História Inquebrantável II - Capítulo 2


Escrita por: ~

Postado
Categorias Megadeth, Metallica
Personagens Dave Mustaine, David Ellefson, James Hetfield, Kirk Hammett, Lars Ulrich, Personagens Originais, Robert Trujillo
Tags Cliff Burton, Dave Mustaine, James Hetfield, Lars Ulrich, Obsessão
Exibições 54
Palavras 923
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Crossover, Drama (Tragédia), Festa, Lemon, Mistério, Romance e Novela, Suspense, Violência, Yaoi
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Drogas, Homossexualidade, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Me desculpem a demora,mais eu estava tentando postar e sempre dava erro.Boa leitura!😘

Capítulo 2 - Que Lugar é esse?


Fanfic / Fanfiction Inquebrantável II - Capítulo 2 - Que Lugar é esse?


 Cliff POV's

 Abri os olhos lentamente sentindo os mesmos queimando devido a forte luz do sol.Meu corpo doía muito,como se eu tivesse levado uma surra de horas seguidas.


Não consigo me lembrar de nada,muito menos onde eu estou.Tudo na minha volta esta girando,sentei na cama tentando me recompor, mas , parece que isso só ajudou a me deixar pior.


Olhei em volta e percebi que este  quarto não era meu.Aquele quarto era diferente,as paredes eram pintadas de uma cor escura e morta.Havia um guarda-roupa e uma cômoda marrom no lado direito,Tinham vários quadros de alguns pintores nas paredes e um enorme tapete em forma de urso.


Aquele era um lugar me trouxe carias sensações ruins.Eu queria ir embora dali,correr ou até mesmo gritar ,mas não tinha idéia do que estava acontecendo ou onde eu estava.


Talvez esse possa ser o quarto de algum amigo,ou até mesmo o quarto de Junior.Não havia ninguém que pudesse me ajudar ali,o que me intrigava.


Levantei da cama e fui em direção a porta.No mesmo minuto,senti algo me puxando pelo pé esquerdo me fazendo cair de cara no chão.Olhei e pude perceber que estava preso em uma corrente.

          " Uma maldita Corrente"


Engatinhei até a mesma e tentei puxa-la na esperança de me soltar.Ela estava presa a parede,e mesmo que eu tentasse,nunca sairia dali.

Ouvi uns barulhos vindos do corredor,parecia passos.Fiquei encarando a enorme porta até vê-la se abrindo.Não acreditei no que eu vi,James estava parado me encarando.


-Como se sente?-

-James...?-

James deu uma risada e sentou-se em uma poltrona.Fiquei encarando-o por longos minutos,ele estava nervoso,apreensivo talvez.A verdade era que, seu rosto esboçava uma mistura de preocupação e medo.


-Nós vamos ficar juntos para sempre.-Ele disse me olhando.Eu não teria sentido medo se ele não estivesse com um olhar fixo e estranho em mim.

-Eu quero ir embora daqui!-Esbravejei

-Isso não será possível.-

-E porque não?-Perguntei me sentando na cama.

James se curvou para frente e fez uma cara tão seria que qualquer um teria medo.Senti minhas bochechas esquentarem .Droga,agora eu dei pra arredar.


James caminhou ate onde eu estava e se sentou ao meu lado,tentei me manter calmo, mas , não estava conseguindo pensar direito com ele me encarando.


-Você nunca vai embora daqui Cliff,você é só meu e de mais ninguém.-


Senti meu coração batendo rapidamente.Como assim eu sou dele?Sou um ser humano livre,não posso ficar em uma casa preso com um louco.


-Você está louco James.O que você fez com o Lars e o Junior?-Gritei

-Lars esta bem não se preocupe,mas o Junior?Depois de hoje eu acho que ele não vai ficar bem.-Disse


-James você não pode fazer isso,não pode me trancar aqui contra a minha vontade.-


Comecei a chorar ali mesmo,eu não consigo entender porque James fez isso.Eu confiei tanto nele...de qualquer forma eu acho que ele se aproveitou de mim.

-Fomos feitos um para o outro Cliff,você vai me amar querendo ou não.-Disse

Vi a porta sendo aberta,Kirk entrou e Parou ao lado de James.O mesmo falou algo no ouvido de James que concordou e saiu.Fiquei parado esperando pelo pior,Kirk colocou a mão no bolso e caminhou ate mim.Coloquei as mãos em meu rosto no intuito de proteger-me caso ele me batesse.


-Fica calmo Cliff,eu não vou machucar você.-Kirk pegou uma chave e tirou a corrente do meu pé.Passei a mão no hematoma roxo que ficou.


-Consegue se levantar?-Perguntou.

-Não.-Kirk me pegou pelo braço e saiu me arrastando quarto a fora. Eu tentei andar,mais meu pé estava doendo.Chegamos na cozinha e Kirk me sentou em uma cadeira,era um lugar bem iluminado e bonito.Olhei para a janela e vi varias árvores .

 

Não existia nada ali,nenhuma casa ,nem rua,nem nada.Apenas arvores e um vasto campo verde.Kirk  colocou um prato de comida na minha frente e sentou-se ao meu lado.


-Acho melhor você comer,James não quer você morrendo de fome.-Disse


-O que o seu amigo maluco quer comigo?Eu só o conheço a alguns dias e ele me sequestra.-

-Cliff,sei que você esta assustado com tudo o que esta acontecendo.Mas James fez isso tudo por amor.-Ele falou fazendo aspas.


-Amor?James sente tudo por mim menos amor Kirk,quem ama quer ver o outro bem e feliz,não amarrado em uma corrente.-


Kirk olhou para baixo e não disse nada.Seu rosto tinha uma feição estranha,como se ele estivesse querendo chorar,mais ao mesmo tempo estava com raiva.


Eu não queria ficar ali,tinha medo do que James poderia fazer.Teria que encontrar Lars e Junior,e sair dali o mais rápido possível,Kirk era o único ali que poderia me ajudar.


-Kirk por favor,sei que posso encrencar você.Mais eu te imploro,me ajuda a sair daqui.-Disse segurando suas mãos.


-Não,eu não posso fazer isso Cliff,se James descobrir Bom, eu não quero pensar no que ele pode fazer.


-James nunca vai saber que foi você,por favor me ajuda Kirk.-

-Cliff...eu...nã...-

-Pelo Lars.-Falei.-Eu sabia que por Lars,Kirk faria qualquer coisa.

-Tudo bem,eu prometo te ajudar.-Falou sorrindo.-Mas tome muito cuidado Cliff,James não é idiota.Ele vai saber se perceber algo suspeito.


Depois que eu terminei de comer,Kirk me levou para o quarto novamente.Eu supliquei para ele não me prender,mais ele disse que eram "Ordens" do James.


Agora eu estou aqui sozinho,Não sei onde o Lars está,nem se Junior está bem.Não consigo conter as lagrimas que teimavam em cair.Quando James chegou perto de mim,senti meu coração bater rapidamente.Minhas mãos suavam muito,eu não conseguia parar de olhar para aqueles olhos azuis.


Eu tenho que descobrir algo sobre James,sobre seu passado, sua vida , e quem é ele.Eu quero saber qual o mistério que ele guarda por trás daqueles olhos azuis


Notas Finais


Até o próximo Capítulo!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...