História Infantilidade - (YOONMIN) - Capítulo 13


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Personagens Originais, Rap Monster, Suga, V
Tags Hopekook, Namjin, Vhope, Vkook, Vkookhope, Yoonmin
Visualizações 268
Palavras 1.529
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Bishoujo, Bishounen, Colegial, Comédia, Ecchi, Escolar, Ficção, Fluffy, Hentai, Lemon, Musical (Songfic), Orange, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Universo Alternativo, Yaoi, Yuri
Avisos: Adultério, Bissexualidade, Cross-dresser, Drogas, Estupro, Gravidez Masculina (MPreg), Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Spoilers, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


MIGOS POR FAVOR LEIAM
antes de tudo , desculpem pela demora , probleminhas

depois
FALTA MUITO POUCO PARA OS CEM FAVORITOS EEEEEE

POR ISSO FAREI UM ASK ESPECIAL!

Deixem perguntas para as personagens please!

Boa Leitura Mochis <3~

Capítulo 13 - Chapter Twelve


Quando eu e os meninos saímos de casa, eu ainda estava um pouco muito tristinho. Mas , nada de mais , apenas umas lágrimas e outras de vez em quando. Felizmente, os meninos estavam todos lá a ajudar-me ao máximo com tudo, eles entendiam-me e é dificil mesmo sentir na pele o que é ser odiado pelo Appa e pela Omma. Talvez não , não me sinto muito no direito de lhes chamar assim. No caminho para o parque de diversões , Tae-Tae e Kookie fizeram várias brincadeiras comigo enquanto os outros meninos conversavam sobre algo acho que mais sério , não estava a ouvir por causa dos meninos a brincar comigo.

 

-Pronto , e foi assim que o Hoseok engoliu uma pastilha e ficou com medo de morrer por dois dias.- Disse Kookie ao terminar de contar-me a história de como Hobi tinha comido uma coisinha que não se pode comer apenas para cumprir um desafio. Eu ri um pouquinho com a história , tem muita piada! Quando dei conta, nós tinhamos chegado ao parque e ouvimos alguém a perguntar-nos algo aos gritos.

 

-QUANTOS SOMOS MESMO?- Gritou Jinnie da bilheteira , fazendo-nos todos olhar para ele.

-Cinco..Seis...Sete! Oito , chamei a minha irmã , tudo bem?-disse Hobi a contar-nos um por um. Depois de confirmarmos que está tudo bem em trazer a maninha dele , entrámos no parquinho e sentámo-nos num banco para esperar pela irmã do Hobi. (N/A: NÃO É PARA A ODIAREM , ELA VAI SER UM AMORZINHO , É A MINHA AMIGA QUE FEZ BIRRA PARA APARECER , AMEM-NA MUITO , OBG DND) Quando passáram mais ou menos uns 5 minutinhos , Jimin perguntou-nos se queriamos algo para comer , afinal , eram praticamente quatro da tarde , vulgo horinha do lanche. Depois de todos dizermos o que queriamos comer , eu ofereci-me para ir buscar as comidas e antes que alguém pudesse dizer alguma coisa , tirei um pouco de dinheiro do bolsinho da Omma e fui. Sabia que provavelmente teria de dar explicações depois mas ainda assim quis ir. Já estou gradinho. A meio do caminho para o café eu senti que alguém me observava , mas ignorei. Só comecei a dar mais atenção aos barulhinhos quando senti o meu cabelo ser minimamente puxado. Aí sim virei-me para olhar e o que vi apenas meteu-me medo. Juro por tudo que um senhorzinho ali no meio das pessoas estava a encarar-me com olhar matador. Mas o pior , esse senhor era muito parecido com um dos homens de preto da noite anterior. Eu apenas tentei apressar o braço , mas senti uma mão a agarrar a minha. Estava a sentir o desespero a dominar-me de novo, mas percebi que era apenas o Hyung. Ele percebeu que algo estava errado quando ouviu o meu suspiro aliviado, mas antes de qualquer resposta a perguntas ainda nem sequer feitas , olhei na direção do senhor. Ele olhou-me com o seu palitinho com fumo na boca e foi embora. O Hyung olhou-me e perguntou-me o que se passava , recebendo apenas um murmuro de “nada” em resposta. Apesar de me ter olhado de maneira estranha , nós fomos comprar as comidinhas como se nada tivesse acontecido. Quando voltámos aos meninos , a irmã do Hoseok já tinha chegado. Ela era muito bonitinha. Tinha olhinhos escuros e cabelo curto , era um pouquinho mais alta que eu e parecia ser bem simpática. Vestia uma roupinha bem bonitinha também , uns calções de ganga normais e um hoodie com coisinhas escritas em japonês. Quando me aproximei ela quase saltou para cima de mim.

 

-MEU DEUS É A COISA MAIS FOFA DE SEMPRE!- disse a maninha do Hoseok enquanto me abraçava. Ou melhor dizendo , esmagava.

 

-Sim sim, nós sabemos. Mas se não diminuires a força agora, esse “é” vai se transformar em “era”- Disse Hobi a sorrir brincalhão para a irmã.

 

-Ah sim , desculpa...- disse ela a separar o abraço, que eu tinha retribuido com a pouca forcinha que ainda tinha-... Deves ser o Yoongi , não é?- perguntou-me a sorrir. Acenei que sim com a cabeça.- Bem me pareceu.. Bom sou a Haneul... Mas se preferires, chama-me Hane , tudo bem?- perguntou-me a sorrir largamente.

 

-Sim, Hane-Noona!- respondi animado a sorrir. Eu e Jimin entregámos todas as comidinhas a todos. Gelado de morango para Jin, pão com mortadela para Nam , Churros para o Hobi e para a Noona, Salame de chocolate para Kookie, Tae e Jimin , e biscoitinhos para mim. Quando todos acabámos de comer, fomos à procura de um primeiro brinquedo para ir. Passámos por vários brinquedos e todos eles eram beeeem coloridos, o que me deu vontade de andar em todos. Também haviam barraquinhas de jogos onde se ganhavam peluches. Os meninos prometeram-me que iriamos a todos , coisa que me deixou mais feliz. Apesar de tudo, ainda estava morto por dentro por tudo o que a Omma e o Appa me tinham dito. Eu não quero chamar-lhes isto mas não dá. De repente senti uma lágrima cair pelo meu rosto.

Não.

Eu não posso chorar.

Não agora.

Tae-Tae parou-nos num brinquedo em que nos sentamos e caímos alguns metros. Foi essa a explicação dele , mas...

-240 FUCKING METROS , TAEHYUNG?- gritou Jiminnie a Tae-Tae.- QUERES MATAR-NOS?

-CALMA JIMIN , é completamente seguro...acho eu VAMOS!- respondeu ele a puxar Kookie e Jiminnie pelos braços e a ir comprar bilhetes para o brinquedo. Enquanto isso eu e Hane falávamos sobre vários assuntos até que chegámos a um que me fez ficar parecido com um moranguinho.

 

-Então e o Jimin, vocês namoram mesmo?- perguntou-me a Noona animada e a sorrir. Juro que travei. Eu não sabia mesmo o que dizer.

-B-bem.... Yoongi gosta muito do Jimin...De outra forma...- Foi a minha resposta , eu não sabia de forma nenhuma o que dizer mais. Quando ela ia supostamente gritar, foi interrompida por Hobi a puxá-la pelo bracinho, fazendo-me ir atrás. Olhei para o brinquedo. Quando Jiminnie falou dos “240 metros” eu não tinha muita noção do tamanho que era.

 

Mas isto é alto

Muito alto.

 

Eu estava com medinho? Estava. Ia deixar isso estragar o meu momento de adrenalina? Não mesmo.

Entrei no brinquedo meio nervoso e sentei-me numa das cadeirinhas. Uma Noona que parecia trabalhar ali veio até mim e apertou-me todos os cintos que deveriam servir para eu não cair. Apesar de tudo, agarrei-me o máximo que podia, estava com muito medinho de cair.

E o brinquedo começou a subir. Eu podia ouvir Kookie contar os metros , que estavam escritos numa plaquinha ao lado para medir a altura.

100.120.140.160.180.200.220.240.

Olhei para baixo. Podia ver o parquinho todo. Era muito bonito , tinha vários LEDs e coisinhas brilhantes. Sorri fraco com a cena mas isso foi estragado por uma voz a avisar que iriamos cair. No momento em que começamos a cair , senti a mão do Hyung na minha , fazendo com que eu me acalmasse quase que automaticamente. Quando acabou , Nam levantou-se rapidamente e sentou-se no chão , com as mãos juntas, o que nos fez rir. Já Tae-Tae , apenas estava normal , como se nada tivesse acontecido.

 

-Taehy não está assustado? Que milagre...- disse Hane na brincadeira , a encarar Tae-Tae.

-Esperavas oquê? Testosterona pura...- respondeu Tae a sorrir de lado , arrancando um “uhum” de quase todos nós.

 

Passámos por uma barraquinha onde se atiravam bolas para ganhar coisinhas , e eu fiz uma mini-birra para o Hyung tentar. Depois de eu embirrar -por 2 minutos ou assim -- ele finalmente foi tentar. Foi por obrigação mas foi a sorrir , e eu adorava o seu sorriso mais que tudo. Tinha três bolinhas e seis alvos para derrubar.

Primeira , falhou.

Segunda , acertou em 2.

Terceira , acertou nos outros 4.

Eu e os outros comemorámos , mas eu fi-lo melhor ,pois fiz com um abracinho. Ganhámos um unicórnio de peluche , que Jiminnie me ofereceu. Depois disso – e de algumas fotinhas tiradas pelos meninos de nós – fomos até à roda gigante. Era o último brinquedo porque estava a ficar de noite e nós ainda temos de ir buscar um pouquinho de roupa para mim.

Enquanto estávamos a ir senti-me observado de novo. Olhei para trás e vi de novo o homenzinho que me pareceu um dos homens de preto , fazendo com que eu entrasse na pequena salinha com o Hyung o mais rápido possivel.

Quando entrámos esperámos que os outros também entrássem. Fomos divididos em duplas. Eu e o Hyung , Kookie e Hobi , Nam e Jinnie e Tae e Hane. Quando todos entrámos , começou a andar. Eu embirrei de novo para sentar-me à janela (N/A: eu sempre) . Então foi assim , eu passei praticamente toda a viagem apenas a olhar a janelinha com os olhos a brilhar , era muuito bonito. Quando a nossa salinha chegou ao topo , a roda parou , fazendo-nos ficar naquela posição por um pouco. Encarei o Hyung que também me estava a encarar e senti as minhas bochechas esquentarem um pouco. Fomos nos aproximando até que...

 

Senti o sabor dos seus doces lábios de novo.


Notas Finais


ESPERO QUE TENHAM GOSTADOOO

deixem as perguntinhas sz


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...