História Ingredientes perfeito - Capítulo 3


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Personagens Originais, Rap Monster, Suga, V
Tags Bts, Hot, Jin, Romance
Visualizações 82
Palavras 1.253
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Famí­lia, Romance e Novela
Avisos: Álcool, Linguagem Imprópria, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 3 - Compras


Fanfic / Fanfiction Ingredientes perfeito - Capítulo 3 - Compras

Alguns dias depois..... 

 * S/n on *

Estávamos sem nada pra fazer no restaurante, estava quase vazio ja que todos ja tinha almoçado, o restaurante de Jin era bem movimentado por sinal, me deixando com trabalho e gritaria pra todo lado. 

Ainda estava me adapitando com aquele tanto de menino a minha volta, Jimin tava no caixa fazendo alguns cálculos e Yoongi tava dormindo no sofá enquanto o resto como eu ficava no celular. 

Jimin: Temos um problema. 

Ele disse indo ate Jin que tava perto de mim entregando umas coisas pra ele.

Jin: Que é isso? 

Jimin: Você tem que ir comprar essas coisas, não tem na dispensa e são tempeiros e coisa importantes pro jantar. 

Jin: algum dos meninos vai lá.

Jimin: Você que sabe quais são essas coisas...nem eu sei. 

Jin: Ta bom, quem vai comigo? 

Todos ficaram num silêncio mortal e olhavam pro teto fingindo não saber de nada, me levantei e puxei Jin.

S/n: eu vou....

Jin: Ta bom, até as 7:00 a gente volta. 

Ele pegou o papel da mão de Jimin e fomos pro carro, ele foi em silêncio prestando atenção no caminho e eu fui mexendo no celular, sorrir assim que paramos em um  supermercado Grande. Jin saiu com a lista e eu fui com ele.

Entramos e tinha bastante gente, ele pegou um carinho e eu fui ao seu lado vendo a lista e pegando algumas coisa no meio do caminho. 

Jin: Tem bastante coisa, melhor nos separar. 

S/n: e se eu me perder? 

Jin: Você tem quantos anos? 8? 

S/n: eu nunca vim aqui Jin, e muito grande. 

Jin: Vai no setor de legumes e trás esses, qualquer coisa pergunta pra um guarda. 

Peguei a Folha da sua mão e fui pro setor e legumes, tinha bastante coisa e eu fui pegando as que pareciam mais saborosas, passou uns 15 Minutos e eu não vi nenhum guarda ou Jin, homen daquele tamanho sumiu do nada. 

Estava saindo quando vi Jin ao lado de uma loira peituda que parecia trabalhar no supermercado, sorrir debochada e fui ate uma bancada que tinha um microfone e fiz meu show. 

S/n: AMOR!! JIN, SUAS PIRULAS EU ACHEI... 

Ele virou e a loira logo começou a rir e saiu, ele abaixou a cabeça fingindo não ser com ele, sorrir e fui ate ele colocando os legumes no carinho e fui andando na frente  ouvindo xingamentos de Jin. 

Chegamos no balcão e coloquei as coisas la, Jin ainda tava puto e dava pra ver em seu rosto.

Jin: Pílula? Você e doida? 

S/n: Achei que você queria...pra Seu amiguinho subir. 

Jin: isso vai te volta. 

S/n: tremendo...de...MEDO!! 

sorrir e peguei  as sacolas, estavamos indo Embora quando uma moça velhinha nos parou entregando uns folhetos, Jin  sorriu  e eu acompanhei ele. 

Moço:Que lindo o casal indo fazer compras, e pra seus filhos? 

Jin: Filhos? 

S/n: N....

Jin: SIM, e Pra isso mesmo, eu sou casado com uma mulher muito safada, tivemos 6 filhos acredita? Tudo meninos...e ela quer mais.

S/n: j-Jin. 

Moca: Sim, sua namorada e esperta um homem bonito desse. 

S/n: E sou sim, aliás  vamos tentar  ter o setimo agora, por isso a pílula. 

Jin: Cabo conversas...as crianças estão com fome em casa amor. 

S/n: so as crianças Jin? 

Ele me puxou  pro carro e jogou as compras no banco detrás, ele estava putasso, e eu com uma grande vontade de rir. 

Chegamos  no restaurante e os meninos tiraram as compras e eu fui pra cozinha com Jin e Yoongi  que estavam guardando  as coisas, jin  Estava mudo e eu fiquei conversando com Yoongi. 

"JIN ON" 

Estava tentando fazer a comida mas o casalzinho  não calava a boca um minuto se quer, eles riam  e ajudavam o outro a fazer a comida, isso estava me irritado. 

Sério? Pílula, por que ela fez aquilo? Ela so pode ser louca. Era hora  do jantar  e eu tava cozinhando enquanto os dois faziam o mesmo do outro lado da cozinha. 


[☆☆☆] 

Ja era hora de sair e todos estavam indo embora  eu sempre ficava pra fechar o restaurante, estava apagando as luzes  quando ouvi s/n aparecer na escuradao, as luzes estavam apagadas e o padrão  ficava na cozinha. 

S/n: Não acredito que aquele demente me deixou aqui. 

Jin: EU TO AQUI!! 

s/n: Jin, me tira daquiiiiii... 

Jin: Para de escândalo, ja tô chegando. 

Fui entrando batendo as mãos caçando  aquele ser minúsculo, estava  preucurando quando senti suas mãos pegarem a minha, sorrir  e puxei ela fazendo ela ficar bem perto, senti seus batimentos e por algum motivo estavam acelerados. Talvez fosse por minha causa.

Jin: Você tem medo  de escuro? 

S/n: so um pouquinho...vamos sair. 

Jin: Calma..seu  celular tem lanterna? 

S/n: ta  descarregado Jin. 

Jin: segura na minha mão, não vou sumir. 

S/n: Promete? 

Jin: Prometo.

Entrelacei nossos dedos e puxei ela, suas mãos pequenas me fizeram sorrir, puxei até a porta e Abrir e ela não soltou minha mão e eu olhei pra ela vendo sua pupila dilatar. Era medo? 

Jin: pode ir agora. 

S/n: Ta bom. 

Jin: Pode largar Minha mão. 

S/n: Ata...tchau. 

Ela saiu  pegando um táxi  e eu fui com meu carro  Pra casa, so consegui pensar em seus olhos o caminho todo, suas carinha de assustada foi a melhor coisa do meu dia. 

Cheguei no meu apartamento e tava botando a chave quando vi aquele piguimel passar, que ela tava fazendo aqui? 

Jin: BAIXINHA??? 

s/n: Que você faz aqui? 

Jin: Esse e meu prédio. 

S/n: Ta me zuando  ne? Eu mudei pra ca ontem..

Jin: Não acredito...além de passar vergonha no trabalho ainda vou passar no meu prédio....você não me conhece viu? 

S/n: quem e você? 

Jin: isso aí. 

S/n: agora EU tenho que ir por que tenho visita.

Jin: Namorado? 

S/n: desculpa  senhor, não compartilho Minha vida com estranhos. 

Ela saiu entrando na última porta do corredor, entrei em casa e tomei um banho quente e botei uma calça molemtom cinza, fui pra cozinha fazer minha comida.

Mas ela disse que não tem namorado, e agora vai ter uma visita?....isso não e da sua conta Jin. Fica quieto.


"S/N ON" 

S/n: ficou bom? 

☆☆☆: tá  ótimo.

Sorrir olhando pro mais novo que comia comida com vontade, Mark era meu irmão de consideração  e era um amorzinho, ja  fazia anos que não provava minha comida. 

Mark: como vai o trabalho? 

S/n: e legal, trabalho com que eu gosto.

Mark: Sério, tem alguma gatinha? 

S/n: (risos) Nao, so sua irmã mesmo. 

Mark: Não tem outras meninas? 

S/n: Não, nem na faxina  tem. 

Mark: como e seu chefe? 

S/n: arrogante, chato, irritante, egoista e idiota. 

Mark: voce ta caidinha por ele.

S/n: cala  a boca e come logo. 

Dei um tapa  em sua cabeça  e fui com ele até a porta ja que ele ia embora, estavamos saindo quando Jin  apareceu, ele sorriu parando na frente de Mark.

Jin: Olha sua companhia ai.

S/n: Que foi Jin?

Mark: ela tá caidinha  por você.

S/n: Cala  a boca muleke.

Mark: ja vou maninha.

Dei um beijo na  bochecha de Mark  e jin parou rindo, ele não acha que  o que Mark disse era verdade ne? ALGUÉM DIZ QUE ELE NÃO ACHOU ISSO.

jin: Seu irmão. 

S/n: Sim, ele veio me ver desde que sai e casa  não nos vemos. 

Jin: Ata... 

S/n:E você  ta fazendo o que aí? 

Jin: Eu? Tava preucurando o síndico do prédio. 

S/n: okay, boa noite. 

Jin: Boa noite.

Ele saiu pra sua casa e eu fui pra  minha, fiquei analisando o meu dia e não deveria ter feito aquilo com Jin,  a Gente tava parecendo cão e gato. Era engraçado irritar ele. 


"Meu prato favorito tem um pouco de você." 



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...