História Inimă otrăvit( coração envenenado) - Capítulo 2


Escrita por: ~

Postado
Categorias Hakuouki, Naruto, O Senhor dos Anéis (The Lord of the Rings), Originais
Personagens Anko Mitarashi, Arwen, Bilbo Bolseiro, Chiyo, Chouji Akimichi, Elrond, Frodo Bolseiro, Fugaku Uchiha, Gaara do Deserto (Sabaku no Gaara), Galadriel, Gandalf, Gimli, Hinata Hyuuga, Ino Yamanaka, Itachi Uchiha, Izumi Uchiha, Izuna Uchiha, Juugo, Kakashi Hatake, Kankuro, Karin, Kiba Inuzuka, Kizashi Haruno, Konan, Kushina Uzumaki, Legolas, Madara Uchiha, Meriadoc "Merry" Brandybuck, Mikoto Uchiha, Naruto Uzumaki, Neji Hyuuga, Obito Uchiha (Tobi), Peregrin "Pippin" Took, Personagens Originais, Rin Nohara, Sakura Haruno, Sasuke Uchiha, Shion, Shisui Uchiha, Tayuya, Temari, TenTen Mitsashi, Thranduil, Tsunade Senju
Tags Hakuouki, Naruhina, Naruto, Originais, Sasusaku, Senhor Dos Anéis
Exibições 17
Palavras 1.916
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Artes Marciais, Aventura, Crossover, Drama (Tragédia), Ecchi, Famí­lia, Fantasia, Ficção, Lemon, Luta, Magia, Mistério, Misticismo, Romance e Novela, Saga, Shoujo (Romântico), Sobrenatural, Suspense, Universo Alternativo, Violência
Avisos: Heterossexualidade, Linguagem Imprópria, Mutilação, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas da Autora


Ola pessoal voltei com mais um capitulo para vocês espero que gostem a ruiva ai em cima e a Kaori logo vocês vão descobrir quem e ela e a historia dela então boa leitura espero que gostem

Capítulo 2 - În jurul Itachi și poarta de acces spre terenul mediu


Fanfic / Fanfiction Inimă otrăvit( coração envenenado) - Capítulo 2 - În jurul Itachi și poarta de acces spre terenul mediu

Deixei a galeria do palácio e  segui até a garagem,  teria que ir para a Uchiha's Corp,  não poderia deixar  a empresa nas mãos dos  sócios por muito tempo. Dirigi por 20 minutos até visualizar a grande edificação, desci do carro e o deixei nas mãos do manobrista da empresa. Me retirei em direção ao prédio e passei  pelas grandes portas de vidro adentrando a sede da empresa. Fui recebido por Shion
—Olá senhor Uchiha.
— Bom dia Shion o que temos para hoje?
— Adiei sua reunião das 9:30 para as 10:00 ou seja daqui a 40 minutos, depois o senhor tem mais 4 reuniões, uma delas com o dono das empresas Shisengumi.
Eu escutava atentamente tudo que Shion dizia, nós pegamos o elevador e não notei quando as portas se abriram.
Fui para minha sala e Shion seguiu para sua mesa.
Larguei a pasta com os documentos, sentei em minha poltrona e comecei a analisar os vários papéis a minha frente. Eram documentos relativos a economia dos paises que eu regia, contratos, relatórios de missões executadas por elites sob meu comando, para mim não era anormal ter relatórios do pentágono em minha mesa enquanto eu estou na empresa, afinal, as pessoas mais próximas sabiam o que e quem eu sou. Estava concentrado  nos papéis a minha frente quando  minha porta foi aberta bruscamente rompendo o silêncio que até então reinava no ambiente.
— Não se pede mais permissão  hoje em dia? — disse o mais calmo que pude
— Eu passo seis meses longe e é assim que você me recebe?  estou profundamente magoado. não   precisava encarar o ser a minha frente para saber de quem se tratava pude sentir o cheiro logo que ele entrou na sala. Ergui minha cabeça  fitando
o rapaz a minha frente.
— O que você quer Itachi ?
— Nada , apenas estava com saudades, estava sentindo falta de casa, dos seus sermões, de implicar com a Kiara, de ver você surtar  com o conselho, de te ver defender a mim e a Kiara com unhas e dentes principalmente com os dentes. — itachi suspira e volta a falar — enfim falta do meu lar .
— Você foi viajar por que quis, disse que queria andar com as próprias pernas , saber como era a vida longe da minha proteção, parar de viver a minha sombra. — Disse me lembrando de quando ele anunciou que iria viajar pelo mundo por um tempo.
— Sim, eu sei mais é que senti uma necessidade de voltar, meu peito doía toda vez que lembrava de casa, entende ?
—Talvez.
— Bem era apenas isso, vou indo antes que você me expulse daqui, ou que seu mal humor me contamine.
— Concordo. Estou ponderando seriamente sobre te expulsar daqui — vejo Itachi se levantar.
— Até mais Sasuke, nos vemos em casa. Se cuide.
Meu irmão saiu da minha sala, me deixando sozinho novamente, o que para mim era um alívio. Não que a sua companhia não me agradasse mas meu dia estava sendo um inferno e minha paciência ficando nula. Volto novamente a minha tarefa, estava analisando a economia de alguns paises
quando minha porta e novamente escancarada.
— Teme eu acabei de ver o itachi o que ele queria ?
— O mesmo que você. — Digo encarando o loiro no batente da porta.
— Como assim?  — pude ver seu ar de confusão
— Esgotar minha paciência.
— Nossa simpatia mandou lembranças.
— Diga a sua amiga simpatia que eu também mandei lembranças pra ela.
— Você está cada dia pior, está se  fechando, se recusa a falar sobre o que aconteceu, você não superou isso Sasuke. — Seu tom divertido ficou sério e carregado de preocupação.
— Superar Naruto, falar é muito fácil. seus pais ainda estão vivos e você não carrega um continente inteiro nas costa — Deixo minha raiva tingir minha voz.
— Tudo bem sasuke você quem sabe, não quero discutir mais. Se precisar de algo, lembre que você não esta sozinho
Dito isso, Naruto saiu da minha sala. Já estava esgotado e nem metade do dia havia se passado ainda. Fechei meus olhos tentando me acalmar, o que foi em vão. Minha vontade era deixar tudo para trás e sumir no mundo, cortar ligação com todos e viver a minha eternidade sozinho e em paz, mas mesmo que eu  estivesse sozinho, meus  demônios e meu passado me perseguiriam onde quer que eu fosse. Fugir não era uma opção. Fugir nunca foi uma opção.
Precisava me recompor, caso contrario eu sairia correndo dali sem dizer nada a ninguém.
Mas eu não podia fazer isso. Múltiplas reuniões me aguardavam.
Fui trazido de volta dos meus pensamentos pelo bipe do telefone da minha sala.
— Diga Shion.
— Senhor Uchiha, Kaori está aqui e disse que não vai embora sem falar com o  senhor.
Era só o que me faltava! Kaori aqui, eu não precisava de mais problemas ponderei seriamente mandar Kaori embora mas ela faria um escândalo.
— Tudo bem Shion mande ela entrar.
— Agora mesmo senhor Uchiha .
Estava torcendo para que ela fosse rápida. Eu estava cansado e extremamente ocupado também. A reunião com o conselho havia sido muito exaustiva.
Senti o perfume enjoativo invadir o ambiente. Kaori era um bom passatempo mas nada que eu desejasse levar  a sério, afinal eu a usava apenas para me satisfazer. Mesmo assim, ela  mantinha a ilusão de que um dia eu a amaria e me casaria com a mesma. Completamente louca.
Não percebi que ela já havia entrado, só notei-a quando ela já estava sentada em cima da minha mesa.
— Bom dia meu amor .
— O que quer aqui Kaori? — Ela estava com um vestido preto  completamente insinuativo e decotado, um batom vermelho e salto da mesma cor.
— Ver como você está, você não foi mais me ver — Ela disse cruzando as pernas e fazendo um bico estranho.
— Não tenho tempo, eu sou ocupado e você sabe disso. Tenho que lidar com o conselho e com a empresa é muita coisa para ser administrado por uma pessoa só.
— Eu vim resolver seus problemas — Ela disse descendo da mesa.
— Vai fazer o que? Matar meus inimigos por mim? — disse sarcástico, tudo o que eu queria era me livrar da Kaori, terminar aquelas reuniões e ir embora. 
— Não, mas eu tenho uma ideia melhor — Kaori senta no meu colo e joga seus braços ao redor do meu pescoço e nesse mesmo instante a porta é aberta por Shion.
— Senhor Uchiha a sala de reuniões já esta pronta e os presidentes já estão lá.
— Tudo bem Shion diga que já estou indo — Ela apenas acena positivamente com a cabeça e sai.
— E agora em que parte nós estávamos? — Ela diz abrindo os botões da minha camisa.
— Na parte em que você sai de cima de mim e eu vou pra minha reunião.
— Não acredito nisso Sasuke e a gente como fica? —  O desgosto em sua voz era evidente.
— Não sei, até por que nunca existiu a gente. — Digo sem me alterar afinal aquilo era a mais pura verdade.
Kaori se levantou e veio em minha direção se lançando em cima de mim
— Não faz assim Sasuke por favor, não faz isso com a gente.
— Kaori nunca existiu a gente — Eu já estava segurando a maçaneta e arrumando minha camisa
— Não adianta você negar nosso amor Sasuke! Eu não vou desistir de você!
— Kaori você faz o que quiser, se  quiser desistir desista, para mim não vai mudar absolutamente nada.
Deixei a mesma parada na porta da minha sala.  Espero que ela já não esteja mais lá quando eu voltar. Entrei no elevador e apertei o botão para ir até o 48° andar já que meu escritório era no 50°andar do prédio. Saí do elevador e quando cheguei até a sala de reuniões todos já estavam lá.
— Bom dia senhor Uchiha.
— Bom dia a todos.
Começamos a reunião falando da economia e do PIB da europa depois passamos a falar do desenvolvimento tecnológico e da Educação e por último saúde e política.
Quando todos foram embora já era por volta do meio dia, dispensei Shion e disse que voltasse apenas as 14:00 que era o horário da próxima reunião que seria com Toshizou Hijikata essa não seria uma reunião de negócios mais  sim sobre o  conselho e o pentágono.
Toshizou foi meu discípulo enquanto eu ainda era apenas príncipe e meu pai estava vivo.
Era irônico um vampiro morrer, mas isso é possível já que ele foi assassinado.
Voltei a minha sala para adiantar os papéis que não pude analisar por ter perdido tempo com Kaori
estava tudo em extremo silêncio mas de  repente minha audição capta o som de passos no corredor. A empresa deveria estar vazia, pelo menos  era o que eu pensava. Os passos ficaram mais próximos e a adrenalina corria nas minhas veias. Retirei a pistola 45 que estava na parte inferior da minha mesa e me escondi atrás da porta que estava entreaberta. A porta foi aberta e eu imobilizei a pessoa e coloquei a arma na nuca somente quando a adrenalina passou voltei a raciocinar vendo quem estava na mira da minha arma. Não podia ser. Meus olhos não acreditaram no que viam.
— Você ?

Kiara on
Está tudo pronto para a escolta do pentágono que era constituída por 20 homens armados que atravessariam o portal comigo. terminei de atrelar a sela gigante em Ayena  e me dirigi até os soldados que estavam terminando suas tarefas
— Está tudo pronto?
— Sim senhorita partimos em dois minutos.
— Ok.
Continuei andando pelo pátio do palácio, tirei o relógio do meu pulso e o celular do bolso, coloquei em uma mochila que ficaria ali.
Uma voz me chamou.
— Pensa que vai a onde sem mim?
— O que você ta fazendo aqui Bryan?
— Vim cumprir meu dever my lady.
Eu não estava acreditando no que via ele havia sido dispensado dessa função a meses
— Isso é sério?
— Sim.
— Por quê?
— Fiquei preocupado  se você ficaria bem afinal vai ter de encarar o mesmo em menos de 2 minutos.
— É eu sei, mas vou ficar bem .
— Claro você sempre fica bem, mas não se esqueça que eu estou aqui se precisar
— Sim, você sempre está.
vejo Bryan se afastar e montar o cavalo ao meu lado. Vendo que todos estão preparados dou a ordem.
— Abram o portal — E assim foi feito, o conjurador concentrava toda a sua energia para que o portal certo se abrisse e foi o que aconteceu. Logo pudemos vislumbrar a dimensão a nossa frente.
— Então e isso senhores, a terra media — Os soldados olhavam deslumbrados por tamanha beleza. Era bom estar ali novamente. Nem parecia que havia sido palco de uma guerra, as torrentes de lembranças me invadem ponderei seriamente em voltar pra casa, porém eu já estava ali e não recuaria. Pude ver a comitiva que seria escoltada então varri com o olhar e o encontrei e naquele exato momento ele também me encarou um pouco pasmo. Acho que ele nunca pensou que me veria em frente uma tropa, mas as coisas mudaram. Eu mudei. E essa era a hora de provar tudo isso.

Continua........


Notas Finais


Pois e Chegamos ao fim de mais um capitulo pessoal deixem ai nos comentários quem vocês acham que invadiu a empresa ?e quem será essa pessoa que a Kiara encarou ? Se quiserem saber continuem acompanhando e queria agradecer a nodotekirin por ter betado o capitulo .
Curtam a pagina gaiola das corujas desde ate o próximo ;)


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...