História Innocence °Yoonmin° - Capítulo 8


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS), Big Bang, EXO
Personagens Chanyeol, D.O, D-Lite (Daesung), G-Dragon, J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Personagens Originais, Rap Monster, Seungri, Suga, T.O.P, V
Tags Bangtan Boys, Gay, Hot, Jimin, Lemon, Yoongi, Yoonmin
Exibições 1.141
Palavras 226
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Comédia, Crossover, Drama (Tragédia), Escolar, Hentai, Lemon, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Violência, Yaoi
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Drogas, Heterossexualidade, Homossexualidade, Incesto, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Não sei porque escrevi assim

Capítulo 8 - L


Algumas horas depois do acidente :
Pov Yoongi 

  Eu te observava respirar em uma cama de Hospital, você as vezes falava coisas aleatórias dormindo e eu sorria. Jimin... Você é como doces... chamativo, bonito, delicado e viciante. Quando mais eu provava da sua doçura, mais eu me viciava... Mais eu me perdia em você, você liberava em mim as  substâncias "felicidade e desejo"  e também liberava as mesmas substâncias do cacau... Mas por que sua pureza e... Inocência me atraiam? A verdade é que eu tenho essa resposta na ponta da língua. So me nego a pronuncia-la em voz alta. Talvez você fosse como um desenho da Disney... Talvez você fosse o Peter pan... E não fosse totalmente inocente e so se recusasse a crescer... Ou... Talvez não. Pra ser sincero, eu sei que... Você é simplesmente inocente e ponto. Talvez eu fosse um seriado da globo depois das 10... Ou talvez eu estivesse realmente apaixonado por você. E se eu quiser te levar pra tomar Cappuccino em uma cafeteria perto do Rio Han? Se eu quiser te deitar em minha cama? E se quiser sentir seu cheiro todas as noites? A verdade... É que eu não te quero pra mim. Eu te tenho. E Kook não irá tomar o que é meu por direito. Pois pra mim... Você é mais viciante que um pirulito.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...