História Ingratidão De Amor - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias EXO
Personagens Lu Han, Sehun
Tags Hunhan
Visualizações 14
Palavras 766
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Yaoi
Avisos: Homossexualidade
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 1 - Você Nunca Se Importou


Fanfic / Fanfiction Ingratidão De Amor - Capítulo 1 - Você Nunca Se Importou

Você me feriu e isso doeu demais. Talvez você nunca sinta essa agonia que trago dentro do meu peito, talvez você nunca vá saber o que é se sentir assim......O que é carregar tamanha tristeza no coração.

Ser magoado por alguém que se ama dói muito mais do que uma dor física ou um machucado qualquer. Dói na alma.

Você nunca se importou com meus sentimentos, se me magoava, se me chateava, se me deixava mal com as coisas que fazia ou me dizia.

Nunca senti tanta tristeza na vida.....

Você me pergunta se o que fez realmente me feriu, mas isso importa? O que você fez está feito e não há como voltar atrás. Não se pode mudar o tempo e nem apagar o que se passou, principalmente apagar as lembranças ruins ou fazer com que essa ferida cicatrize mais rápido.

O que me machuca mais não é o que você fez, Sehun, mas sim as atitudes que tem agora. Como foi fácil para você me esquecer e seguir a vida, mesmo sabendo do mal irreparável que me causou.

Enquanto eu não consigo passar um dia sequer sem chorar, você segue em frente como se nada tivesse acontecido. Isso dói demais, sabia?

Eu sempre fui uma boa pesoa, sempre procurei entender os motivos dos outros, pwerdoar os erros. Infelizmente percebi que não adianta ser assim, pois as mágoas sempre se repetirão. Dói dizer isso, mas ainda sinto a sua falta, apesar de tudo o que aconteceu entre nós. Embora você tenha me magoado demais e acabado de vez com todos os bons sentimentos que eu tinha, não sei por que essa saudade da sua presença não passa.

Eu queria ser uma pessoa assim igual à você, sem nenhum pingo de sentimentos, que não se importa com nada além de si mesmo. Felizmente não sou, porque se fosse não me magoaria tanto, não sentiria essa dor absurda no peito, não me afetaria.

Toda vez queme lembro de você e de tudo o que aconteceu, meu peito fica apertado, as lembranças voltam e a vontade de chorar é quase imediata. Queria pensar que sou capaz de te perdoar.

Como pôde me magoar dessa forma, depois de tudo o que eu fiz por você? Eu me doei, fiz coisas que jamais pensei que pudesse fazer por alguém, perdoei os seus erros e te aceitei de coração aberto.

Nada dói mais do que a sua ingratidão.....

Parece que eu não existo mais em sua vida ou que nunca fiz parte dela. Você se desfez de mim e de todas as nossas lembranças. Jogou tudo fora e me feriu agindo como se um dia não tivesse me amado.

Suas palavras não dizem nada e nem fazem questão de explicar muita coisa. Você não se arrepende do que me fez, mesmo sabendo o quanto suas atitudes me mahucaram profundamente.

Apesar de tudo, aprendi a não guardar rancor e não me culpar pelos erros e mancadas dos outros. Eu não queo ser igual.....Não quero me tornar uma pessoa amarga e fria.

Quando não se é capaz de fazer alguém feliz, não a faça sofrer e não deixe que ela perca a alegria e a esperança.

Vou dar um basta em tanta tristeza e seguir a minha vida, pois não quero mais ficar esperando mensagens e ligações que nunca vêm. Quero alguém que saiba me conquistar a cada dia com carinho, atenção e respeito.

Sei que não será fácil afinal de contas o amor enraizado é difícil de sair do coração. Ainda te amo, mas não posso mais continuar te amando. Te quero, mas não devo te querer. Tenho medo de reviver meu sofrimento e voltar a cair no mesmo erro.

O verdadeiro ódio é o desinteresse e o assassinato perfeito é o esquecimento. A mágoa é uma prisão.....O cárcere da alma, o calabouço das emoções, a masmorra escura onde seus prisioneiros são atormentados dia e noite sem parar.

Saiba que o mundo dá voltas e um dia alguém vai te magoar tanto quanto você me magoou. Um dia você vai estar no meu lugar e finalmente conhecerá a dor dilacerante da indiferença, do desprezo, do abandono, da perda. São dores que fazem sangrar mais do que qualquer ferida.

Se sentirá diminuído, sem valor, sem energia ou força sequer para respirar, então virá o arrependimento tardio. Vai doer? Vai, mas você vai acabar aprendendo novas lições de vida e só assim compreenderá que não sabemos o que nos reserva o dia de amanhã.

Todos erramos e pode ser que lá na frente, na curva amarga do destino, eu encontre você humildemente pedindo perdão.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...