História Inspiração - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Personagens Personagens Originais
Tags Ira, Loucura, Por Tal Insolência
Exibições 13
Palavras 490
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drabble, FemmeSlash
Avisos: Homossexualidade
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas da Autora


olá você que não me conhece. Esta história,narrada de uma forma singular, é cheia de erros estranhos porque fui eu mesma quem revisou. Eu a escrevi pensando em uma moça que conheci aqui no site, Iraiane, minha dongs <3, dedico totalmente a ela. Não escrevo bem, mas dou umas 'tentadas'.
+ 18 apenas por exigência do site.

Capítulo 1 - Escrever, apenas porque é sobre você.


Fanfic / Fanfiction Inspiração - Capítulo 1 - Escrever, apenas porque é sobre você.


Fazia um tempo um tanto longo que não tinha um lápis à mão, um caderno e a imensa vontade de despejar pensamentos em folhas em branco. Isso tem mudado agora que tenho ganhado um pouco de inspiração.
Inspiração, ontem mesmo assistindo a filha de Guimarães Rosa, um dos grandes escritores pertencentes ao reino dos defuntos brasileiros, a dizer que o pai costumava comparar inspiração a um estado de transe. Intrigada, tornei-me a costumeira criança faminta de ideias, e vorazmente nutri-me deste pensamento. É a consequência disto que aqui me trouxe.
“ O que a esta prendendo em transe, então? ’’, pode alguém perguntar-se.
 Sinto informar, com desânimo e desleixo, que de mim em situação tal, não podem partir afirmações sobre a grandeza do universo, ainda que tenha cogitado o fazê-lo, em segredo. De fato, a loucura que me domina tem longos cabelos, pretos como os de Iracema, é dona de um olhar que pode ser comparado ao de Capitu, oblíqua e dissimulada, repleta de curvas lânguidas e ainda assim, envolta na graça de uma donzela machadiana. 
“ Então trata-se de outro daqueles causos de gente besta e enamorada?”. 
Peço que não me interrompa ainda. Há muito som no silêncio que minha pessoa cria entre nós, se você que lê pudesse sentir a beleza da escuridão onde geralmente pode-se encontrá-la, a ler os clássicos de Stephen King com um sorriso de satisfação que harmoniza bem com a franja jogada na testa lisa. Se pudesse sentir a insistência da minha parte, a ânsia de desvendar o significado do rosto nublado de sentidos, quem sabe entonaria canções junto a mim? Deseja acompanhar-me?
Deixemos para um próximo delírio.
 A verdade é que gostaria de ter o dom da escrita, para torná-la eterna através de um conto, ou melhor, um romance, pois teria espaço e letras em maior número, ao que não deixaria tão incompleto o tamanho do sentimento que teima em meus sistemas, espalha-se e cresce como um câncer. E se tirassem uma fotografia de minha pessoa a cada momento raro em que minha semelhante permite-me amá-la sem receio, tenho certeza que estaria parecendo uma criança olhando o doce preferido. Mas que audácia compará-la a comida, onde estou com a cabeça?.
Sem mais detalhes, pois corro o risco de não conseguir voltar a mim.
A tal inspiração que me trouxe a minhas origens, pegando o lápis e o caderno velho, não mais utilizado, por um longo tempo, e me por devanear pensamentos em folhas em branco. A razão de me por escrever, parece não aperceber-se, não notar que meu estado é digno de pena, nem ao menos sabe que estou “em transe”, e que é a causa da minha embriaguez nos dias chuvosos. E por quanto tempo durará minha loucura? Rezo para que ainda muito, quem sabe assim não consiga terminar minhas dissertações de forma coerente. Por enquanto, peço perdão pela confusão, no entanto terei que finalizar por aqui, antes que termine em tragédia.
 


Notas Finais


eita, então você chegou até aqui? Parabéns guerreiro!. Agora sério, agradeço imensamente, não desejo views nem nada, sou uma leitora melhor que escritora. Abraços Felipe Oppa , que me incentivou , em breve posto uma negocinho pra você


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...