História Infidel Love - Capítulo 28


Escrita por: ~

Postado
Categorias Camila Cabello, Fifth Harmony
Tags Camilacabello, Camren, Laurenintersexual, Laurenjauregui
Visualizações 266
Palavras 1.637
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Crossover, Famí­lia, Fantasia, Festa, Ficção, Romance e Novela
Avisos: Adultério, Álcool, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Intersexualidade (G!P), Linguagem Imprópria, Nudez
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Oiiiiiiiiiii voltei hoje com mais um cap, espero que gostem e outra coisa se tiver bastante de comentário eu volto com mais um hoje então vamos la... hoje faz uma semana que Estamos aqui obrigada pelos 6.235 visualizações amo vocês

Capítulo 28 - Capítulo 28


Fanfic / Fanfiction Infidel Love - Capítulo 28 - Capítulo 28

POV Camila Cabello

   Entrei em casa, e as duas já vieram até mim, pra saber de tudo não precisavam fala pra mim saber.

  - Nos conte tudo, nos escutamos um pouco. - Normani me puxou pro sofá de uma vez.

  - Aii, pra que querem saber da minha vida sexual, tá ótimo por agora, quero dormir to muito cansada. - Queria por um fim em suas perguntas.

  - Não vai ficar queremos saber, então fala logo que nos te libera pra sair daqui.

  Então contei pras curiosas, tudo até até parte da despedida ali fora. Eu tinha que contar ou não ia sair dali.

  - Perai Mila, você ta gostando dela ? Ou é impressão minha, seus olhos brilham quando fala dela. - Aí tava ficando louca só pode, falando besteiras, quer dizer quase besteiras.

  - Tá ficando louca Dinah, nós só temos sexo casual, nada a mais que isso então para de fala bobeira, agora posso sair daqui ou vou ter que ficar respondendo perguntas idiotas ainda ? - Falei mesmo, era mim sair dali, queria ficar sozinha, no meu quase quarto.

   - Nossa Camila, vai então a gente só queria saber o que tinha acontecido, você já contou então ta liberada. - Rindo de mim.

  - Ainda bem, meu interrogatório acabou, boa noite meninas. - Assim fui pro quarto descansa, Lauren me cansava muito, então deitei na cama e apaguei meu corpo pedia por descanso.

   POV Lauren Jauregui

    Alexa estava gritando comigo, me acusando é lógico que eu não era santa, mas ela gritar pra mim eu aceitaria.

  - Sua mãe vai saber agora disso Lauren, ELA VAI SABER DA SUA TARADEZA POR AÍ. - Eu não aguentei ela brigando comigo, eu odiava que gritavam comigo era uma coisa deselegante.

   - Caramba Alexa, eu não tava com ninguém meu Deus, eu passei na casa da Dinah e jantei com elas estava eu, a esposa dela e a Camila mais ninguém. - Contei a verdade por cima.

  - Quem é Camila? ME DIZ LAUREN.  - Partiu pra cima de mim, me enchendo de tapas de novo. - FALA SUA NOJENTA.

  Tentei segurar suas mãos, conseguindo depois e levar muitos tapas. Seguro seus braços pra baixo, olhando em seus olhos.

  - Camila é uma amiga minha, nada mais que isso, e para de gritar comigo que eu não quero saber de você me ameaçando, pra contar pra minha mãe ela não tem que se meter nisso.  - Falei com uma raiva, porque era verdade só a imbecil da Alexa que não percebia.

  - Sua cadela, você não pode fazer isso comigo, me trair com a cidade inteira você pensa que eu nao vejo ? Pensa que eu sou cega ? Por não enxegar a sua infidelidade, eu não mereço isso Lauren não mesmo. - Afastou de mim, e achei que tinha terminado, mais havia me enganado.

  Sua mão acertou em cheio meu rosto, até fiquei tonta com o impacto, coloquei a mão no local que ardia como fogo.

  - Isso é pra você aprende, a brincar com uma Fe... - Seus olhos parou sobre a escada, ela estava com um olhar assustada, então olhei pra cima, lá estava Nicolas olhando toda nossa discussão.

  O coitadinho estava com os olhos cheios de lágrimas, olhando pra nós assustado eu fiquei com pena dele por viver em um lar assim, cheio de brigas, gritos, tapas e sem amor entre eu e sua mãe claro, pra ele tinha amor de minha parte sim.

  - Por que estavam gritando, e se batendo ? - Seus lábios tremiam, por tentar segurar as lágrimas que teimavam em descer.

  - É um teatro meu amor. - Subo até ele, ajoelhando em sua frente, ele não precisava  saber de nada disso.

  - Não é Papa, vocês estavam brigando como todos os dias, eu não quero isso na minha família. - Me abraçou com seus braços pequenos, rodeando meu pescoço com força,  levantei com ele em meu colo.

  - Vou te por pra dormir okay meu Príncipe? - Sorri pra ele pincelando seu nariz.

  - Tá bom Papa. - Me dando um beijo em meu rosto, fui andando até seu quarto passando a mão em suas costas, tentando o acalmar do que ela tinha visto minutos atrás.

  Eu sei que o que ele tinha visto, iria ficar em sua cabeça, eu sei que o medo dele era de nos separar e ele ter que ficar longe de um de nós.

  - Vou ficar com você até dormir, pequeno. - Sorri amigável pra ele.

  - Você jura papa, que não vai me abandona ? - Por que que eu senti que aquela pergunta não era por agora e sim por minutos antes ? Que ele queria saber que eu não ia abandona ele ou sua mãe.

  - Eu juro meu amor - Deitei do seu lado, o cobrindo passei a mão em seus cabelos grandes o massageando. 

  Fiquei ali com ele, o tempo que precisou pra ele dormir, e como isso minha mente viajou em tudo que vivi até hoje, do tempo da escola quando sofria bullying de todos.

   FLASHBACK ON

  " Eu tinha acabado de chegar no novo Colégio, quer dizer o quarto Colégio esse ano o olhei por dentro do carro, eu era apenas uma adolescente de 12 anos que não teve culpa de ter nascido, com um problema ou como sempre disse minha mãe ' um problema não, nós fomos abençoados por isso ', pra onde eu ia eu leva esses conselhos da minha mãe.

  No primeiro dia de aula foi tudo tranquilo, calmo ninguém desconfio de nada, escondi bem meu membro em um short de compressão, que apertava muito e me machucava.

 

  Consegui esconde por um ano, depois o inferno começou, me chamavam de aberração, volta do inferno que você saiu, macho fêmea entre outras coisas. Roubavam meu dinheiro, me ameaçavam me bater se eu contasse a alguém, eu não tinha amigos não tinha com quem conversa, até qie Veronica apareceu na minha vida.

   FLASHBACK OFF

 

   Minha mente tinha viajado, por uma parte tão dolorida da minha vida, que sempre tentei esquece mas estava viva em meus pensamentos. Então levantei da cama, com cuidado sai de lá não iria dormir em meu quarto, não com aquela mulher me perturbando, jamais somente foi direto ao banheiro tomei um banho quente e demorado minha cueca estava molhada, por eu ter gozado mais cedo, então a Latina veio em minha mente.

   [ Dêem play As Long As You Love Me - Justin Bieber ]

     Essa mulher estava mexendo com minha mente, eu estava enfrentando Alexa pra continuar a encontrando,  continua tendo seus beijos, seu corpo, seus toques. Desde da primeira que a vi ela me fez desafiar minhas vontades, meu desejo por ela esconde minha excitação por ela.

   Eu pensava nela, durante os meus dias em quando iria a encontra, em quando iria receber seus beijos fechei meus olhos tentando sentir seus lábios nos meus e como se fosse ontem me lembrei da primeira vez que seus lábios se encostaram nos meus.

   FLASHBACK ON

  "   Estávamos ali aos uns bons minutos, nossas respirações estavam irregulares, nossas línguas já dançavam em uma sincronia perfeita dentro de nossas bocas.

   Virei ela contra a parede de uma vez, peguei em sua coxa e a puxei pra cima com isso ouve mais contato entre nossos sexos, rebolei sobre seu sexo enquanto desci os beijos para seu pescoço.

  - Lau...ren, temos que ir - Ela estava tentando não gemer, mas era impossível eu não conseguia me segurar aqui.

  - Não, não, tá cedo - subo novamente, dando um mordida em seus lábios. - Você tem um beijo de enlouquecer Camila.

  Não deixei ela responder e peguei ela no colo segurando em suas duas coxas, enquanto ela maltratava minha nuca com suas unhas curtas. Já a sentei sobre o carro que havia ali, puxei seu corpo pra mais perto do meu.

  - Fode comigo aqui Camila. "

   FLASHBACK OFF

   Sua resposta foi não, naquele momento mais foi melhor pra nós. Porque depois foi espetacular sorri com meus pensamentos.

  FLASHBACK ON

  "   - Você demorou, to quase desistindo já. - Desisti não vai mesmo.

  - Você não vai desistir, agora você vai até o final ou está com medo ? - Aproximo dela, acendo a luz da garagem.

  - Medo de que claro que não.  - Eu sorri com isso, tava claro que ela estava com medo.

  - Com medo de eu te machucar, por que vamos dizer eu sou bem grande sabe - Rindo, pegando em sua mão colocando por cima da calça mesmo,  pra ela sentir o comprimento. - É grande ou não é ?

  Ela arregalo os olhos sentindo meu comprimento, e deslizou sua mão por todo meu comprimento.

  - Sim é... grande. - Mordendo seus lábios.

  - Põe a mão nele. - Abaixando a calça, libertando meu pau que pulou duro pra fora.

  - Porra, é...é não entra em mim isso ... não.  - Sem tirar os olhos do meu pau.

  - Relaxa, okay. - Ponho meu indicador sobre seus lábios. - Eu sei o que eu to fazendo. - E então a beijei, enfiando a mao entre seus cabelos puxando um pouco. - Senta no capu do carro. - Falei olhando diretamente em seus olhos. - E deita, quero me deliciar um pouco do seu corpo. "

  FLASHBACK OFF

   Eu estava com medo, sim eu estava nunca precisei tanto de uma pessoa como preciso dela.

  - Merda Lauren, não aconteceu isso. - Encostei a cabeça no azulejo gelado. - Você não pode estar apaixonada por ela não mesmo. -  Eu estava tentando omitir isso de mim, mais como se todas as células do seu corpo quer a única pessoa, que está alguns quilômetros de distância.  Sim não tinha como mentir eu estava, completamente, incondicionalmente apaixonada por Camila Cabello Hemsworth. 


Notas Finais


AAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAH É DISSO QUE EU TO FALANDO JSBSGUAHSBJAHSIDHBSHSV LOVE U


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...