse sorrindo pra ele.

-Ainda não- Ele sorriu de volta.

-Pois você é!

-Muito obrigada!- Rimos e eu subi indo direto para o quarto dele, já era mais do que acostumada a ficar ali com ele, quem não nos conhecesse certamente pensaria que somos um casal, tenho que admitir. Tirei minha roupa e coloquei meu biquíni, gostava dele, fazia eu me sentir bonita sem mostrar demais. Estava guardando minhas roupas na bolsa quando alguém bate na porta.

-Pode entrar- Disse, sabia quem era. Niall passou pela porta a fechando com o pé em seguida, pois nas mãos ele trazia uma bandeja com meu lanche. Ele me olhou e depois corou, colocando a bandeja sobre a cama.

- O que foi?- Perguntei olhando pra baixo, procurando algo de errado, vendo se não estava mostrando mais do que deveria.

-Nada, você fica bem de preto, só isso.

-Obrigada, pelo elogio e pela comida.

-De nada- Sentei na cama e peguei meu sanduiche de queijo, percebi e dei uma mordida.

-Você não vai trocar de roupa?- Perguntei com a boca cheia e Niall riu.

-Sua mãe nunca te ensinou a não falar de boca cheia?

-Ensinou, mas eu nunca me importei em obedecer.

-Percebi e respondendo sua pergunta, sim vou me trocar agora.

-Quer que eu saia?

-Não precisa, apenas vou trocar isto- Ele apontou pra bermuda jeans que ele usava.

-Então vou apenas virar de costas, tá bom?

-Se você quer- Ele respondeu rindo, e eu me virei de costas pra ele enquanto comia meu sanduiche e tomava o suco de maracujá que ele tinha trago, que estavam ótimos. Niall era bom quando o assunto era comida.

-Como foi com a sua mãe?- Ele perguntou do Closet.

-Foi bom, ela perguntou quando finalmente vai conhecer você.

-Ah é?

-Humrum- disse com a boca cheia.

-Você acha que ela vai gostar de mim?- Ele disse sentando ao meu lado sério e vestindo apenas uma bermuda vermelha. Eu ri da sua preocupação sem fundamento.

-Calma, parece até que vai conhecer a sogra- Falei rindo.

-Você sabe que é um pouco disso- Ele pegou minha mão- Você é muito importante pra mim- Ele me olhava sério.

-Você também é muito importante pra mim, não sei o que faria sem você e a Dani, simplesmente amo vocês- Disse sorrindo.

-Eu sei, não consigo entender o que ela tem contra mim.

-Ela não foi muito com a sua cara e aquela ali quando cisma de alguma coisa, ninguém consegue convencê-la do contrário- Ele riu.

-É você tem razão. Vamos descer?- Ele levantou.

-Vamos- Levantei, peguei meus óculos e descemos. Assim que voltamos à área da piscina, o sol estava maravilhoso e as pessoas muito animadas, algumas estavam na piscina, outras dançavam, a maioria com algum tipo de bebida nas mãos. Niall conhecia todos e eu, quase ninguém. Logo que cheguei, avistei Dani dançando com Liam e pareciam bem felizes, fui até eles enquanto Niall conversava com alguns amigos.

-Olá casal!- Falei sorrindo.

-Oi!- Eles disseram em uníssono e sorrindo como dois idiotas. Dani soltou Liam para me abraçar, mas assim que me soltou ele a agarrou novamente. Não sei de onde Niall tira essas teorias malucas, ele é louco por ela e qualquer um pode ver isso.

-Até que enfim! O que vocês estavam fazendo?

-Eu estava com fome, então Niall fez um lanche pra mim enquanto eu me trocava- Expliquei.

-Mas que gentil!- Ela disse com um sorriso diabólico e eu gargalhei.

-Nem começa!- Agora foi a vez dela de gargalhar.

-Nunca me engano com as pessoas, você é a maior prova disso.

-É verdade- Liam disse se pronunciando pela primeira vez- Assim que ela te viu na faculdade ela disse: “Olha só aquela garota como é bonita, gosto do estilo dela, aposto que seríamos ótimas amigas”- Gargalhei quando ele falou imitando a voz dela- E aqui estão vocês, inseparáveis!

-Eu não falo desse jeito!- Ela disse fingindo indignação.

-Quase assim- Falei.

-Não acredito, estão tramando contra mim!

-Não seja boba- Liam disse dando um selinho nela, ela sorriu e se virou pra mim.

-O que o papai Niall falou pra você depois da crise de ciúme?- Ela arqueou uma sobrancelha.

-Liam contou é?

-Não falem de mim como se eu não estivesse aqui, por favor.- Ri e não tive tempo de responder, pois Niall apareceu e passou um dos braços pelas minhas pernas e o outro pelas minhas costas me pegando no colo e correndo em direção à piscina enquanto eu gritava para que ele me soltasse, ele gargalhava como uma criança e quando caímos na água eu também gargalhava, eu não resistia, a risada dele era contagiante! 


Notas Finais


Obrigada e volte sempre! ;)


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...