História Insegurança - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Exibições 30
Palavras 483
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Fluffy, Hentai, Shoujo (Romântico)
Avisos: Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Nudez, Sexo
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas da Autora


Um cap curto pq eu tava sem nada pra fazer, comecei a escrever e saiu isso ai '-'
Essa nem era ser a historia que eu tava pensando, mas ficou desse jeito e eu gostei, achei fofineo :3
desculpe os erros, eu fiz isso no meio da aula; deculpa a formatação, eu fiz tudo pelo cel e as imagens eu achei no google :3

Capítulo 1 - Capítulo Único


Fanfic / Fanfiction Insegurança - Capítulo 1 - Capítulo Único

Ele me beijava enquanto puxava minha blusa para cima. Eu ainda era virgem e ele sabia disso. Ele sentiu minha insegurança e logo cortou o beijo e me soltou a cintura, "se você não está preparada, fazemos outro dia", era egoísmo, talvez, mas eu respondi, "não estou preparada". Ele pegou meu queixo com os dedos, levantou e me deu um selo estalado, "tudo bem", ele disse. 

Deitamos abraçados, não havia malícia, e logo me arrependi de minha decisão. "Eu quero", ele me olhou surpreso, "certeza?" Eu não tinha certeza, mas concordei. Recomeçamos o beijo e ele tirou minha blusa, arrancou sua camisa e se pôs a me beijar. Desceu até o cós de minha calça. Eu assenti e ele tirou minhas vestes. Começou beijando minhas coxas, esperando que eu relaxasse, e quando fiz, ele me abriu lentamente. Ele se posicionou entre minhas pernas, voltou ao meu rosto e afirmou, "ainda podemos parar". Me neguei, não ia parar agora. 

Ele me penetrou lentamente e ficou parado, esperando meu corpo se acostumar com aquele a corpo estranho. Ele me olhava preocupado, esperava meu comando. "Já pode começar", disse quando me senti segura, e ele começou lentamente. Aos poucos, meu medo diminuía, mas não acabava. Senti uma sensação de prazer em meu corpo e sabia que estava gemendo. Apurei meus ouvidos e pude ouvir sua voz baixa e senti seu hálito em meu pescoço, ele também estava gemendo, e saber que podia proporcionar aquilo à ele me deixava mais excitada. 

Eu não sabia se estava preparada, mas ele aumentou o ritmo, ainda bem lentos, então permiti. Sabia que para ele, nossa dança estava devagar e tive a confirmação quando seu gemido se tornou mais prazeroso com nossa mudança. Achei que ficaria assustada, mas seus sons me deixavam apenas mais animada para continuar. 

Percebi que tinha fechado os olhos para aproveitar o prazer, mas quando os abri, percebi seu olhar travado no meu e um sorriso orgulhoso se formou em seus lábios. Baixei meus olhos para sua boca e voltei para seu olhar, ele me entendeu, eu queria um beijo, e recebi. Um selar apaixonado, molhado; nossas línguas se encontravam como se estivessem com saudade uma da outra. Sua mão encontrou a minha e entrelaçamos os dedos. Aquilo não era apenas sexo, era amor. Não aguentei e cheguei em meu ápice pela primeira vez e não tinha sensação mais gostosa. 

Acabei por chamar seu nome em meu momento de prazer e ele voltou a beijar meu pescoço, ele realmente estava orgulhoso. Logo ele também se desfez e deitou ao meu lado, virou seu corpo para o meu e perguntou, "você se arrepende?" Eu respondi com um balanço de cabeça, não tinha me arrependido, na verdade, não tinha pessoa melhor para me tirar a virgindade. Me agarrei ao seu corpo quente e recebi carinho em resposta. Deus, como eu o amava, e sentia que ele me amava também. 


Notas Finais


Espero que tenham gostado, eu tentei representar o medo e a insegurança da menina, não sei se deu certo
Não a julguem, ela é medrosa...
valeu falou :3


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...