História Inesperado - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Supergirl
Personagens Cat Grant, Kara Zor-El (Supergirl)
Tags Cat Grand, Catco, Kara Danvers, Lena Luthor, Romance, Ship, Supercat, Supergirl, Super-heroi
Exibições 90
Palavras 833
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ficção, Romance e Novela, Universo Alternativo, Yuri
Avisos: Álcool, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Sexo, Spoilers
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas da Autora


Essa a minha primeira fic que me veio a cabeça em uma madrugada louca, caso tenham gostado e queriam deixem nos comentários suas opiniões para que possamos conversar sobre esse ship lindo dessa serie maravilhosa!

Capítulo 1 - Mergulhe


Fanfic / Fanfiction Inesperado - Capítulo 1 - Mergulhe

Parecia que eu estava vivendo em um conto de fadas, James e eu poderíamos enfim ficar juntos, Srta. Grand me deu carta branca para escolher a função que quisesse na CatCo Worldwide Media e finalmente havia conseguindo derrotar ‎Non.

James e eu estávamos em nosso primeiro encontro, mas a única coisa em que conseguia pensar era que tinha poucas horas para dizer a Srta. Grand qual seria minha escolha e que independente da escolha eu deixaria de ter a companhia da chefe que para muitos era uma carrasca mas para mim era uma inspiração, se Cat soubesse quantas vezes ela ajudou a Supergirl sem saber. As vezes parecia que Srta. Grand tinha o dom da telepatia, nunca entendi como ela sabia exatamente quando eu precisava de algum conselho e sempre sabia o que dizer para me ajudar! Felizmente ou não nosso encontro deve que ser interrompido devido ao acidente com a Venture e contei com a ajuda do meu primo Super Man para impedir a explosão na nave.

Super Man resolveu ficar em Nacional City até o que problema com a Lena Luthor estivesse resolvido e que desculpa melhor do que uma matéria em parceria CatCo-Planeta Diário sobre os planos da irmã de Lex Luthor para o futuro da empresa da família. Assim que Clark entrou comigo no prédio da CatCo percebi que todos admiravam o grande jornalista do Planeta Diario Clark Kant.

Até mesmo a poderosa Cat Grand ficava balançada na presença de Clark e sem perceber acabei dizendo:

- Meu Deus, você também não – disse sem pensar.

- O quê? – Disse Srta. Grand ainda olhando para Clark enquanto trocava o salto.

- Nada. Sim, eu o conheço – disse tentando esconder meu incomodo - Jimmy e ele são amigos há anos.

E assim ela me deixou sozinha e foi falar com Clark, me deixando ainda mais irritada. E para piorar a situação descobri através de James que ela era realmente doida por Clark e que inclusive já havia enviado uma mensagem para ele enquanto estava bêbada.

A vinda de meu primo Kal-El a Nacional City me ajudou a colocar minha cabeça a lugar e quem sabe eu conseguisse encontrar um meio termo entre a vida de super-herói e a vida civil como ele conseguiu. Era incrível como Kal-El conseguia cativar as pessoas tanto como Super Man quanto como Clark Kant.

Mais tarde conversei com Cat e ela como sempre filosofou e suas palavras não saiam da minha cabeça “Está parada na costa, com medo de nadar em águas novas, e está com medo porque não quer dizer adeus para a bem-educada e solitária Kara Danvers, a doce e obediente assistente de Cat Grant. Você está parada olhando suas opções: a água azul, a fluidez do rio, a agitação do mar. E todas parecem atraentes para você, porque quer dar um mergulho, mas sabe que a água estará gelada, e que a jornada será difícil, e quando alcançar o outro lado, será uma nova pessoa. E está com medo de conhecer a sua nova versão. ”

Depois de uma conversa com a muito possivelmente minha nova amiga Lena Luthor decide que queria ser repórter. E quando contei a Srta. Grand da minha decisão para minha surpresa ela me confessou que no dia em que me contratou seu instinto já dizia eu seria uma repórter, que via muito dela em mim e eu que a inspirava, logo eu que era inspirada por ela todos os dias.

Após minha conversa com Srta. Grand, decidi que o melhor a fazer nesse momento era não me envolver com ninguém e assim que contei isso a James ele me disse que percebeu que eu estava distante e que o estava evitando, mas que sempre seriamos amigos. 

No dia seguinte foi meu primeiro dia como repórter e Srta. Grand me apresentou ao meu novo chefe Snapper Carr da CatCo Magazine. Finalmente decidi ser o conselho de Srta. Grand e mergulhar para conhecer uma nova versão de mim descobri que ela também decidiu seguir seu próprio conselho e estava deixando a CatCo em busca de novos desafios.

Sentia que meu coração tinha se partido ao meio, como imaginar minha vida ser Cat Grand errando meu nome e fingindo que não dá a mínima para as pessoas, mas estando sempre lá para me ajudar, me aconselhar. Abracei Cat deixando toda a dor que estava sentindo no momento sair e percebi que ela fazia o mesmo.

Estava me sentindo totalmente abandonada, Clark estava voltando para Metrópoles e Cat indo embora, busquei consolo no colo de Alex minha irmã e melhor amiga, e percebi que fui negligente com ela devido a visita de Clark e todas as mudanças que ocorreram.

Antes de dormir senti que precisava me despedir novamente de Cat agora como Supergirl a heroína que ela nomeou e que inicialmente não eu gostei, mas agora percebo que é um nome perfeito. Minha conversa com Cat foi rápida, mas ela prometeu que iria voltar e isso de alguma forma acalmou meu coração.


Notas Finais


Esse é apenas uma introdução da historia para que possam ter uma da noção de que momento da serie se passam os acontecimentos.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...