História Inevitável - Larry Stylinson - Capítulo 27


Escrita por: ~

Postado
Categorias One Direction
Personagens Harry Styles, Liam Payne, Louis Tomlinson, Niall Horan, Zayn Malik
Tags Larry, Niall, Ziam
Visualizações 72
Palavras 1.823
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Crossover, Drama (Tragédia), Romance e Novela
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Suicídio
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 27 - Finalmente livre


Fanfic / Fanfiction Inevitável - Larry Stylinson - Capítulo 27 - Finalmente livre

                      Louis 

Deixo o Joaquim na escola e como todas as manhãs aproveito  pra correr no parque antes de ir trabalhar, coloco meus fones de ouvido, respiro fundo, começo a correr, ultimamente eu tenho voltado a pensar no Harry, se eu fiz bem em desistir de ajuda-lo. Isso é uma coisa que eu nunca vou saber, um casal brigando chama minha atenção.

Tiro meus fones, diminuo a intensidade ate começar a caminhar, respiro fundo, esperando minha respiração voltar ao normal. 

- Você é um idota eu estou cansada. - A mulher grita. - ME SOLTE. ME SOLTE. - Ela grita, ela vira na minha direção e a reconheço. Corro ate onde ela esta.

- Esta tudo bem aqui Lou? - Pergunto, ela confirma, vejo o cara soltar ela.

- Não se meta o assunto é entre ela e eu. - Ele diz, o olho dos pes a cabeça, me viro pra Lou.

- Ele te machucou? - Ela nega. - Você esta bem? - Ela confirma. 

- Você esta surdo? A conversa é entre essa vadia e eu. - Ele diz, encaro a Lou, seus olhos estão cheios de lagrimas, viro de frente pra ele, acertando um soco no nariz dele.

                 ➖➖➖➖

- Ai. - Reclamo quando Lou limpa minha boca. Ela ri. - Você esta se divertindo ne. - Falo, ela da de ombros e rir.

- Você não tinha nada que brigar, William. - Ela fala, sorrio. - Ai, não me faz rir. - Falo, ela limpa a minha sobrancelha.

- Eu não ia deixar ele fala com voce daquele jeito, você é minha amiga. - Falo, ela sorri. 

- Pronto. - Ela guarda as coisas. - Senta ai que vou fazer um cha pra voce. 

- Não precisa. - Falo, Ela ne empurra pra sentar. - Lou por que voce aceita isso? Por que voce deixa ele falar daquele jeito com voce? - Pergunto.

- Ele foi meu primeiro namorado, meu primeiro amor, eu tenho esperança que ele mude.- ela diz, me levanto, fico de frente pra ela.

- Ele não vai mudar Lou, uma vez babaca sempre babaca, você é linda merece alguem muito melhor que ele, que vai te fazer feliz e que vai da tudo que você merece. - falo, ela me abraça. - Não mendigue o amor de ninguem.- Falo.

- Obrigado, eu sei que você tem razão. - Ela diz. beijo a bochecha dela. Vejo ela sorri. 

- E esse bebe é pra quando? - Pergunto. 

- Começo do mês que vem. - Ela diz. 

- Ja escolheu o nome? - Pergunto.

- Lux. - Ela diz, sorrio. 

- É um lindo nome. - Falo. - Eu vou ser o padrinho ne? - Pergunto, Ela ri.

- Claro você e o Harry. - ela diz me fazendo rir.

- A gente iria se matar dentro da igreja. - Falo, ela rir, mordo meu labio. - E ele Lou? -Ela me encara.

- Nos fomos la semana passada. - Ela diz. - Amanhã o Niall vai la, Eu sei que você não acreditou nele, mas ele te falou a verdade, ele não estava dirigindo aquele um dia eu ainda vou provar isso. - Ela diz.

- Você gosta muito dele ne? - Pergunto, ela confirma. 

- Ele é meu melhor amigo, nós nos conhecemos desde sempre, ele me defendia na escola, ele me consolava quando tinha briga na minha casa. Ele é tipo um irmão mais velho que sempre esta ali pra te proteger quando você precisa. - Ela diz, Sorrio. - Eu queria que você tivesse conhecido o Harry que eu conheço e eu tenho certeza que você teria se apaixonado por ele. 

- Lou, eu gosto do Harry, mas não consigo esquece o que aconteceu eu me sinto traindo a memoria da Eleanor. - Falo, ela confirma.

- Um dia William  eu não sei como mas eu vou juntar vocês dois. - Ela diz, me fazendo rir.

- Sabia que eu tinha escutado sua voz. -Vejo o Niall entrar na cozinha, ele diz.

- Vocês não vão começar ne? - Lou pergunta. - Ja vi brigas demais por hoje. - Ela diz.

- Ainda não consegui me acostumar com essa sua amizade com ele. - Niall diz. - Você esquece o que ele fez com o Harry?

- Niall. - Lou diz.

- Eu não fiz nada com o Harry ele esta pagando por algo que ele fez. - Falo.

- Louis. -Lou diz.

- Você abandonou ele la pra morrer, se não fosse seu pai essa hora ele poderia esta morto, você é ridiculo Louis não sei como a Lou consegue olhar na tua cara. - Ele diz.

- MENINOS. - Lou grita, olhamos pra ela. 

- O que foi? - Niall pergunta. - Vai defender seu amiguinho? 

- Tem alguma coisa errada. - Ela coloca a mão na barriga. - Não meu amor você não pode nascer agora. - Ela diz, corro ate onde ela esta e a ajudo a senta. 

- Vamos levar ela pra o hospital. - Niall diz, confirmo.

                   ➖➖➖➖

Apesar dos medicos fazerem todo o possível a bebe da Lou nasceu antes do tempo, fiquei todo o tempo com ela, dando força.

- Como elas estão? - Liam pergunta. 

- Bem graças a Deus. - Falo, me jogo na cadeira. - o Niall esta la com ela. - Falo, Ele confirma.

- Você parece acabado. - Zayn diz, confirmo. 

- Foi um longo dia. - Falo, obrigado por pegar o Joaquim na escola.

- Sem problema. - Ele diz, sorrio. 

- Ela é linda. - Falo, ele sorri. 

- A menina mal nasceu e você ja esta babando. - Ele diz me fazendo rir.

                   Harry

Espero durante todo o dia mas ninguem vem me visitar o que me deixa preocupado ja que durante todo esse ano, pelomenos um deles sempre vem.

- Você esta calado. - O novato diz. 

- Estou preocupado, meus amigos não vieram hoje. - Falo.

 - É assim mesmo, quando a gente entra aqui todo mundo vem no começo, depois eles vão se afastando e você percebe que esta sozinho. - Ele diz, mexo no cabelo dele o fazendo sorrir.

- O problema não foi esse aconteceu alguma coisa tenho certeza. - Falo. - Alias Ed nunca te perguntei por que você esta aqui? - Falo.

- Eu sei demais. Por isso eu estou aqui. -  Ele diz, O encaro sem entender. 

- Como assim? - Pergunto.

- Conhece a familia Styles? - Ele diz, confirmo.

- A dois anos mais ou menos aconteceu um acidente, eu fui um dos primeiros a chegar. - Ele diz, mordo meu labio. 

- Você ajudou os Styles? - Pergunto, Ele nega. 

- Não, eu ajudei o outro carro, o cara com o menino. E a mulher. - Ele diz.

- Ela morreu na explosão do carro. - Falo, ele nega.

-Como assim Ed? - pergunto.

- Ja falei demais, vamos dormi. - Ele diz.

- Ed por favor. - Falo, ele nega.

                       Louis 

            Uma  Semana depois 


- Bom dia. - Lottie diz, ela esta com um sorriso no rosto.

- Bom dia, que felicidade é essa? - Pergunto.

- Tive uma otima noite. - Ela diz.

- Ela esta namorando. -  Fizzy fala, encaro a Lottie.

- Mentira. - Falo.

- Obrigado por ficar tão surpreso. - Ela diz, me fazendo rir. - Ela é incrível. - ela suspira.

- Lottie apaixonada eu vivi pra vez isso. - Falo, ela joga um pedaço de bolo na minha direção.

- parem de brincar com comida. - Minha mãe diz.

- Vamos trabalha. - Fizzy diz. - Chega de fofocar.  Eu vi a Lux ela é tão linda. - Fizzy diz, sorrio, confirmo. Depois que o Liam começou a namorar o Zayn, Niall e Lou se tornaram parte da famila. 

- Como elas estão? - Fizzy pergunta. 

- Bem Lou foi pra casa ontem, a Lux vai fica mais alguns dias. - Falo. 

- Papai eu posso ver a Lux? - Joaquim pergunta, confirmo. 

- Claro meu amor, mas so quando ela estiver em casa certo? - Ele confima.

- Papai o tio Harry vai vir ve a Lux? - Ele pergunta me deixando surpreso, ja faz muito tempo que ele não fala no Harry.

- Não sei meu amor, por que você lembrou dele agora?- Ele da de ombros. 

- Eu gosto dele. -Ele diz.

- Quando você vai na Lou? Quero ir com você. - Fizzy diz.

- hoje a noite, ela disse que ia com o Niall pra o hospital. Passa o dia com a Lux e so ia esta em casa a noite. - Falo, fizzy confirma.

Escuto o telefone tocar, corro pra atender-lo.

- Alo. - Falo.

- Senhora Tomlinson por favor. - Ele diz do outro lado da linha. - É o advogado dela.

- É o Louis Tomlinson, em que posso ajudar? - Pergunto.

- Senhor Tomlinson, estou ligando pra falar do caso do Harry Styles. - Ele diz.

- Pode falar. - Me sento.

- O depoimento da testemunha foi aceito, ele responderá em liberdade. - Ele diz, meus olhos se enchem de lagrimas.

-  Quando ele saí? - Pergunto.

- Agora, estou indo pra lá agora mesmo. -  Ele diz.

- Obrigado por avisar. - Falo, desligo, uma gargalhada escapa da minha boca antes que eu possa me controlar, ele esta livre, finalmente ele esta livre, minha mãe e as meninas me encaram.

- Quem era? - Minha mãe pergunta, ela me encara preocupada.

- O advogado, Harry vai ser solto. -  Falo sem acredita que isso finalmente vai acontecer.

- Aí meu deus sério? Tenho que conta aos meninos Liam e Zayn estão a caminho de lá para visita-lo. - Minha mãe diz, as meninas se abraçam. Pego meu celular e digito o numero da Lou o celular da caixa postal.

- Ele está vindo pra casa. Acho que você irá querer saber. - Minha voz sai embargada pelas lágrimas. - Finalmente ele esta vindo pra casa. - Deixo um recado pra ela. Finalmente ele vai sair daquele lugar, finalmente esse inferno vai acabar, deixo as lágrimas que estão presas cair eu quero enganar a quem eu não o  odeio, eu não o odiaria nem se eu quisesse.

                          Harry 

Não estou acreditando que finalmente sai daquele lugar, estou indo pra casa com Liam, Zayn e Niall o carro está em um silêncio confortavel, estou tão feliz de volta pra casa.

- A Lou vai fica tão feliz de te ver ela andava tão triste esses dias. - Liam diz.

- você a avisou? - pergunto.

- tentei ligar mais ela não atendeu, ela deve ter ido no hospital. - Ele diz.

- Com quem? Era pra ter ficado um de vocês la. - Falo.

- O Louis vive la e ela disse que falou com ele pra ele ir com ela no hospital. - Niall diz, confirmo.

- É estranho saber que eles são amigos. - Falo.

- Tambem acho, ainda não consigo gosta dele. - Niall diz. - Desculpa Z. 

- Relaxa, mas ele não é tão ruim, so é teimoso. - Zayn fala.

-  Finalmente esse pesadelo vai acabar. - Niall diz, confirmo, sorrio. Ele deita a cabeça no meu ombro. - Não acredito que finalmente você vai voltar pra casa. - Ele sorri, Liam nos encara e sorri.


Notas Finais


Ate amanhã loves!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...